Conecte-se com a LIVE MARKETING

Agências

FanHero chega ao Brasil e promete revolucionar a relação das celebridades e influenciadores com seus fãs

Publicado

em

Vasco da Gama, Ludmilla, Preta Gil e Leandrinho Barbosa, da NBA, foram os primeiros a lançar app 100% exclusivo. Alcance deve chegar a 470 milhões de fãs até o final de 2017

Em tempos onde tudo é postado nas redes sociais, e no meio de tantos assuntos compartilhados ao mesmo tempo, os influenciadores, marcas e celebridades acabam disputando um mesmo espaço de atenção do seu seguidor. Parando para pensar, quantos são os fãs que têm acesso e realmente interagem ao conteúdo compartilhado da página ou perfil do seu interesse? O atual modelo de negócios das redes sociais mais acessadas tem limitado o alcance orgânico de conteúdo, em alguns casos chegando abaixo de 1% da base impactada. Ou seja, nesse caso, se um influenciador tem 1 milhão de fãs, a postagem dele atingirá, em média, apenas 10 mil usuários de forma orgânica. Injusto para o influenciador e, claro, para esses fãs, que o seguem com o intuito de receberem sempre notícias dos seus ídolos.

Entendendo o atual mercado global de influenciadores e buscando melhorar este cenário, os irmãos brasileiros Humberto e Léo Farias, junto com o americano Christopher Cooper e o sul-africano Peer Snoep – todos especialistas em tecnologia mobile -, fundaram a FanHero: uma poderosa plataforma de monetização que está firmando parcerias com celebridades em todo o mundo para otimizar o relacionamento entre o fã e seu ídolo. “A FanHero é uma plataforma de última geração de aplicativos de engajamento e inteligência de fãs. Utilizamos tecnologia de ponta para proporcionar aos fãs uma experiência única com seus ídolos. O nosso objetivo é capacitar cada influenciador para obter o controle total de sua marca e alcançar fluxos de receita inexplorados em outras plataformas”, explica Humberto, Co-fundador e COO da FanHero. Com mais de 15 anos no mercado de tecnologia e inovação, o brasileiro estudou na Flórida, onde vive atualmente e fundou a empresa.

Atualmente, a FanHero tem 25 aplicativos lançados ao redor do mundo, incluindo o clube americano de futebol Orlando City Soccer, a estrela do cricket AB de Villiers, e organizações como a Warner Music Group. A expectativa é que a empresa tenha um total de 40 aplicativos até o final de 2017. Aqui no Brasil, a marca já lançou os aplicativos exclusivos das cantoras pop Ludmilla e Preta Gil, da atriz Jeniffer Nascimento, do surfista Filipe Toledo, da dupla sertaneja Bruninho e Davi, da estrela da NBA, Leandro Barbosa, e do time carioca de futebol Vasco da Gama. Além disso, já está previsto como próximo lançamento o aplicativo do Corinthians e do youtuber Felipe Neto. Hoje, o alcance social das celebridades com seus aplicativos da plataforma FanHero é de mais de 100 milhões de pessoas e espera-se que aumente para mais de 470 milhões até o final de 2017.

Como funciona a plataforma
Os aplicativos FanHero são 100% personalizados e criados para atender às necessidades específicas de conteúdo e oportunidades de monetização da celebridade, influenciador e organização. Com a FanHero, o conteúdo desses parceiros pode alcançar 100% das pessoas que baixam seus aplicativos, enquanto que em outras plataformas sociais só é possível atingir uma fração de seus seguidores.

Para garantir o sucesso de monetização, a FanHero fornece uma equipe de crescimento para apoiar celebridades, que inclui consultoria de estratégia e conteúdo, inteligência de negócios, marketing e PR.

A FanHero fornece à celebridade um painel de controle, que permite acesso 24/7 aos dados dos usuários, possibilitando a atualização de conteúdo, visualização de performance do aplicativo e comportamento dos fãs em tempo real.

 

Os principais recursos do aplicativo são:

Transmissão ao vivo – Compartilhar experiências ao vivo com fãs, isso é FanHero. A ferramenta permite que os influenciadores se conectem com os fãs globalmente, em tempo real, de uma forma simples e prática.
Pagamento por visualização, publicidade premium e compras no aplicativo –  Com a FanHero, as celebridades contam com ferramentas dentro do app para gerar receita, por meio de publicidade premium e patrocínio, vendas por e-commerce e conteúdo premium pago.
Interações FanHero – Este recurso do aplicativo permite aos fãs interagir com o ídolo por meio de reações e chat em uma transmissão ao vivo.
Coleções FanHero – Os influenciadores podem criar suas próprias coleções de conteúdo, podendo agrupar por assunto ou outras categorias, facilitando o acesso do fã a diferentes temas publicados por seus ídolos (entrevistas, lifestyle, jogos e etc).
FanHero Social Share РA fim de maximizar o alcance da mensagem, as celebridades e seus f̣s podem compartilhar os conte̼dos postados no aplicativo em suas redes sociais.
FanHero Data Science – Uma equipe de Data Science é dedicada à análise de dados para otimizar as oportunidades de alcance e engajamento das celebridades.

