Conecte-se com a LIVE MARKETING

Eventos

Lojas de conveniência têm espaço para crescimento no mercado nacional

Publicado

em

Cases de sucesso serão apresentados durante Fórum Internacional da 14ª ExposPostos & Conveniência. Novidades em produtos e serviços também têm destaque no evento.

eja para qual for a necessidade ou a ocasião de consumo, há sempre uma loja de conveniência no caminho do consumidor, pronta para resolver o que ele precisa, oferecendo praticidade, conforto e agilidade na sua rotina atribulada, em um ambiente agradável, seguro e cordial. A análise é de Giselle Valdevez, sócia diretora da empresa Valsa – Valdevez e Santiago Assessoria Empresarial, que fará palestras sobre o tema no Fórum Internacional e na Arena do Conhecimento, eventos que integram a programação da ExpoPostos & Conveniência – 14ª Feira e Fórum Internacional de Postos de Serviços, Equipamentos, Lojas de Conveniência & Food Service, entre os dias 13 e 15 de agosto, em São Paulo.

“Desde a abertura da primeira loja de conveniência no Brasil, há 32 anos, o canal segue crescendo e está sempre se adequando ao mercado, na busca contínua por satisfazer as necessidades do seu cliente, cada vez mais exigente, bem informado, super conectado e, quase sempre, apressado”, diz a consultora. Ela lembra que, assim como outros canais varejistas, as lojas de conveniência vêm, no decorrer dos anos, se reinventando em função do consumidor dos grandes centros urbanos, que precisa usar melhor o seu tempo.

O setor de Alimentação Fora do Lar também tem merecido a atenção de estudos e projetos da Valsa. “Com o formidável crescimento desse setor, consequência da jornada atribulada do consumidor, o Food Service é uma categoria muito importante no mix de ofertas, e permanece em contínua evolução”, afirma Giselle. Atualmente, ofertas de cafeterias gourmet, saladas, sanduíches, salgados e até refeições e sobremesas são servidas em lojas de conveniência. “O cliente, muitas vezes atraído pela rapidez e facilidade, sabe que pode encontrar opções de qualidade para comer – seja para café da manhã, lanche, almoço ou jantar”, conclui.

Casos de sucesso

Em 2018, segundo os dados do Anuário da Plural (Associação Nacional das Distribuidoras de Combustíveis, Lubrificantes, Logística e Conveniência), o faturamento do segmento brasileiro de conveniência, que fechou o ano com um total de 8.030 pontos de vendas, foi de R$ 7,54 bilhões. “Apesar do cenário desfavorável de retração econômica dos últimos anos, o canal vem sempre apresentando resultados positivos, crescendo em vendas e em número de lojas. Isso é motivo de confiança em sua força, que tem grande potencial para ser ainda maior”, avalia Giselle.

No dia 15 de agosto, a consultora vai comentar o vídeo especialmente produzido para o Fórum Internacional da ExpoPostos & Conveniência com os casos de sucesso e inovação de empresas que operam no setor de conveniência e varejo. Nele serão mostradas iniciativas recentes do mercado nacional de lojas de conveniência, contando os casos das redes Aghora, am/pm, BR Mania e Shell Select, além de outros formatos varejistas, fora do segmento conveniência em postos de serviços.

“Todas as iniciativas abordadas no vídeo funcionam como inspiração para o público espectador, além de boa fonte de observações e análises: como podemos ser criativos e implementar melhorias no negócio para prosperar? Para onde está caminhando esse mercado?”, conclui Giselle.

Novidades para fidelizar o cliente

Pegaki

Com objetivo de conectar loja física ao e-commerce, a Pegaki estará na ExpoPostos & Conveniência com a proposta de utilizar as lojas de conveniência dos postos como pontos de retirada. “Tal movimento já acontece em outros países, como Estados Unidos e principalmente Europa”, garante João Cristofolini, CEO da empresa.

Cristofolini explica que o consumidor compra pelo e-commerce e retira seu produto nos pontos da Pegaki mais conveniente, que são estabelecimentos parceiros. “No evento, nosso foco é mostrar para as lojas de conveniência que essa é uma forma deles atraírem mais clientes, sendo que 30% das pessoas que tiram seus produtos em um ponto da Pegaki acabam fazendo alguma compra no ponto de retirada”, explica. “A nossa única exigência para as lojas é ter um espaço para guardar as encomendas do e-commerce que chegam”.

