Conecte-se com a LIVE MARKETING

Empresa

CCXP19 tem recorde de público e conteúdo marcado pela diversidade

Publicado

em

Quarto dia do festival recebeu as estrelas Gal Gadot, Henry Cavill e o elenco de “La Casa de Papel”, além de Ryan Reynolds, que retornou ao palco do Auditório Cinemark XD

Um festival de proporções épicas. Assim pode ser resumida a CCXP19, que terminou neste domingo, 8, após quatro dias de intensa programação. Em sua sexta edição no Brasil, o maior festival de cultura pop do mundo reuniu 280 mil pessoas vindas de todas as partes do país. Dentre os estados que mais compareceram, São Paulo aparece na frente com 72% – sendo 70% de fora da capital – seguido por Rio de Janeiro, Minas Gerais e Paraná. A organização estima que o evento tenha injetado cerca de R$ 265 milhões na economia da cidade e gerado 11 mil empregos diretos e indiretos.

“A CCXP alcançou um lugar de destaque no cenário do entretenimento mundial. Mais uma vez entregamos ao público um festival de qualidade internacional, reconhecido pelos estúdios e que traz para o Brasil conteúdos que vão reverberar pelos próximos meses. Fazer tudo isso pelos fãs e ainda poder gerar emprego e movimentar a economia são coisas que tornam tudo isso ainda mais incrível. Estamos entregando mais um evento épico e já pensando na edição de 2020. Aliás, a CCXP20 já tem data marcada: de 3 a 6 de dezembro”, anuncia Pierre Mantovani, CEO da CCXP.

 CCXP19 em números 

O festival ocupou um espaço de 115 mil m² com ativações de 15 estúdios e plataformas de streaming, 35 lojas especializadas em produtos com temática geek e 55 marcas que, segundo estimativa dos organizadores, tiveram faturamento de R$ 52 milhões. Quem passou pela CCXP19 gastou, em média, R$ 325,00. Na praça de alimentação, foram disponibilizados 42 restaurantes e outras opções de alimentação. Ao todo, 150 toneladas de alimentos foram servidas aos visitantes e convidados. Os produtos mais consumidos foram hambúrguer e refrigerante, sendo esta considerada a maior venda de refrigerante em eventos indoor em São Paulo.


Com relação ao público, 51% eram homens e 49% mulheres, o que refletiu em uma programação mais igualitária e jovem uma vez que dados indicam que 66% dos visitantes tinha entre 15 e 34 anos.

A CCXP19 reforçou sua relevância global no mercado de entretenimento ao reunir celebridades como Gal Gadot, Margot Robbie, Henry Cavill, Ryan Reynolds, John Boyega, Oscar Isaac, Daisy Ridley, o diretor J. J. Abrams e o elenco de “La Casa de Papel”, entre outros nomes aclamados. O festival ainda foi palco da pré-estreia de “Frozen 2”, da divulgação do trailer inédito de “Viúva Negra”, do teaser de “Eternos” e do aguardado trailer de “Mulher-Maravilha 1984”, que teve uma inédita transmissão global via Twitter.

A cobertura do festival também teve números superlativos, com mais de dois mil formadores de opinião, entre jornalistas e influenciadores, vindos de 25 países, além de 170 profissionais de foto, vídeo, redes sociais e conteúdo. Foram exibidas mais de 130 horas de transmissão ao vivo, com uma unidade móvel dedicada à transmissão da Omeleteve, canal do Omelete no Youtube. A conectividade foi outro ponto alto da CCXP19, que teve 60 quilômetros de fibra ótica conectando todo o pavilhão com wi-fi gratuito disponibilizado para os todos os visitantes e tecnologia 5G para cobertura de conteúdos em tempo real, com aparelhos celulares de última geração.

