Conecte-se com a LIVE MARKETING

Digital

Mobile representa 44% das vendas online do varejo no Brasil

Publicado

em

Ainda segundo a pesquisa, 16% dos pedidos via desktop são precedidos de clique no mobile e compras via app já chegam a 16%

No Brasil, varejistas que investem em vendas via app e web mobile já têm 44% das transações online feitas em dispositivos móveis. É o que revela a Criteo S.A. (NASDAQ: CRTO), empresa líder em tecnologia para commerce marketing, no estudo Análise do E-commerce no Mundo, que explora o cenário de compras cross-device no terceiro trimestre de 2017.

De acordo com a pesquisa, os pedidos feitos através de aplicativos já chegam a 16%, enquanto via web mobile somam 28%. O desktop ainda sai na frente com 56%, entretanto, o relatório revela que 16% das vendas concluídas no canal são precedidas de um clique no ambiente móvel. No total, 31% das transações pós-clique em desktop são iniciadas em outro dispositivo.

“Os consumidores de hoje são ativos em todos os ambientes de navegação e compram a qualquer hora, de qualquer local. Conhecê-los é vital para planejar uma estratégia eficiente. Viabilizar esse conhecimento é justamente o objetivo do ecossistema de Commerce Marketing da Criteo, que permite que marcas e varejistas apliquem as enormes quantidades de dados coletados em cada fase da jornada do comprador para oferecer uma experiência mais personalizada e envolver os clientes sempre quando for mais impactante”, explica Alessander Firmino, diretor geral da Criteo para o Brasil e Latam.

Mobile em ascensão

No Brasil, a web mobile está consolidada e os smartphones seguem ganhando relevância quando o assunto são compras online. No terceiro trimestre de 2017, houve um aumento de 51% nas transações realizadas através de celulares (apps excluídos) em relação ao mesmo período do ano anterior. Em compensação, os pedidos feitos via tablet tiveram queda de 39%, enquanto os feitos via desktop caíram 12%.

As categorias mais vendidas no ambiente móvel, sem considerar transações feitas através de aplicativos, foram: Cultura/Mídia (35,4%), Grandes Redes Varejistas (35%), Saúde/Beleza (34,7%), Fashion/Luxo (32,6%), Produtos para o lar (22,9%), Computação/Tecnologia (22,8%).

Apps de compra: tendência global

Comprar através de aplicativos tem se tornado cada vez mais comum, não só no Brasil, onde o segmento já responde por 15% das vendas online, mas no mundo todo. Ao comparar o terceiro trimestre de 2017 com o mesmo período no ano anterior, houve um aumento de 64% na quantidade de transações realizadas nesses canais. Atualmente, os aplicativos respondem por 46% das vendas online globalmente.

Quando e onde impactar o consumidor

As descobertas do relatório apontam para a necessidade de varejistas e marcas investirem em estratégias cross-device para engajar os consumidores. Segundo o levantamento, clientes identificados em diferentes dispositivos durante a jornada de compra gastam em média 22% a mais.

O estudo também procurou entender em que momento os consumidores usam cada dispositivo. As compras feitas por desktop lideram durante o horário comercial, entre 9h e 18h. Já os dispositivos móveis são mais utilizados durante à noite e aos finais de semana.

“Diante de todos os dados, é importante ter em mente que uma estratégia de marketing bem sucedida deve focar no cliente e não no dispositivo. A jornada de compra é complexa e é necessário entender onde e quando encontrar esse consumidor para interagir com ele no momento certo, de forma relevante, para gerar engajamento e, claro, vendas”, conclui Firmino.

Metodologia do estudo

O estudo Análise do E-commerce no Mundo analisou bilhões de transações anuais e mais de 5.200 varejistas globalmente, todos clientes da Criteo.

Continue lendo

Digital

Douglas, do vôlei, é o novo hit das redes sociais, confira!

Publicado

em

Douglas, do vôlei, é o novo hit das redes sociais, confira!

Na Vila Olimpíca, Douglas Souza ganha cada vez mais fãs e já tem até contrato assinado com a maior agência de influenciadores do país

Nesta semana, Douglas Souzaatleta da equipe de vôlei masculino da Seleção Brasileira, virou um sucesso nas redes sociais por entregar muito entretenimento ao público. O jogador, que tem 25 anos e já foi campeão olímpico na modalidade em 2016, aproveita o tempo livre enquanto a competição ainda não começa para fazer tours pelas instalações olímpicas e divertir os seguidores.

O atleta, nascido em Santa Bárbara d’Oeste (SP), tornou-se um ícone na internet não só pelo talento de influenciador, mas também por representar a comunidade LGBTQIA+ nos Jogos Olímpicos. Douglas é homossexual, foi o primeiro jogador da seleção masculina brasileira de vôlei a se declarar gay, há três anos, e faz parte da resistência de ser quem é no esporte.

O novo queridinho das redes começou a ganhar mais visibilidade após ter publicado um vídeo em que testava a resistência das polêmicas camas de papelão oferecidas aos atletas em Tóquio. Nele, Douglas aparece pulando e sambando na acomodação e atesta que dá sim para usá-la para fins além do descanso. Confira:

Apesar de normalmente gravar enquanto está ocioso, o atleta também já mostrou todo o seu carisma enquanto se preparava para treinar. Veja:

Ele também deu uma pausa pra falar sobre o uniforme oficial e mostrar como o look ficou. Tem como amar mais?

Douglas se tornou um nome tão falado nas redes sociais, que o número de seguidores do atleta só cresce. No início da semana, cerca de 300 mil pessoas acompanham seu perfil no Instagram, hoje (21), já são mais de um milhão de internautas seguindo a conta dele. Já avistando a fama, o jogador assinou com a Mynd8, maior agência de influenciadores digitais do Brasil. Veja a reação dele com o aumento dos seguidores:

Continue lendo

Digital

Agência Ecco é responsável pela comunicação digital da Máximo Decoração

Publicado

em

Agência Ecco é responsável pela comunicação digital da Máximo Decoração

A Ecco, agência de publicidade formada com o intuito de empoderar marcas por meio da criatividade, conquistou no último mês a conta da Máximo Decoração, loja de artigos para decoração de residências e empresas, que tem como objetivo facilitar a vida de arquitetos e decoradores.

A estratégia será traçada a partir da criação de landing page e de identidade visual, desenvolvimento de textos e artes, produção de fotos, além da gestão das mídias sociais, como Instagram e Facebook.

O objetivo principal da parceria é fazer com que a marca seja reconhecida pelos itens selecionados e pela qualidade, tornando-se referência em decoração e painéis verticais. Além de apresentar novidades e lançamentos do segmento, mostrando-se sempre próxima do mundo de arquitetos e decoradores, além é claro, de fidelizar os clientes.

Atualmente a Agência Ecco conta com 15 contas ativas em seu portfólio de clientes, 7 delas foram conquistadas entre 2020 e 2021.

Continue lendo