O executivo afirma que esta nova forma de relacionamento com o consumidor com os pontos de retirada são o futuro do e-commerce. “Porque todos saem ganhando, desde o cliente até os comerciantes, tanto do ponto de retirada como do e-commerce. O consumidor ganha por poder escolher o melhor ponto de retirada para pegar sua encomenda e o estabelecimento parceiro da ação ganha atraindo possíveis clientes para seus negócios. Já o e-commerce tem a certeza de que o produto será entregue.”. Atualmente, a Pegaki tem 600 pontos espalhados pelo Brasil.

Bob’s

O Bob’s levará para a ExpoPostos & Conveniência sua visão de negócios para atender este setor do varejo. Segundo Marcelo Tristão, diretor de desenvolvimento da empresa no Brasil, a marca está em franca expansão e confia na retomada do crescimento do país. “Recentemente fizemos uma negociação com vários fornecedores e conseguimos reduzir nosso investimento em cerca de 15%”, afirma. “Desta forma, os postos de gasolina são importantes canais de atuação para a nossa empresa”.

Para a feira, o Bob’s promete um stand moderno e atraente. “Este ano, faremos todas as nossas apresentações em uma mesa interativa e em tablets, deixando-as mais dinâmicas e atrativas para o público. Além disso, os visitantes poderão desgustar nosso delicioso Milk Shake Crocante”, lembra Tristão.

Atualmente, o Bob’s tem mais de 40 lojas localizadas em postos de gasolina em todo o país e, segundo Tristão, tem espaço para crescer ainda mais, inclusive em praças que já contam com uma unidade do marca. “Isso é possível porque realizamos recentemente essa adequação de investimentos, reduzindo em aproximadamente 15% o custo total para abrir um ponto de venda. As lojas de conveniência em postos de gasolina trazem comodidade ao consumidor”.

Heineken

Heineken levará à ExpoPostos & Conveniência toda sua linha de cervejas da marca Eisenbahn, porta de entrada para o segmento craft, que tem previsão de dobrar de tamanho até 2020 no mercado brasileiro, e de conquistar 10% dessa fatia com as marcas Eisenbahn e Baden, segundo informa Leonardo Tognato, National C-Stores Manager. Também serão apresentados os lançamentos dos rótulos Eisenbahn IPA e Pale Ale na lata de 350ml e a nova embalagem de 300ml para a marca Baden Baden.

Serviço

14º Fórum Internacional de Postos de Serviços, Equipamentos, Lojas de Conveniência e Food Service

Data: de 13 a 15 de agosto

Horário: das 8h30 às 13h30

Local: São Paulo Expo

Endereço: Rod. dos Imigrantes, Km 1,5 – Água Funda, São Paulo

Inscrições por meio deste link.

Palestra Giselle Valdevez: dia 15, às 12h30.

ExpoPostos & Conveniência 2019

Data: de 13 a 15 de agosto

Horário: das 13h às 21h

Fórum: das 9h às 13h

Local: São Paulo Expo

Endereço: Rod. dos Imigrantes, Km 1,5 – Água Funda, São Paulo

Continue lendo
Clique para comentar

You must be logged in to post a comment Login

Deixe uma resposta

Eventos

Gustavo Borges entrega mais uma edição do Swim Business

Publicado

em

Será em 23 de maio, no Hotel Porto Bay, localizado em Copacabana (Rio de Janeiro/RJ), o Swim Business, encontro presencial e gratuito para 100 gestores aquáticos promovido pela Metodologia Gustavo Borges.

Apresentado pelo próprio medalhista olímpico, o encontro é uma oportunidade única de se conectar, aprender e moldar o futuro do mercado aquático. Aberto a todos os proprietários de estabelecimentos com piscinas, independentemente de serem ou não credenciados da Metodologia Gustavo Borges, estarão entre os temas tendências de mercado, segurança aquática, práticas de gestão, público-alvo das academias, quais os aspectos que os pais e responsáveis buscam quando querem matricular os filhos deles nas aulas de natação infantil, entre outros.

Com insights como “Conecte-se para Crescer”, “Descubra as últimas novidades” e “Rumo ao Sucesso”, Gustavo diz que, com o Swim Business, é realizado um networking com os principais gestores do mercado aquático, em encontros nas capitais do Brasil. “Trazemos informações, estudos e pesquisas, que vão nortear e direcionar esses profissionais para o alcance dos objetivos”, conclui.