 Surpresas e grandes elencos no Auditório Cinemark XD

O último dia no Auditório Cinemark XD recebeu o aguardado painel da Netflix, que teve início com uma grande surpresa: Henry Cavill, protagonista de “The Witcher”, que subiu no palco e foi recebido por uma plateia extasiada. Outro elenco aclamado foi o da série “La Casa de Papel”. Os atores Rodrigo de la Serna, Esther Acebo, Pedro Alonso, Alba Flores e Darko Peric contaram um pouco sobre série e o público pôde conferir metade do primeiro episódio da próxima temporada. Em seguida, foi a vez de Ryan Reynolds retornar ao Auditório Cinemark XD para divulgar seu segundo trabalho nesta edição da CCXP19, “Esquadrão 6”, junto com os colegas de elenco Adria Arjona, Mélanie Laurent, Corey Hawkins e Manuel Garcia-Rulfo.

Mas foi a Warner que comandou os dois últimos painéis do Auditório Cinemark XD neste domingo. Primeiro, o estúdio apresentou suas estreias de 2020 e projetos para os próximos anos como “Scooby! O Filme”, “Tom & Jerry”, “Space Jam 2”, “DC Super Pets”, “Em um Bairro de Nova York” e “Esquadrão Suicida”, filme que terá a brasileira Alice Braga no elenco. Fechando a noite, Gal Gadot e Patty Jenkins encontraram uma legião de fãs apaixonados. A atriz e a diretora contaram ao público um pouco sobre a produção de “Mulher-Maravilha 1984”, em um painel que teve transmissão pelo Twitter e colocou a CCXP19 nos trending topics da rede social.

Concurso Cosplay

O último dia da CCXP19 também foi marcado pela grande final do Concurso Cosplay. Dividida em três etapas, a competição contou com o voto popular para selecionar os 12 artistas que subiram ao palco do Creatos Stage by Trigg neste domingo. Quem levou o prêmio principal, um carro 0 km e credenciais Full Experience da CCXP20, foi Jaqueline Fernandes Santos, com o personagem Diablo Prime Evil, de “Diablo III”. Também foram eleitos o Cosplayer Destaque (Nathália Casalecchi, com Winifred Sanderson), Melhor inventividade (Rogerio Silva, com Davy Jones), Melhor Figurino (Rafael Silva, com Dohvakiin) e Melhor Apresentação (Bruno Leão, com Li Shang).

Sobre a CCXP – Em 2018, o festival recebeu 262 mil visitantes, batendo recorde de público e se estabelecendo mais uma vez como o maior festival de cultura pop do mundo. A CCXP já faz parte do calendário cultural do país e, este ano, acontecerá entre 5 e 8 de dezembro, no São Paulo Expo. Saiba mais em www.ccxp.com.br.   

Continue lendo
Clique para comentar

You must be logged in to post a comment Login

Deixe uma resposta

Empresa

TIM, em parceria com a Eletromidia, apresentam uma experiência ao ar livre gratuita e imersiva

Publicado

em

No ano em que celebra seus 40 anos, o Rock in Rio proporcionará aos fãs uma imersão em sua história por meio de uma experiência inédita, inovadora e divertida. O festival apresenta o Rock in History, o primeiro museu interativo a céu aberto do mundo, em projeto desenvolvido com a TIM e contando com parceria da Eletromidia e implementação da Context, empresa de tecnologia criativa do Grupo Dreamers.

A iniciativa não apenas celebra o legado do Rock in Rio, mas também a cidade que o acolhe, o Rio de Janeiro, transportando os usuários para um universo mágico de uma “cidade aumentada”. Comemorando os 40 anos, 40 histórias estarão em pontos digitais e interativos espalhados pelo Rio de Janeiro, oferecendo cinco formatos de conteúdos imersivos, elevando a experiência dos fãs a um patamar único. Eles poderão encontrar objetos em 3D de proporções gigantescas, informações e curiosidades emocionantes, portais virtuais que os transportarão para novos universos digitais, filtros encantadores, áudios exclusivos e cenários virtuais ideais para capturar fotos incríveis. Ao englobar toda a Cidade Maravilhosa na ação, esta será a primeira vez no mundo que um festival cria uma experiência de realidade aumentada de tamanha dimensão.

