Conecte-se com a LIVE MARKETING

Digital

IBM Watson permite conversa com personagens de Dom Casmurro em exposição no Itaú Cultural

Publicado

em

Obra de Machado de Assis é interpretada por aplicação tecnológica desenvolvida com inteligência artificial. Público pode fazer perguntas aos personagens do livro via texto

Quais perguntas você faria aos personagens de Dom Casmurro, uma das obras de literatura mais lidas no país? De 08 de junho a 06 de agosto, uma obra de arte computacional desenvolvida pela IBM, usando recursos de computação cognitiva, permite ao público interagir com Capitu, Bentinho e Escobar. A experiência interativa figurará entre as 10 obras que serão apresentadas na mostra Consciência Cibernética [?], realizada no Itaú Cultural, em São Paulo, até 13 de agosto.

Intitulada “Café com os Santiagos”, o projeto faz alusão ao sobrenome do protagonista Bento de Albuquerque Santiago (Bentinho) e recria, por meio de recursos de inteligência artificial, uma conversa entre o público da exposição e os três principais personagens do livro. Na prática, o visitante pode participar de ‘um café’ com Capitu, Betinho e Escobar e fazer perguntas a cada um deles através de um tablet. Cada questionamento é respondido usando trechos de diálogos da obra projetados na mesa usando recursos de animação.

A plataforma de computação cognitiva da IBM, Watson, foi utilizada para transformar os diálogos dos livros em conversas interativas com as personagens, ajudando o público a entender a obra de Machado de Assis por um ângulo totalmente novo e divertido. Exatamente por isso, o cenário da mesa de café da tarde inclui um jogo de chá, chapéus, toalhas de crochê e outros detalhes cenográficos que representam o período em que a obra foi escrita.

Machado de Assis é reconhecido pela construção de prosa e diálogos de grande sutileza, e Dom Casmurro (publicado em 1899) é considerado por muitos o melhor exemplo da literatura clássica brasileira. Em “Café com os Santiagos”, o formato de diálogo interativo, possibilitado pelos recursos de inteligência artificial, revela ao público vários elementos da complexidade Machadiana, incluindo a ambiguidade e a ironia característicos do autor, e materializa o mistério da história de Capitu.

“Este projeto explora de maneira inovadora o papel de plataformas como o Watson, que é o de ajudar seres humanos a extrair valor da enorme quantidade de informações que os cerca. A novidade desta aplicação é que uma conversa com múltiplos agentes de inteligência artificial ao mesmo tempo, o que vai ser a característica marcante da segunda onda de chatbots. Hoje, chatbots respondem perguntas e ajudam a realizar serviços simples, mas sempre de forma individual. No futuro vamos interagir com vários chatbots ao mesmo tempo, colaborando no processo de tomada de decisões como se estivéssemos em uma reunião.”, diz Claudio Pinhanez, líder de tecnologias de conversação do Laboratório de Pesquisa da IBM Brasil.

A obra interativa foi criada pelo executivo juntamente com Heloisa Candello, pesquisadora e designer do Laboratório de Pesquisa da IBM Brasil e o produtor e criador em artemídia, Paulo Costa. O projeto foi construído na plataforma de desenvolvimento de aplicações na nuvem, IBM Bluemix e utiliza os serviços de Watson Conversation, Watson Tone Analyzer e Watson Text-to-Speech. A aplicação permite a conversa entre os personagens e os visitantes, detecta a emoção nas perguntas realizadas e torna a obra acessível a portadores de deficiência visual com auxílio dos serviços de conversão de texto em fala por meio de um chatbot que roda em um tablet.

 

IBM Watson: plataforma cognitiva para negócios

O Watson representa a nova era da computação, no qual os sistemas compreendem o mundo de modo mais similar aos humanos: por meio de sentidos, aprendizagem e experiência. O Watson aprende continuamente por meio de interações prévias, ganhando em valor e conhecimento ao longo do tempo.

Como parte da estratégia da IBM para acelerar o crescimento da computação cognitiva, o Watson está aberto para o mundo, permitindo que desenvolvedores, estudantes, empresários e entusiastas técnicos possam explorar a mais avançada e diversa plataforma de computação cognitiva disponível atualmente para negócios. As soluções do Watson estão sendo construídas, utilizadas e empregadas em mais de 45 países, em 20 diferentes tipos de indústrias.

Continue lendo

Digital

Douglas, do vôlei, é o novo hit das redes sociais, confira!

Publicado

em

Douglas, do vôlei, é o novo hit das redes sociais, confira!

Na Vila Olimpíca, Douglas Souza ganha cada vez mais fãs e já tem até contrato assinado com a maior agência de influenciadores do país

Nesta semana, Douglas Souzaatleta da equipe de vôlei masculino da Seleção Brasileira, virou um sucesso nas redes sociais por entregar muito entretenimento ao público. O jogador, que tem 25 anos e já foi campeão olímpico na modalidade em 2016, aproveita o tempo livre enquanto a competição ainda não começa para fazer tours pelas instalações olímpicas e divertir os seguidores.

O atleta, nascido em Santa Bárbara d’Oeste (SP), tornou-se um ícone na internet não só pelo talento de influenciador, mas também por representar a comunidade LGBTQIA+ nos Jogos Olímpicos. Douglas é homossexual, foi o primeiro jogador da seleção masculina brasileira de vôlei a se declarar gay, há três anos, e faz parte da resistência de ser quem é no esporte.

O novo queridinho das redes começou a ganhar mais visibilidade após ter publicado um vídeo em que testava a resistência das polêmicas camas de papelão oferecidas aos atletas em Tóquio. Nele, Douglas aparece pulando e sambando na acomodação e atesta que dá sim para usá-la para fins além do descanso. Confira:

Apesar de normalmente gravar enquanto está ocioso, o atleta também já mostrou todo o seu carisma enquanto se preparava para treinar. Veja:

Ele também deu uma pausa pra falar sobre o uniforme oficial e mostrar como o look ficou. Tem como amar mais?

Douglas se tornou um nome tão falado nas redes sociais, que o número de seguidores do atleta só cresce. No início da semana, cerca de 300 mil pessoas acompanham seu perfil no Instagram, hoje (21), já são mais de um milhão de internautas seguindo a conta dele. Já avistando a fama, o jogador assinou com a Mynd8, maior agência de influenciadores digitais do Brasil. Veja a reação dele com o aumento dos seguidores:

Continue lendo

Digital

Agência Ecco é responsável pela comunicação digital da Máximo Decoração

Publicado

em

Agência Ecco é responsável pela comunicação digital da Máximo Decoração

A Ecco, agência de publicidade formada com o intuito de empoderar marcas por meio da criatividade, conquistou no último mês a conta da Máximo Decoração, loja de artigos para decoração de residências e empresas, que tem como objetivo facilitar a vida de arquitetos e decoradores.

A estratégia será traçada a partir da criação de landing page e de identidade visual, desenvolvimento de textos e artes, produção de fotos, além da gestão das mídias sociais, como Instagram e Facebook.

O objetivo principal da parceria é fazer com que a marca seja reconhecida pelos itens selecionados e pela qualidade, tornando-se referência em decoração e painéis verticais. Além de apresentar novidades e lançamentos do segmento, mostrando-se sempre próxima do mundo de arquitetos e decoradores, além é claro, de fidelizar os clientes.

Atualmente a Agência Ecco conta com 15 contas ativas em seu portfólio de clientes, 7 delas foram conquistadas entre 2020 e 2021.

Continue lendo