Conecte-se com a LIVE MARKETING

Eventos

Dois Festivais simultâneos e deliciosos estão chegando: Camarão + Gastronomia Portuguesa

Publicado

em

Eventos acontecem no Memorial da América Latina, dias 16 e 17 de setembro, das 10h às 21h, com entrada gratuita

 

Fãs de frutos do mar, alegrem-se! Atendendo a milhares de pedidos, a Art Shine realiza mais uma edição do Festival do Camarão!!! E desta vez, ele terá a companhia do Festival de Gastronomia Portuguesa, cujos pratos típicos são elaborados principalmente com peixes, frutos do mar, batatas e regados com muito azeite. Os eventos são para a família toda, incluindo o animal de estimação, pois os bichinhos são muito bem recebidos no Memorial. Tem área kids para a garotada se divertir (cada brinquedo R$6,00 e barraca de jogos, R$10,00); fraldário; espaço quick massage para relaxar; minishopping com roupas, calçados, acessórios, objetos de decoração; e música ao vivo do projeto Talentos do Memorial para embalar o papo, as compras e as refeições. A entrada é grátis, a diversão garantida, e as comidas…hummmmm.

Uma das novidades do Festival do Camarão realizado pela Art Shine é a presença do restaurante Sampa Foods que aporta no Memorial com pratos de dar água na boca como a porção de camarão na manteiga de alho (R$35,00); o macarrão com camarão no parmesão (R$35,00); a moqueca de cação à baiana com camarão (R$35,00); e a paella marinera, que só leva frutos do mar, e também pode ser encontrada em outros expositores (de R$25,00 a R$35,00). Nos demais foodtrucks e tendas tem muita opção com camarão: yakissoba (a partir de R$23,00); tempurá (R$12,00 a R$15,00); temaki (R$15,00); bobó na moranga (R$25,00); acarajé (R$15,00 a R$20,00); estrogonofe (R$20,00 a R$30,00); risoto (R$20,00 a R$25,00); caldo (R$15,00); pastéis com mais um ingrediente – muçarela, Catupiry, palmito ou Cheddar (R$8,00); pastel no prato (R$18,00); moqueca (R$16,00 a R$35,00); escondidinho (R$25,00); crepe (R$15,00); batata rosti (R$22,00); porção de batata frita (R$20,00 a R$25,00); camarão com Catupiry (R$16,00 a R$22,00); batatas recheadas com estrogonofe de camarão, batata palha e mais um ingrediente a escolher (R$25,00); o tradicional camarão na moranga (R$25,00); pizza brotinho (R$20,00); e até brigadeiro (R$5,00).

E para quem não abre mão de um bom lanche, são várias as possibilidades: bocadillo de camarão, um sanduíche espanhol de camarões salteados em azeite, tomate cereja, ervas e molho aioli, servido em baquete semi-italiana tostada; frango empanado com camarão ao Catupiry (R$25,00); pernil com camarão empanado (R$25,00); burguer de camarão com queijo brie, rúcula e cebola roxa; hambúrguer de filé de peixe empanado e camarão ao Catupiry (R$25,00); hambúrguer artesanal – bovino, suíno ou frango – com camarão empanado (R$17,00 a R$38,00). Os espetos variam de R$7,00 a R$25,00 e as porções de R$15,00 a R$30,00, dependendo da quantidade e tamanho dos camarões, e do modo como são feitos (frito, empanado, ao alho e óleo).

Já na gastronomia portuguesa você encontra a Quinta do Olivardo, um restaurante localizado em São Roque (SP), e que marca presença no evento com mini espetada madeirense, típica da Ilha da Madeira, que utiliza o galho de louro como espeto (R$12,00); mini espetada de linguiça (R$10,00); batata portuguesa no palito (R$5,00); pastel de Belém (R$8,00), cuja produção poderá ser acompanhada pelo público em uma minifábrica; e o Vinho dos Mortos, tradição surgida em 1807, quando as famílias da região de Trás os Montes e Beira Alta passaram a enterrar sua produção de vinhos entre as pastagens e plantações para evitar que as tropas francesas a roubassem. O resultado? Uma bebida mais saborosa, devido ao tempo que passa na escuridão e temperatura constante. E também o Ora Pois, Pois! Restaurante legitimamente português sediado em Guarulhos, na Grande São Paulo, com a casquinha de bacalhau (R$10,00); Bacalhau à Gomes de Sá – bacalhau ao forno com batata, ovo e azeitona (R$30,00); sardinha assada na brasa – porção com duas sardinhas, batata ao murro, cebolas e molho de pimentão (R$23,00); pastel de natas (R$8,00); e copos de vinho.