No Rock in History, as experiências que foram lançadas contarão com as imagens virtuais das hashtags instagramáveis #Acreditar, #Sonhar, #Juntos, #Paz, da edição de 2022, serão encontradas no Porto Maravilha; Na Barra e em Copacabana, o público vai visualizar uma foto interativa do pórtico que estava na entrada da Cidade do Rock de 1985; já no Aterro do Flamengo, estará a representação do cinema cenográfico da Rota 85, com um conteúdo em vídeo sobre a história do festival; fogos de artifício tocando a música-tema do festival estarão na Praia de Copacabana; e, na Lagoa Rodrigo de Freitas, terá uma interação com holofotes digitais que representam o título do Rock in Rio de ser o primeiro festival a iluminar a plateia.

Por se tratar de um projeto robusto de tecnologia, o Rock in History conta com a força fundamental do 5G para que a experiência seja um sucesso. A TIM, operadora no 5G é a aliada dessa ação e trará experiências diferenciadas para os participantes, principalmente para aqueles que forem clientes.

“Estamos orgulhosos de – nesse nosso segundo ano de patrocínio ao Rock in Rio – permitir a celebração da história do festival por meio de todas as experiências surpreendentes que a tecnologia pode entregar. Só a operadora líder em 5G desenvolveria um projeto tão inovador como o Rock in History, que emociona ao reviver os 40 anos desse grande evento com ativações imersivas em vídeo, som e imagem”, comenta Camila Ribeiro, diretora de comunicação e marca da TIM. A executiva destaca o envolvimento dos clientes e demais consumidores brasileiros: “vamos convidar as pessoas para conhecer ou relembrar a história do maior festival de entretenimento do mundo de uma forma nunca antesvista, juntando música, tecnologia e emoção.”

Continue lendo

Empresa

Campanha da Politize! traz folclore para dentro da política e engaja jovens eleitores

Publicado

em

A Politize!, uma organização da sociedade civil comprometida com a promoção de cidadãos informados e engajados na democracia brasileira, lança uma campanha intitulada “Umbora! – A política não é um bicho de sete cabeças”. Inspirada na riqueza do folclore brasileiro e na diversidade da cultura popular que permeia as diferentes regiões do país, esta iniciativa busca transformar a percepção da política entre a população.

Para abordar esses desafios de frente e garantir uma participação robusta dos jovens nas eleições de 2024, a Umbora! implementa uma estratégia multifacetada. Isso inclui uma combinação de atividades digitais e presenciais, como oficinas, barracas de rua para promover o diálogo construtivo e sessões de formação especializada para educadores e estudantes da rede pública de ensino. Um exemplo é o “Programa Escola da Cidadania Ativa!”, que oferece materiais pedagógicos e capacita professores e estudantes do Ensino Médio da rede pública de ensino.

Luiza Wosgrau Câmara, gestora do núcleo de comunicação da Politize!, destaca a urgência dessa iniciativa, observando o sentimento predominante de que a política brasileira é temida. “Nossos índices de cultura e participação política são baixos, e ainda falhamos em preparar nossa população para participar do processo eleitoral”. Apesar das eleições municipais iminentes em 2024, a apatia política persiste, juntamente com os baixos níveis de envolvimento cívico, apresentando desafios significativos para uma participação democrática efetiva.

Tendo impactado milhões de brasileiros em suas últimas edições, as campanhas educativas da Politize! estabeleceram conexões entre a população brasileira e a educação política, a partir de ações didáticas, plurais, gratuitas, suprapartidárias e acessíveis a todos os públicos. Um exemplo é a Olhe.Vote.Mude, baseada em diretrizes conceituais do design vernacular, que conquistou prêmios importantes do setor criativo, como o de Design Social do Prêmio Bornancini de Design e de Design do Prêmio Brasil Criativo, além de ser finalista do Cannes Lions, o maior prêmio de publicidade do mundo.

Destacando as estatísticas alarmantes de abstenção eleitoral em eleições anteriores, com milhões de eleitores elegíveis ficando longe das urnas, a urgência de iniciativas como a Umbora! é evidente. A ação #GeralComTitulo incentiva os jovens com 16 anos ou mais a obterem o título de eleitor. Por meio dos esforços conjuntos dos voluntários do Programa Embaixadores da Politize!, a organização planeja realizar campanhas coletivas de recenseamento eleitoral em vários municípios, com o objetivo de capacitar os cidadãos e revitalizar o espírito democrático em todo o Brasil.

Continue lendo