Conecte-se com a LIVE MARKETING

Digital

MediaMath lança solução de audiências dinâmica em tempo real

Publicado

em

MediaMath Adaptive Segments permite ativar audiências e alcançar públicos mais assertivos instantaneamente

A MediaMath, uma das principais empresas de mídia programática do mundo, anuncia um grande aprimoramento de sua plataforma de gestão de dados com o lançamento do ‘Adaptive Segments’, um produto que permite a agências e anunciantes alcançar e entender seus melhores clientes em tempo real, com a escala e sofisticação exigida pelo mercado atual.

Dados de clientes são complexos e fragmentados, e provêm de uma infinidade de fontes de diferentes plataformas e dispositivos. É muito difícil para os anunciantes obter uma verdadeira compreensão sobre seu público. O ‘Adaptive Segments’ resolve esse problema, permitindo que os profissionais de marketing definam suas audiências de forma granular em tempo real, compreendam como performam, as otimizem rapidamente e as ativem imediatamente. Esta poderosa solução de segmentação de audiência garante que os anunciantes tenham uma visão unificada de seus clientes para oferecer ofertas personalizadas em todos os canais e ao longo do tempo. O ‘Adaptive Segments’ é perfeitamente integrado à DSP da MediaMath para maximizar o desempenho e as métricas.

“O ‘Adaptive Segments’ permite que os profissionais de marketing transformem seus dados brutos em táticas de marketing, possibilitando uma comunicação mais efetiva com seus melhores clientes”, disse Keith Hawley, VP de Audience Platforms na MediaMath. “Não é nenhuma surpresa que as maiores marcas e agências da MediaMath já estejam usando ativamente o ‘Adaptive Segments’ para personalizar suas mensagens em todas as etapas da jornada do cliente e utilizar a mensagem certa no momento certo”.

A marca de moda de luxo italiana Luisa Via Roma tem usado o ‘Adaptive Segments’ e viu suas campanhas que utilizam a segmentação granular de audiências gerar um ROI/ROAS 11,7 vezes maior.

“A DMP integrada da MediaMath nos permitiu entender como nossos clientes se comportam e como alcançá-los no momento certo com as mensagens certas. Com o ‘Adaptive Segments’, fomos capazes de aprimorar, de acordo com as frequências dos anúncios que mais funcionaram e quais comportamentos no site os prospects mais promissores tiveram e, agir imediatamente para influenciar decisões de compra”, explica Véronique Franzen, Gerente de Marketing Programático da Luisa Via Roma. “Também foi crucial ter uma experiência de marca consistente em todos os canais, seja abordando um prospect ou um cliente existente. A solução integrada de gestão de identidade multidispositivo da MediaMath forneceu a base que precisávamos para atingir esse objetivo. ”

As principais funcionalidades do ‘Adaptive Segments’ incluem:

· Segmentação em tempo real: Não há necessidade de esperar por segmentos de escala — os dados já estão lá. O tamanho do público-alvo pode ser determinado em segundos, permitindo um planejamento inteligente e alocação de orçamento. Os segmentos podem ser redefinidos e duplicados ao longo do tempo sem ter que começar do zero. O investimento começa instantaneamente e a associação ao segmento é sempre exata;

· Testes e relatórios granulares: Conduza cenários sem gastar um centavo de orçamento para testar novos segmentos e entender como eles teriam performado em campanhas passadas. Em seguida, maximize seu ROAS focando apenas nos segmentos que mostraram melhor desempenho e não desperdice investimento em segmentos improváveis de terem boa performance;

· Integração direta à DSP da MediaMath: A integração nativa com a DSP omnichannel da MediaMath permite alcançar audiências instantaneamente para obter o maior alcance e escala possíveis. Ferramentas de audiência independentes geralmente perdem uma grande quantidade de audiência quando os dados são colocados em uma plataforma de compra de mídia. Usando uma solução integrada, os anunciantes podem chegar a 100% de sua audiência, e fazer isso, de uma forma muito simples, em um único sistema.

A DMP da MediaMath conecta dados diretamente às soluções de decisão e execução de mídia, criando um sistema único de registro ao longo do ciclo de vida do consumidor para impulsionar melhores resultados e maximizar o ROI de marketing. Além do ‘Adaptive Segments’, os componentes adicionais da DMP da MediaMath incluem ferramentas de integração de pixel e CRM, uma solução de gestão de identidade sem cookies e cross-device, ferramentas avançadas de análise e insights, dados proprietários de transação, informações preditivas e, ainda, dados de audiência third-party disponíveis através do ampla rede de parceiros da empresa.

Continue lendo

Digital

Agência3 assina projeto digital sobre sustentabilidade para DOW

Publicado

em

Diálogos Mais Sustentáveis é uma plataforma de conteúdo criada pela Agência3 para DOW, empresa líder em ciência dos materiais, com o objetivo de discutir os desafios mais críticos que envolvem a sustentabilidade na América Latina e propor ações de impacto positivo. A ideia é que seja um espaço de compartilhamento de informações e de parceria com a sociedade para a construção de um mundo mais sustentável. A Dow oferece produtos e soluções de base científica para mercados importantes como embalagens, infraestrutura e cuidados do consumidor.

