Conecte-se com a LIVE MARKETING

Digital

Nunca critiquei! SKOL conquista seus principais haters com sua versão Puro Malte

Publicado

em

Marca faz a roda girar e se aproxima de quem mais a criticou nos últimos anos. Antigos ‘inimigos’ provam a nova cerveja e se surpreendem

Quem poderia imaginar que após 28 postagens críticas, o principal hater de SKOL finalmente iria se render à marca? Por muito tempo, o analista financeiro Antônio Sérgio Rodrigues Machado, de 54 anos, expressou nas redes sociais todo seu sentimento contrário à cerveja, mas foi só ter a chance de experimentar a SKOL Puro Malte que ele mudou de ideia. Como diz um famoso meme das redes sociais: “SKOL, nunca critiquei!”.

“Achei a coisa mais linda do mundo, é encorpada, agradável de degustar. Tomo ela, com certeza”, declarou o pernambucano.

Após tanto ser criticada nas redes sociais, SKOL adaptou a velha máxima – “Mantenha seus amigos por perto e seus haters mais ainda” – e se aproximou de quem abertamente se declarava inimigo da marca.  Com a campanha “Essa SKOL Puro Malte é para você”, criada pelas agências DraftLine e Bullet, SKOL fez a roda girar mais uma vez. Líder de vendas no Brasil com a tradicional Pilsen, ela primeiro conquistou novos adeptos com SKOL Hops, sua versão com lúpulos aromáticos lançada em junho de 2018. Em seguida, para provar que SKOL é de fato para todos, criou a Puro Malte no verão deste ano.

Mesmo assim, a desconfiança ainda existia entre os haters. Mesmo quem nunca tinha provado seguia crítico, como era o caso de Antônio. Foi aí que ele teve uma surpresa. Principal hater de SKOL, o analista financeiro recebeu em sua casa, em Olinda, um carregamento especial de SKOL Puro Malte, com direito a uma cervejeira cheia de produtos, embalagens personalizadas com suas críticas publicadas na internet, faixa em frente ao condomínio onde mora e um caminhão de som para chamar ainda mais a atenção.

“Achei fantástico. Jamais imaginaria que estavam vendo o que eu escrevia. Foi fora do comum, arretado. SKOL tem um nome muito forte. No meu condomínio, são cerca de 170 apartamentos. Todo mundo viu, fiquei atendendo o telefone durante toda a noite. Fiquei surpreso, é  uma coisa única, maravilhosa”, afirmou o antigo hater.

Mas Antônio não foi o único. Por meio de um mapeamento nas redes sociais, a marca selecionou aqueles haters que comentavam com mais frequência sobre SKOL e traçou uma estratégia para alcançá-los. Os 50 haters mais ativos receberam em casa um kit com a versão Puro Malte. Entre eles, alguns tiveram seus posts estampados em mobiliários urbanos em diversas cidades. Para finalizar, a marca ainda gravou um depoimento dessas pessoas com uma avaliação sobre o novo produto. 

“SKOL sempre foi uma marca inovadora, seja com seus produtos ou com suas ações. Se muitos levam as críticas para o lado ruim, resolvemos ouvi-las e respondê-las de uma maneira divertida, como tudo o que envolve o universo da marca. Temos opções para todos os gostos e para todas as pessoas, sendo elas nossos haters ou não”, afirmou Maria Fernanda Albuquerque, diretora de marketing de SKOL.

Mas quem pensa que Antoônio está totalmente convencido se engana. Ele ainda levanta uma última questão: “Minha SKOL Puro Malte já acabou. Agora, falta repor meu estoque”.

Para ver a cobertura da surpresa feita para o hater Antônio, em Olinda:

Continue lendo
Clique para comentar

You must be logged in to post a comment Login

Deixe uma resposta

Digital

Rocky.Monks é o mais novo parceiro da JustForYou

Publicado

em

A agência digital full service Rocky.Monks, em mais uma movimentação de mercado, fecha uma nova parceria com a JustForYou, maior marca de personalização de produtos de hair care da América Latina. Com início neste ano, a parceria visa aumentar os resultados em mídias pagas, expandindo a marca  e ajudando na divulgação das novidades da empresa.

“Nosso time de Mídias Pagas já está a todo vapor. Para nós, é de suma importância parcerias com grandes empresas como é o caso da JustForYou, e tenho certeza de que, com um bom trabalho do nosso time, vamos atingir ótimos resultados para que essa parceria dure por muitos anos”, explica Daniela Gebara, sócia fundadora e diretora comercial da Rocky.Monks.

A JustForYou é mais um grande cliente como Telhanorte e Loungerie, que também compõem a carteira de mais de 80 clientes da Rocky.Monks. Além disso, em 2021, a agência foi reconhecida como uma das melhores agências de comunicação para se trabalhar pelo GPTW.

Continue lendo

Digital

Monetização de dados é componente importante da Transformação Digital que movimentará US$ 2,3 trilhões até 2032

Publicado

em

O conceito Data Driven e a consequente monetização desses dados cresce exponencialmente e cada vez mais deve fazer parte dos negócios em todos os níveis. O mercado de transformação digital vai movimentar US$ 2,3 trilhões até 2032, com crescimento médio de 14,2% ao ano, de acordo com o relatório Market Research Report da Fact.MR. Apenas este ano, a expectativa é de que o segmento atinja US$ 621 bilhões. A consultoria Forrester avalia que as empresas que são Data Driven estão crescendo 30% ao ano.

O consultor Caio Cunha, presidente da WSI Master Brasil e membro do Global WSI Internet Consultancy Advisory Board, afirma que o novo modelo significa sobrevivência no mercado. “Ser Data Driven hoje é um diferencial competitivo. Muitos dos concorrentes já adotam e os que não adotarem vão sair do mercado. Cada vez mais os clientes querem ações mais inteligentes”, sentencia o consultor.

Cunha explica que a empresa que é Data Driven usa uma base de dados estruturada, com informações concretas para a tomada de decisões, apoiada em ferramentas de Business Inteligence, inteligência de negócios na tradução. O sistema usa grande quantidade de dados de maneira rápida, segura e eficiente.

“Monetizar esses dados passou a ser interessante. Essas tecnologias podem ser usadas para reduzir custos com automação de tarefas, aumentar receitas identificando e servindo melhor os clientes, atrair mais clientes com engajamento reduzindo esforços, ser mais pessoal e melhorar qualidade dos serviços sem aumentar a equipe”, afirma o consultor.

Continue lendo