Conecte-se com a LIVE MARKETING

Agências

Grupo Talkability® consolida lideranças da Bullet no Brasil e lança The Story Shop® nos EUA

Publicado

em

A Bullet vem atuando não apenas como uma agência de live marketing, mas como uma agência de solução em comunicação e negócios no Brasil e ganha capilaridade com a nova agência do grupo com atuação nos Estados Unidos

O Grupo TALKABILITY®, liderado pelo sócio-fundador e CEO Fernando Figueiredo, consolida o processo societário e de lideranças da Bullet, iniciado em março de 2017, e lança a The Story Shop®, sua primeira agência em Miami, nos Estados Unidos.

Além da sócia e (CFO) chief financial officer Adriana Ribeiro, entram para o quadro societário o (CSO) chief strategy officer Aldo Pini e o CBO chief business officer Eduardo Andrade. Outra novidade na Bullet é a chegada do COO Iron Neto.

Aldo Pini chegou para liderar a grande mudança de produto da Bullet. Com passagem pela Bullet e visão estratégica diferenciada, era o nome chave na África até final de 2018, atuou como diretor geral de planejamento e atendeu marcas da Ambev e Vivo. A mudança no modelo de negócio trouxe outro grande talento para a sociedade, o Eduardo Andrade, que atuava na Bullet como diretor Geral de Negócios.

“Espaço é fundamental para novos talentos brilharem e este movimento é proposital. A agência não pode estar centralizada num único comando. Aldo é um profissional completo que não só entende da estratégia, mas do negócio dos clientes. Ele veio para liderar a grande mudança de produto da Bullet. Já o Eduardo Andrade é um dos homens de desenvolvimento de negócio mais completo que eu conheço. Vejo nele eu há 20 anos. Um cara que pensa muito no cliente e traz soluções não só o job.”, afirma Feof.

Faltava uma peça para completar o time e subir a régua de entrega criativa, de produção e operacional. “Foi aí que com o alinhamento do Universo apareceu o Iron Neto, ex-sócio da Tudo, o Iron é namoro antigo, mas dessa vez deu certo. Talento é o melhor combustível para a vida eterna de uma agência”, completa.

Com as alterações no quadro societário e na operação, a Bullet vem mostrando para o mercado que seu modelo de negócio vem mudando. A agência viveu nos últimos dois anos uma das mais profundas mudanças de sua história, envolvendo talentos, sociedade e, principalmente, produto, construindo cases com soluções que vão muito além do evento ou da promoção, promovendo marcas no digital, novos formatos de mídia e criação de produtos, num modelo pouco convencional. Apostando no marketing de dados, foi uma das pioneiras a aplicar Inteligência Artificial e Business Inteligence. Um bom exemplo disso é a sua plataforma promocional YouIn, que hoje possui mais de 1.8 MM de “promo lovers” que são ativados em qualquer iniciativa promocional da agência.

“Promovemos engajamento. E criamos TALKABILITY®, palavra que nos dá o tom há mais de 10 anos, o nome da nossa holding e marca registrada. Somos uma agência de ideias. De soluções.”

Nos últimos 140 dias, a Bullet realizou campanhas integradas que geraram Talkability®, on e off: o lançamento da nova camisa do Palmeiras para a Puma, a campanha digital de Stella Artois para o dia das mães, coletes vibratórios da Skol para incluir deficientes auditivos no Carnaval, a campanha Digital dos Haters para lançar a Puro Malte da Skol, o lançamento de Omo numa plataforma digital com influencers. Já para a Comgás foi realizado o lançamento da terceira campanha full evoluindo o conceito Encanei, criando um amplo plano de mídia de divulgação, on e off. E ainda, como uma das maiores autorizadoras de promoção do mercado, a agência está com diversas iniciativas na rua, como a Promoção de Camil que foi trending topic no Twitter.

“A Bullet voltou a atingir os índices de 70% de conversão em negócios. Entramos em clientes que nunca havíamos entrado como C&A, Facebook, Electrolux, Puma, Natura, Nestlé e Itaú. E ainda voltamos para clientes que fizeram história na Bullet como Unilever, Ford e Ambev.”

Feof continua ativo como CEO da Bullet e Business Development, desenvolvendo os negócios da agência, dividindo seu tempo na ponte aérea a cada duas semanas entre a operação brasileira e a The Story Shop®, agência multicultural que acaba de lançar em Winwood, Miami, dentro de uma galeria de arte. “A agência faz digital, eventos, campanhas, promo e social. Mas mais do que isso, cria ideias para o mercado Americano, conectando o processo bem definido da América com a flexibilidade e criatividade Latina.”, diz Feof.