A agência fornecerá conteúdo digital para reforçar a comunicação com vários públicos e dar visibilidade ao projeto, reforçando o compromisso da marca com a sustentabilidade. Entre as metas da empresa estão a redução das emissões anuais de carbono até alcançar a neutralidade em 2050, investir em tecnologia para reciclagem de plásticos e até 2035 oferecer 100% de produtos reutilizáveis ou recicláveis nas aplicações de embalagens.

“A intenção é, por meio do nosso hub de conteúdo, abrir um espaço de conversa que amplie o conhecimento para reforçar as mudanças em nome da sustentabilidade”, diz Willian Rocha, Diretor de Conexões da Agência3.

Continue lendo

Digital

Estácio é o novo cliente da Raccoon

Publicado

em

A agência de marketing digital Raccoon assume a conta da Estácio, um dos maiores players de educação superior no Brasil, com uma enorme presença nacional. Entre outras ações, o escopo de trabalho da agência envolve gestão, performance (mídias pagas, web analytics e design) e criação de conteúdo digital (conteúdo, CRM, CRO, SEO e Front End). A parceria entre as empresas teve início em dezembro de 2020.

De acordo com André Palis, sócio-fundador da Raccoon, a conta da Estácio era um desejo antigo da empresa e um enorme desafio para a equipe. “Trata-se de um projeto bastante profundo. O segmento educacional é muito concorrido, os players do setor têm uma presença forte e intensa no ambiente online, de modo que o nível de trabalho tem que ser bem elevado”, afirma.

Continue lendo

Digital

Com estratégia Reamp e soluções para aplicativo do Google e Facebook, Movida transforma app em um dos principais geradores de negócios

Publicado

em

O uso de aplicativos para serviços automotivos apresenta grande crescimento no Brasil: segundo o eMarketer, até 2019, a popularidade desse serviço entre os donos de smartphones cresceu a uma taxa de 15% por ano, desde 2017. Foi percebendo essa oportunidade que a Reamp, adquirida pelo digital partner global Jellyfish em 2020, e a Movida Aluguel de Carros, locadora de veículos que oferece soluções inovadoras em mobilidade urbana para todo tipo de necessidade, criaram um projeto de otimização de aplicativo com tecnologia Google que transformou a performance nesse canal. O projeto contou, ainda, com o estudo direcionado sobre Aumento de Conversão do Facebook, com otimização da campanha também pela rede social.

O projeto, que ganhou ainda mais visibilidade com mudanças necessárias provocadas pela pandemia de COVID-19, começou com uma análise simples: a observação de que o site concentrava todas as conversões online, enquanto o app, que oferece praticidade e rápido acesso, gerava somente visitas, não conversões. “Era uma questão de centralizar a ciência de dados em mensuração e direcionamento de campanha. Com o aplicativo otimizado para compra, restava entender como engajar o usuário e apresentar para ele a oferta oportunamente”, contou Charles Sperandio, CMO da Movida.

A solução da Reamp foi simples: centralizar a mensuração no Analytics Firebase, do Google, e enviar, por lá, notificações via push de acordo com variantes como clima, audiência mais responsiva e geografia. “A ferramenta do Firebase, nesse contexto, acaba sendo essencial para a estratégia de crescimento, centralizando as informações sobre o app em um só lugar e permitindo uma mensuração mais precisa de desempenho, possibilitando ajustar estratégias em tempo real”, comenta Gustavo Galli, Gerente de Parcerias do Google.

A aferição do valor da otimização de social, feita em parceria com o Facebook, calculou o incremento das vendas – um método conhecido como Conversion Lift. Foi possível observar que, dentro das campanhas de social, a pesquisa foi fundamental e revelou tanto a importância da campanha na rede social (responsável pelo aumento do ROAS – Retorno Sobre o Investimento Publicitário – em mais de cinco vezes), quanto da sedimentação da mensagem pelo multicanal – contribuindo, também para as compras feitas dentro do aplicativo. Em resumo, a nova estratégia da Movida no Facebook, com uma estrutura de conta mais simples e ferramentas disponíveis no próprio aplicativo, aumentou o número de pessoas interessadas em seus serviços.

Para a empresa digital, o sucesso veio de uma convergência de fatores. “Foi importante a nossa percepção do aplicativo, mas também a estratégia de centralização, organização e ativação dos dados de usuário. No fim, o que conseguimos foi contextualizar o aplicativo dentro da jornada de compra e torná-lo relevante para o usuário no contexto dele, coordenando as táticas de App+Site. Quanto à estratégia de push, só no primeiro mês de disparos, o número de reservas aumentou 17% e o número de aberturas do app cresceu 48%. É uma média de aumento de 69% em aberturas do aplicativo e 20% em reservas a cada disparo. Pensando na estratégia geral, em apenas quatro meses, a participação de investimento nas campanhas de app aumentou de 5% para 44%, enquanto as reservas passaram de 9% para 59%.”, conclui Adones Duarte, da Reamp.

Continue lendo

Tendências