Continue lendo

Eventos

Rock in Rio lidera movimento para combater fome e pobreza

Publicado

em

O maior encontro da história da música brasileira já tem data e local para acontecer: 21 de setembro, na Cidade do Rock. Da MPB ao Sertanejo, do Trap ao Samba, do Rock ao Funk, passando por muitos outros ritmos, o Rock in Rio anuncia o Dia Brasil: um movimento inédito nos 40 anos de história do maior festival de música e entretenimento do mundo, que abraça a música nacional e um mundo melhor.

Com um line-up formado apenas por artistas brasileiros, a Cidade do Rock receberá nomes como Capital Inicial, Pitty, Luan Santana, Ana Castela, Daniela Mercury, Ney Matogrosso, Filipe Ret, MC Ryan SP, Chitãozinho & Xororó, Junior, Gloria Groove, Jão, Alcione, Zeca Pagodinho, Criolo, Djonga, Leila Pinheiro, Wanda Sá, Claudio Zoli, Hyldon, Jonathan Ferr, Antônio Adolpho, MC Dricka, MC Livinho, Nathan Amaral, Orquestra Jovem Da Sinfônica Brasileira, Kevin O Chris, MC Carol, Mochakk e muitos outros. No total, 72 cantores farão parte deste momento histórico em prol da união para promover um mundo melhor, com a música sendo um fio condutor e agente mobilizador para uma ampla convocação. Será por meio do Dia Brasil, que o Rock in Rio vai atuar para chamar a atenção de uma nação inteira para duas das maiores causas urgentes no país hoje: o combate à fome e a superação da pobreza, em parceria com as ONGs Ação da Cidadania, desde já recebendo a doação de 1,5 milhão de pratos de comida, e Gerando Falcões, que por meio do projeto Favela 3D vai transformar a vida de 250 famílias nas regiões do Buraco e Sessenta do Morro da Providência.

Além do Dia Brasil, o Rock in Rio está liderando uma ação inédita que reúne mais de 60 artistas brasileiros para a gravação de um clipe da música “Deixa o Coração Falar”, composta especialmente para este movimento. A canção provoca uma reflexão de união e as incentiva sobre a importância do diálogo e do abraço para superar divisões no mundo. A organização também anunciou que os direitos dos artistas que estão na composição serão destinados às duas ONGs parceiras do festival na luta contra a fome e a pobreza. O Rock in Rio também vai criar produtos licenciados que terão seus lucros revertidos em doações, além de promover leilões de instrumentos autografados. O público também poderá se engajar e participar, doando no site oficial do Rock in Rio e durante a compra de ingressos.

“Está na hora da gente mobilizar mais uma vez as pessoas, assim como fizemos em 1985, pós ditadura, e, em 2001, quando paralisamos todas as emissoras de rádio e TV por três minutos para provocar as pessoas a refletirem sobre o papel de cada um de nós na construção de um mundo melhor. O Rock in Rio sempre foi disruptivo ao unir na Cidade do Rock as mais diferentes tribos, como o funk, metal, trap, bossa nova, rock, pop e eletrônico. Para esta edição, em que celebramos os nossos 40 anos de história, este movimento será ainda maior e mais potente. Não é sobre música, mas sobre pessoas. Vamos nos abraçar e cantar, pela união, pela paz, pelo combate à fome e no combate à pobreza. Vamos todos caminhar em uma só direção: o público, os artistas, a organização e as marcas, nossos parceiros. Queremos resgatar justamente o sentimento de união do povo brasileiro, uma característica única que temos, mas que foi se perdendo nos últimos anos. Já está na hora de humanizar a nossa relação. Precisamos conversar e escutar mais uns aos outros. Essa união e esse abraço são justamente a proposta do movimento que vem do Dia Brasil. Sempre tive este momento desenhado na minha cabeça e acho que está na hora certa de concretizar esse sonho. Um dia inteiro de Rock in Rio somente com artistas brasileiros em prol de um mundo melhor. Será histórico, uma revolução”, destaca Roberto Medina, presidente da Rock World, empresa que criou, organiza e produz o Rock in Rio e o The Town.

 

 

Continue lendo