A agência já nasceu realizando projetos para Facebook, Riverside, Bauducco, Spotify e David/Budwiser e atua em sociedade com a Altermark, a maior agência de OOH do mercado Latino, de Alexandre Cardoso e Emilio Medina, e a Concept ID, agência de eventos e life style de Marcelo Goulart, que entre outros projetos desenvolve o Miami Open para o Itaú.

“A The Story Shop é a Bullet® nos EUA. E a Bullet é a The Story Shop® no Brasil.”, finaliza.

Continue lendo
Clique para comentar

You must be logged in to post a comment Login

Deixe uma resposta

Agências

Ampla conquista a conta da Margarina Primor

Publicado

em

A Ampla – agência com sede em Recife (PE) e escritórios em Vitória (ES), Aracaju (SE) e Maceió (AL) – acaba de conquistar a conta da Margarina Primor, líder no segmento de margarinas de consumo nas regiões Norte e Nordeste. A agência cuidará de toda a comunicação e campanhas on e off-line da Margarina Primor. A marca pertence à Seara, da JBS.

“A Ampla será uma parceira estratégica da Primor na região. Vamos apoiar a marca no fortalecimento de sua liderança, além de reforçar para o consumidor a inovação e a qualidade dos produtos Seara”, explica Queiroz Filho, co-presidente da Ampla.

A Seara também possui as marcas Delícia, Doriana, Delicata, Gradina, Salada, Ricca, Cremosy e Cukin, e ocupa, atualmente, a segunda posição no mercado brasileiro de margarinas, com 35,5% de participação.
Continue lendo

Agências

WWF-Brasil e Loop Brands firmam parceria para gestão de contratos de licenciamento

Publicado

em

Num mundo cada vez mais consciente, no qual as pessoas estão mais atentas ao desperdício, reciclagem, reuso e consumo sustentável, o WWF-Brasil licencia seu icônico panda  – uma das marcas mais reconhecidas e queridas no mundo – com o objetivo de comunicar suas mensagens de conservação em prol do meio ambiente para um maior público possível, com produtos sustentáveis e que expressem as causas defendidas pela organização e que são endossadas pelos consumidores.

A agência escolhida para o gerenciamento da marca é a Loop Brands, já reconhecida no segmento de causas relacionadas com saúde, meio ambiente e relações sociais. A empresa será responsável pela prospecção e gerenciamento dos contratos de licenciamento de produtos que visem um mundo mais sustentável, com maior respeito à biodiversidade e menor desperdício e pegada de carbono.

Os produtos que estamparão a marca WWF no Brasil possuirão caráter educativo e de comprometimento ativo. Eles trarão mensagens de conservação como forma de expressão daqueles que se identificam com a causa ambiental. O objetivo é proporcionar às pessoas o sentimento de pertencimento e oportunidade de externar opiniões, trazendo informações novas que as estimulem a reflexão sobre o planeta e suas responsabilidades com o meio ambiente.

Para evitar a geração excessiva de lixo, toda a produção será amigável com o meio ambiente, desde a embalagem que deve gerar o mínimo possível de resíduos, incorporando materiais reciclados ou reutilizáveis até o produto em si, que deve ser inteligente, com design consistente, durável, com função e propósito, feitos de materiais sustentáveis ou alimentados por energias renováveis.

A iniciativa ocorre num momento de expansão da consciência ambiental em que boa parte dos consumidores são totalmente favoráveis ao marketing de causa, conforme sinaliza a pesquisa Ipsos 2019. Na mesma análise, 34% das pessoas disseram ter adquirido no último ano, produtos que destinaram parte do seu valor a causas sociais, culturais ou ambientais. Para Murilo Hinojosa, sócio-fundador da Loop Brands, o anúncio de licenciamento da marca chega em boa hora. “os consumidores valorizam e estão dispostos a adquirir produtos fabricados da maneira ambientalmente correta”.

Gabriela Yamaguchi, diretora de sociedade engajada do WWF-Brasil afirma que “mais que uma parceria, a ação representa um esforço de adequação às tendências de comportamento e engajamento da sociedade. Trata-se de mais uma iniciativa do WWF-Brasil para a mudança da atual trajetória de degradação do nosso planeta. A cada ano, o mundo despeja cerca de 8 milhões de toneladas de plástico nos oceanos, as paisagens naturais têm sido alteradas e muitas espécies de plantas e animais estão em risco de extinção. Precisamos mudar a forma como consumimos e nos engajar mais com a causa ambiental”, ressalta.

Continue lendo