A FanHero está abrindo operações no Brasil e na Ãfrica do Sul, além dos escritórios em Orlando, Boca Ratón e Nova Iorque. A empresa atua com estratégias que envolvem celebridades e influenciadores digitais, de esportes e entretenimento à música e lifestyle. “Até o final de 2017, queremos ser a principal ferramenta de interatividade em todos os pontos de contato entre as estrelas e seus fãs”, finaliza Humberto Farias.

Continue lendo

Agências

Renase assina convenção de 70 anos da Bauducco

Publicado

em

A Renase Eventos, que tem mais de 30 anos de história na produção, organização e logística de eventos corporativos, assinou a convenção da Bauducco, que celebrou os 70 anos da empresa e apresentou as novidades para os próximos meses no que tange as campanhas de marketing e vendas. O evento fechou o Novotel Itu Golf & Resort e trouxe como destaques:

– plenária super moderna com mais de 40m de painel de LED, inclusive aéreos, além da cenografia;

– foyer para recepção e credenciamento dos convidados totalmente customizado;

– corners instagramáveis, abusando das gigantografias;

– personalização completa do resort com a marca Bauducco, com destaque para a área externa e varanda dos apartamentos;

– logística de transporte aéreo e terrestre para reunir, com toda a segurança e conforto, toda diretoria, gerência, departamentos de vendas & marketing, além dos distribuidores de todo o Brasil.

“Desde 2016 realizamos as convenções da Bauducco, mas essa, com certeza, teve um gostinho especial”, afirma Rodrigo Stocco, CEO da Renase. Além dos convidados para a convenção, a agência ainda realizou um encontro paralelo para os franqueados da Casa Bauducco. “O jeito Bauducco de ser foi destaque em meio a toda inovação, tecnologia e ativações que realizamos”, completou Stocco. Entre montagem, realização e desmontagem, foram sete dias de produção, que envolveu cerca de 80 colaboradores diretos e indiretos.

Adriane Galisteu, atriz e apresentadora, foi a mestre de cerimônias da convecção, que também contou com palestra de Lars Grael, duas vezes medalhista Olímpico e que trouxe a motivação e superação como temas centrais para a plenária do evento. Para Camila Lizi Benelli, da Bauducco, contar com a expertise e resiliência do time Renase foi fundamental para o sucesso do evento. “Deixamos Itu com o sorriso de dever cumprido no rosto e com os melhores feedbacks de nossos convidados. Realizar um evento tão importante e complexo como essa convenção implica na total integração e confiança com nossos parceiros”, destacou a cliente.

Continue lendo

Agências

Bullet aposta em startups

Publicado

em

A Bullet, agência de comunicação e engajamento comandada por Fernando Figueiredo, cria modelo destinado exclusivamente para atender startups de tecnologia, como foodtechs, edtechs, fashiontechs, entre outras, com o objetivo de oferecer um custo de marketing sustentável para o estágio em que essas empresas se encontram: é o “Bullet 4 Equity”, uma mistura de prestação de serviço que envolve não só recursos internos da agência, como criação, planejamento, canais e produção, como parcerias com fundos de investimento e consultoria de gestão com board members plugados num modelo de clube.

O serviço é prestado em troca de uma remuneração mínima, mais equity, da empresa e todos os envolvidos nesta consultoria de marketing participam desse clube de gestão.

A Bullet acredita que branding e estratégias de geração de leads e conversão são fundamentais para empresas que precisam provar sua tese. “A agência vem sendo procurada por empresas que estão em estágio inicial e que apresentam um enorme potencial de desenvolvimento”, explica Fernando Figueiredo, CEO da Bullet.

A ideia desse modelo é apoiar empresas que crescem e ganham mercado, mas que ainda não possuem uma verba de marketing estruturada para contratar players ou investir em mídia na medida que precisam.

Com a alta demanda de projetos de startups durante a pandemia, a agência percebeu que poderia trabalhar com esses clientes e entregar mais do que comunicação. “É sobre ajudar as empresas a crescerem por meio de estratégias de marketing, criação de leads, distribuição, vendas, novos canais e oportunidades. Se acreditarmos que podemos agregar valor com nosso trabalho, podemos apostar mais no futuro do que cobrar no presente. Esse mercado tem potencial de crescimento vertical por envolver indústrias não só de comunicação. Além disso, no State, espaço de inovação onde a Bullet montou sua operação, estamos cercados de startups e empresas com foco em inovação. Estamos constantemente ouvindo essa demanda por parte das empresas e demos uma resposta a isso”, finaliza Figueiredo.

Continue lendo