Tem mais…muito mais quitutes de dar água na boca nos diversos expositores: caldo verde (R$10,00); punheta de bacalhau – lascas de bacalhau com alho, cebola, azeite, azeitonas e cheiro-verde (R$20,00); alheira (R$15,00); linguiça portuguesa (R$15,00); bolinho de bacalhau – unidades e porções (R$5,00 a R$20,00); escondidinhos de bacalhau à portuguesa, de frango Ora Pois – desfiado, com vinho verde português e limão siciliano – e de de linguiça portuguesa marinada no vinho do Porto (R$15,00 a R$22,00); batata recheada com bacalhau desfiado, batata palha e um mais um ingrediente a escolher (muçarela, champignon, requeijão, Catupiry, cheddar, provolone); doces diversos (R$8,00).

E todas essas delícias, além de várias outras que não levam camarão, podem ser acompanhadas de chopes/cervejas artesanais, água, sucos e refrigerantes. Sobremesas? Além dos doces portugueses, tem waffles com coberturas a escolher, petit gateau, curau, pizza Brownie, bolos, ambrosia, pamonha, salame de chocolate, coxinha de morango, brigadeiros de diversos sabores, sorvetes e milk-shakes.

O Festival do Camarão e o Festival de Gastronomia Portuguesa são realizações da Art Shine Promoções e Eventos com apoio cultural da Fundação Memorial da América Latina, Governo do Estado de São Paulo e Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo.

Serviço – – Entrada gratuita
Festival do Camarão – https://www.facebook.com/events/721724071345425/
Festival de Gastronomia Portuguesa – https://www.facebook.com/events/1301306169995979/
Data: 16 e 17 de setembro
Horário: das 10h às 21h
Local: Memorial da América Latina – Praça da Sombra (ao lado da estação de trem e metrô Barra Funda)
Endereço: Av. Auro Soares de Moura Andrade, 664
Estacionamento: Portões 4 e 15 (pago)
Bicicletário: ao lado do portão 9

Continue lendo

Eventos

Oscar 2021 promete ser histórico tanto para os fãs de cinema quanto para as marcas

Publicado

em

A maior e mais aguardada premiação do cinema mundial volta às telas da TNT em 25 de abril: a 93ª Cerimônia do Oscar. Em 2020, a premiação conquistou a liderança de toda a Pay TV com 28% mais televisores ligados que o segundo colocado¹, sendo sua maior audiência dos últimos 13 anos2.  Tendo em vista seus parceiros, a WarnerMedia desenvolveu novos pacotes de entrega para aumentar ainda mais a conexão entre público e marcas.

 Marcas no Oscar 2021

Para aprimorar a presença das marcas no Oscar 2021, a TNT fundamentou as ações em dois pilares: relevância e eficiência por meio das redes sociais e transmissão ao vivo,  além de aproveitar toda a força de cross channel dentro do portfolio do grupo. Em todos os momentos do pré, durante e pós-premiação, as marcas terão a possibilidade de levar conteúdos exclusivos e customizados a milhares de fãs.

Como case de sucesso, a Fiat se destacou na edição 2020 com um cold open em parceria com a Fernandinha. Confira:

Especialistas em cultura pop

Em um formato inédito, a TNT estreou em setembro O Esquenta TNT, programa que antecede as premiações mais importantes do ano. Apresentado sempre por grandes nomes, como por exemplo Aline Diniz, Carol Ribeiro e Tiago Abravanel, já chegou  a alcançar mais de 400 mil pessoas, sendo veiculado simultaneamente no YouTube e canal linear da TNT.

Além disso, as plataformas digitais da TNT contam com um time especialista em cinema e cultura pop para comentar cada minuto da premiação em uma live de mais de 3 horas de duração. No ano passado, a live do Oscar da TNT teve quase um milhão de visualizações.

