Conecte-se com a LIVE MARKETING

Eventos

Churrascada confirma cortes, chefs e marcas parceiras para sua edição na capital paulista

Publicado

em

7ª edição do festival gastronômico acontece no dia 5 de agosto e terá renomados brasileiros especialistas em carnes, além de profissionais dos Estados Unidos, Argentina e da Turquia, e parceria com grandes marcas

No dia 5 de agosto, sábado, a Churrascada – selo gastronômico idealizado pela agência Haute, em parceria com os especialistas em carnes Rogerio Betti e Gustavo Bottino – reúne grandes marcas e mais de 25 chefs nacionais e internacionais para preparar o melhor do churrasco em sua 7ª edição, no bairro da Mooca, em São Paulo.

Entre os nomes confirmados para comandar as bancadas do evento, o argentino Juan Gaffuri, Chef desde 2011 do restaurante Elena, em Buenos Aires, da rede Four Seasons – considerado pela crítica local um dos três melhores restaurantes de carne do país –, Maksut Askar, do restaurante Neolokal – um dos mais reconhecidos de Istambul – e a especialista em carnes Jess Pryles, dos Estados Unidos, conhecida pelo seu tempero “Hardcore Carnivore”.

 

CORTES E CHEFES

Como nas demais edições, a Churrascada apresenta carnes preparadas de diversos modos, como parrilla, pit de defumação, rotisserie, fogo de chão, espetos no chão e patagônico, firewall e varal. No menu carnívoro da 7ª edição, além dos cortes preparados pelos chefs internacionais Juan Gaffuri, que traz o clássico asado de tira diretamente da Argentina, Maksut Askar, que fará “Ca? Kebabi“ – prato feito de carne de cordeiro, mostrando que o conhecido ‘Churrasco Grego’ vai além do preparo de mesmo nome tão popular Brasil afora – e Jess Pryles, que mostra suas raízes texanas, preparando tacos de tri-tip (alcatra do boi) defumados com o seu famoso tempero “Hardcore Carnivore”, fazem parte da seleção de especialistas os brasileiros Jimmy McManis, com Barreado Defumado; Jeferson Finger, com Varal de Costelas; Mario Portella, com uma búfala inteira na rotisserie; Paula Labaki, com pato pekin servido no bao bum; Santi Roig, com bife de ancho; Roberto Ravioli, com o rib roast bovino no girarostto; Carlos Tossi, com porco kalua; Renata Raikov e Romulo Morente, com parrilhada; Ligia Karazawa, com picanha; Carlos Mangini, com o famoso frango assado do O Brazeiro; Rogerio Betti, com dry aged de lombo bovino; Diego Belda, com porco glaceado e porco ao trapo; Jorge Boratto, com FlatIron; Tatiana Bassi, com fraldinha servida com pupunha; Carlos Bertolazzi, com lombo suíno corte inglês, servido com gnocchi de batata doce roxa tostado, com manteiga e sálvia; Alexandre Flit, com pastrami; Tatá Crippa, com brisket defumado; Renata Carvalho, com foie gras de wagyu; Edu Jarussi, com charcutaria e country ham; e Adriano Torres, com cupim soleado e linguiça bovina. Élcio Oliveira também participa do festival, com sua bancada de vegetais variados, já tradicional na Churrascada dessa vez acompanhado por Luiza Hoffman, diretamente do Bar do Meio de Fernando de Noronha.

 

PARCERIAS E PATROCÍNIO

Entre os fornecedores, mais de 20 marcas envolvidas no projeto. Para garantir as bebidas do festival, a Ambev tem presença forte, com a bebida gaseificada H2OH! e o patrocínio máster da cerveja Budweiser,que será servida bem gelada e à vontade. Já a companhia de bebidas Pernod Ricard comercializará drinks à base de whiskey Jameson em bares espalhados por todo o espaço. A Cachaça 51, também terá seu espaço garantido pela pela primeira vez durante o evento, com sua linha premium e a e a marca argentina Trivento, filial e distribuidora da Vinícola Concha y Toro no Brasil, apresenta seu vinho TRIBU Malbec.Best Beef Angus, frigorifico Majestade, Fazenda 3R, Agropecuaria 5M, VSA Alta Gastronomia, Angus, Allegra Foods, Minerva, BBQ Secrets e Pirineus Embutidos Artesanais oferecerão as carnes.

O site Tasty demais ficará responsavel pelas sobremesas do festival. Em duas bancadas, a marca – famosa pelos vídeos de “mãozinhas” realizando as mais diferentes receitas gastronomicas – oferecerá, durante o evento, 4 mil doces que fizeram sucesso no site: brigadeiros de churros, brigadeiro de cheesecake, brownies e pães-de-mel de cenoura com chocolate.

As marcas De Crabon, de pimenta; a Largrill, de grelhas;a de farofa Santa Rita; a Pão de Alho Santa Massa; a Celusal Sal; a embaladora Multivac; a Alho Negro do Sítio e a Terra, de ações de valores, também terão espaço garantido no evento. Além da Novotel, com tarifas especiais para quem precisar de hospedagem durante o evento.

Os ingressos para a 7ª edição da Churrascada já estão esgotados.

Continue lendo

Eventos

Oscar 2021 promete ser histórico tanto para os fãs de cinema quanto para as marcas

Publicado

em

A maior e mais aguardada premiação do cinema mundial volta às telas da TNT em 25 de abril: a 93ª Cerimônia do Oscar. Em 2020, a premiação conquistou a liderança de toda a Pay TV com 28% mais televisores ligados que o segundo colocado¹, sendo sua maior audiência dos últimos 13 anos2.  Tendo em vista seus parceiros, a WarnerMedia desenvolveu novos pacotes de entrega para aumentar ainda mais a conexão entre público e marcas.