A Jeep aproveitou muito bem toda essa audiência! Confira a ação da marca durante a live de 2020:

 Engajamento digital

A TNT dá espaço para que os patrocinadores participem dos conteúdos digitais também, isso pode acontecer de duas maneiras:

  • TAKEOVER TNT: Sempre durante as premiações, um dos talentos da TNT estará nos stories comentando direto de casa os acontecimentos relevantes da noite.
  • RADAR AWARDS: Todo mês há posts com novidades do universo pop assinados pela marca.
  • PLAYLISTS DO YOUTUBE: Mais do que assinar uma peça, os patrocinadores têm a chance de desenvolver série de conteúdos tailor-made.

 

Matéria publicada no portal de notícias AdNews. Se quiser mais informações sobre o mundo da publicidade e do marketing acesse: https://adnews.com.br/

Continue lendo

Eventos

O desafio das feiras e eventos do agro frente à pandemia

Publicado

em

Os eventos representam um elo importante da cadeia de produção de alimentos. Sejam dias de campo, palestras, seminários, congressos, leilões e exposições dos mais diferentes portes, eles movimentam bilhões de reais negócios e milhões de pessoas durante todo o ano. “A importância dos eventos aparece com destaque na 7ª Pesquisa Hábitos do Produtor Rural, da Associação Brasileira de Marketing Rural (ABMRA), de 2018. Os dias de campo, as feiras e exposições agropecuárias e os leilões representam 92% e 73% dos eventos preferidos de agricultores e pecuaristas, respectivamente”, assinala Ricardo Nicodemos, vice-presidente da ABMRA.

Em tempos de pandemia, os eventos deixaram de ser realizados. Uma parcela ganhou versões virtuais, mas o agronegócio tem suas particularidades e as relações pessoais e olho no olho são muito importantes. Nesse cenário, quando voltarão os eventos presenciais?

A Associação Brasileira de Marketing Rural e Agronegócio convidou a especialista Liliane Bortoluci, da Informa, uma das maiores organizadoras de feiras e eventos do mundo, para falar como o setor de feiras e eventos está se reinventando frente à pandemia e as tendências para os próximos anos. A apresentação foi feita com exclusividade para as empresas cotistas da 8ª Pesquisa ABMRA Hábitos do Produtor Rural, cuja divulgação ocorrerá nos próximos meses.

Liliane informou as empresas de eventos do Brasil já entregaram para as autoridades governamentais protocolo para realização de feiras. O documento trata das questões básicas, como entrada nos eventos, parte interna e estandes dos expositores, corresponsabilidades da promotora, expositores e visitantes. O setor aguarda o retorno desse pleito.

“Quando o setor de eventos foi impactado pela pandemia, em março de 2020, as empresas do setor pararam totalmente. Sem dúvida, é um dos setores mais afetados pela pandemia e todos os elos do negócio estão sofrendo na carne. Por outro lado, os promotores de eventos precisaram acelerar o processo de digitalização. Nós, por exemplo, aceleramos o desenvolvimento de uma plataforma digital, com conteúdos técnicos para manter esse relacionamento entre expositores, clientes e mercado”, informa Liliane Bortoluci.

Ela explica que o evento digital tem suas vantagens. Uma dela é o maior alcance. “Quando uma feira acontece, a maior participação é do público é regional. Percebemos que no digital o alcance mudou. Quem não participava devido à distância passou a acompanhar. Isso pode ser visto com os números”, explica.

“Esperamos reativar os eventos presenciais nos próximos meses. O modelo digital mostrou que é viável em determinados casos. Há possibilidade de integração dos dois modelos no futuro”, assinala a especialista da Informa.

Além da palestra, as empresas cotistas da 8ª Pesquisa ABMRA Hábitos do Produtor Rural tiveram acesso aos atual status da pesquisa. “Nosso planejamento é apresentar os resultados para as empresas cotistas em abril. É uma excelente oportunidade para outras empresas adquirirem cotas da pesquisa e, assim, terem condições de sair à frente dos seus concorrentes. Afinal, trata-se de uma fonte rica e completa de informações, tendo como fontes os próprios produtores rurais de 15 atividades e 15 estados”, diz Ricardo Nicodemos, vice-presidente da ABMRA e coordenador da Pesquisa.

Continue lendo