 Marcas no Oscar 2021

Para aprimorar a presença das marcas no Oscar 2021, a TNT fundamentou as ações em dois pilares: relevância e eficiência por meio das redes sociais e transmissão ao vivo,  além de aproveitar toda a força de cross channel dentro do portfolio do grupo. Em todos os momentos do pré, durante e pós-premiação, as marcas terão a possibilidade de levar conteúdos exclusivos e customizados a milhares de fãs.

Como case de sucesso, a Fiat se destacou na edição 2020 com um cold open em parceria com a Fernandinha. Confira:

Especialistas em cultura pop

Em um formato inédito, a TNT estreou em setembro O Esquenta TNT, programa que antecede as premiações mais importantes do ano. Apresentado sempre por grandes nomes, como por exemplo Aline Diniz, Carol Ribeiro e Tiago Abravanel, já chegou  a alcançar mais de 400 mil pessoas, sendo veiculado simultaneamente no YouTube e canal linear da TNT.

Além disso, as plataformas digitais da TNT contam com um time especialista em cinema e cultura pop para comentar cada minuto da premiação em uma live de mais de 3 horas de duração. No ano passado, a live do Oscar da TNT teve quase um milhão de visualizações.

A Jeep aproveitou muito bem toda essa audiência! Confira a ação da marca durante a live de 2020:

 Engajamento digital

A TNT dá espaço para que os patrocinadores participem dos conteúdos digitais também, isso pode acontecer de duas maneiras:

  • TAKEOVER TNT: Sempre durante as premiações, um dos talentos da TNT estará nos stories comentando direto de casa os acontecimentos relevantes da noite.
  • RADAR AWARDS: Todo mês há posts com novidades do universo pop assinados pela marca.
  • PLAYLISTS DO YOUTUBE: Mais do que assinar uma peça, os patrocinadores têm a chance de desenvolver série de conteúdos tailor-made.

 

Matéria publicada no portal de notícias AdNews. Se quiser mais informações sobre o mundo da publicidade e do marketing acesse: https://adnews.com.br/

Continue lendo

Eventos

O desafio das feiras e eventos do agro frente à pandemia

Publicado

em

Os eventos representam um elo importante da cadeia de produção de alimentos. Sejam dias de campo, palestras, seminários, congressos, leilões e exposições dos mais diferentes portes, eles movimentam bilhões de reais negócios e milhões de pessoas durante todo o ano. “A importância dos eventos aparece com destaque na 7ª Pesquisa Hábitos do Produtor Rural, da Associação Brasileira de Marketing Rural (ABMRA), de 2018. Os dias de campo, as feiras e exposições agropecuárias e os leilões representam 92% e 73% dos eventos preferidos de agricultores e pecuaristas, respectivamente”, assinala Ricardo Nicodemos, vice-presidente da ABMRA.

Em tempos de pandemia, os eventos deixaram de ser realizados. Uma parcela ganhou versões virtuais, mas o agronegócio tem suas particularidades e as relações pessoais e olho no olho são muito importantes. Nesse cenário, quando voltarão os eventos presenciais?

A Associação Brasileira de Marketing Rural e Agronegócio convidou a especialista Liliane Bortoluci, da Informa, uma das maiores organizadoras de feiras e eventos do mundo, para falar como o setor de feiras e eventos está se reinventando frente à pandemia e as tendências para os próximos anos. A apresentação foi feita com exclusividade para as empresas cotistas da 8ª Pesquisa ABMRA Hábitos do Produtor Rural, cuja divulgação ocorrerá nos próximos meses.

Liliane informou as empresas de eventos do Brasil já entregaram para as autoridades governamentais protocolo para realização de feiras. O documento trata das questões básicas, como entrada nos eventos, parte interna e estandes dos expositores, corresponsabilidades da promotora, expositores e visitantes. O setor aguarda o retorno desse pleito.

“Quando o setor de eventos foi impactado pela pandemia, em março de 2020, as empresas do setor pararam totalmente. Sem dúvida, é um dos setores mais afetados pela pandemia e todos os elos do negócio estão sofrendo na carne. Por outro lado, os promotores de eventos precisaram acelerar o processo de digitalização. Nós, por exemplo, aceleramos o desenvolvimento de uma plataforma digital, com conteúdos técnicos para manter esse relacionamento entre expositores, clientes e mercado”, informa Liliane Bortoluci.

Ela explica que o evento digital tem suas vantagens. Uma dela é o maior alcance. “Quando uma feira acontece, a maior participação é do público é regional. Percebemos que no digital o alcance mudou. Quem não participava devido à distância passou a acompanhar. Isso pode ser visto com os números”, explica.

“Esperamos reativar os eventos presenciais nos próximos meses. O modelo digital mostrou que é viável em determinados casos. Há possibilidade de integração dos dois modelos no futuro”, assinala a especialista da Informa.

Além da palestra, as empresas cotistas da 8ª Pesquisa ABMRA Hábitos do Produtor Rural tiveram acesso aos atual status da pesquisa. “Nosso planejamento é apresentar os resultados para as empresas cotistas em abril. É uma excelente oportunidade para outras empresas adquirirem cotas da pesquisa e, assim, terem condições de sair à frente dos seus concorrentes. Afinal, trata-se de uma fonte rica e completa de informações, tendo como fontes os próprios produtores rurais de 15 atividades e 15 estados”, diz Ricardo Nicodemos, vice-presidente da ABMRA e coordenador da Pesquisa.

Continue lendo