Conecte-se com a LIVE MARKETING

Eventos

Free Cone Day comemora 40 anos de história

Publicado

em

Marcada para 9 de abril, ação anual da Ben & Jerry’s completa quatro décadas com distribuição gratuita de sorvetes em 12 estados e parceria com o WWF-Brasil para sensibilizar população sobre a poluição plástica no mundo

Aquele conhecido dia do ano em que filas contornam os quarteirões das lojas Ben & Jerry’s com pessoas em busca de seu sorvete mais pedaçudo do pedaço de graça já tem data para acontecer em 2019. No próximo dia 9 de abril será realizada mais uma edição mundial do Free Cone Day, uma celebração da marca iniciada há exatos 40 anos e que promove a distribuição gratuita de casquinhas de sorvete como forma de retribuir à comunidade seu carinho e cuidado com a empresa. Além disso, é também um momento democrático e ativista, no qual a Ben & Jerry’s conta com organizações sociais parceiras para levar temas relevantes à população.

O primeiro Free Cone Day aconteceu em 1979 em Burlington (EUA), cidade natal da Ben & Jerry’s. Aquele era o primeiro ano da empresa, criada em um posto de combustível reformado, e seus fundadores, Ben Cohen e Jerry Greenfield, tinham a intenção de agradecer pela boa recepção da comunidade aos seus produtos. Ao longo dos anos, a iniciativa foi sendo levada a outras cidades americanas e outros países, começando pelo Canadá, em 1993. Inicialmente realizada em dias diferentes do ano em cada lugar, a ação teve sua data unificada em 2000. No Brasil, o Free Cone Day estreou em 2015, quando aconteceu nas lojas da Oscar Freire e do Shopping Morumbi. Naquele mesmo ano, ocorreu outro marco: nada menos que 1 milhão de bolas de Ben & Jerry’s foram distribuídas ao redor do mundo.

O ativismo da marca também é algo que sempre esteve presente em suas atuações, e que não poderia ficar de fora do Free Cone Day. Para a empresa, a ação vai além do momento de celebração e distribuição de sorvetes grátis: é também uma forma de fomentar a discussão sobre assuntos importantes para a sociedade. A cada edição, os países em que a Ben & Jerry’s está presente escolhem uma causa diferente, de acordo com os temas mais relevantes para sua região.

No Brasil, a edição do Free Cone Day desse ano irá focar na conscientização sobre poluição plástica, em uma parceria firmada com o WWF-Brasil (Fundo Mundial para a Natureza). “A Ben & Jerry’s entende que a poluição plástica em nosso meio ambiente está em níveis alarmantes. Enfrentar o problema vai além de promover ações fragmentadas ou de engajar os indivíduos para o consumo consciente. Uma resposta eficaz para esta crise requer uma mudança sistêmica global, envolvendo governos e sendo incentivado pela população. Por reconhecer que essa é uma frente muito importante, a Ben & Jerry’s busca engajar seus consumidores nessa causa e também planeja medidas efetivas, como a substituição de suas embalagens para 100% papel, colaborando assim para um mundo com menos plástico”, conta André Lopes, diretor da marca no Brasil.

Segundo o estudo “Solucionar a Poluição Plástica: Transparência e Responsabilização”, lançado pelo WWF em março, o Brasil é o quarto maior produtor de lixo plástico no mundo, com 11,3 milhões de toneladas, ficando atrás apenas dos Estados Unidos, China e Índia. Desse total, apenas 1,28% é reciclado, o equivalente a 145 mil toneladas. “A crise mundial da poluição por plásticos só terá solução se todos os atores da cadeia de valor se responsabilizarem pelos danos desse material para a natureza e para as pessoas. O volume de plástico que vaza para os oceanos todos os anos é de aproximadamente 10 milhões de toneladas. Nesse ritmo, até 2030 encontraremos o equivalente a 26 mil garrafas de plástico no mar a cada quilômetro quadrado”, alerta Gabriela Yamaguchi, diretora de engajamento do WWF-Brasil.

Diante desse preocupante cenário, durante o Free Cone Day o público poderá assinar uma petição internacional elaborada pelo WWF-Brasil para que líderes globais, governos e indústrias se comprometam a produzir e utilizar menos plástico, reduzindo seu descarte na natureza.

Além disso, no dia da ação, momento em que o consumo de embalagens aumenta consideravelmente, a Ben & Jerry’s não trabalhará com nenhuma embalagem de plástico, e os sorvetes serão servidos no cone-casquinha e copo-casquinha. A empresa também está desenvolvendo uma série de ações para diminuir seu impacto ambiental nos demais dias do ano. Entre elas está o trabalho em conjunto com uma consultoria em economia circular para criar um plano para atingir o melhor descarte possível.

Free Cone Day 2019

Todas as lojas da Ben & Jerry’s do Brasil participarão do Free Cone Day, que acontecerá no dia 9 de abril, das 12h às 20h. Nesse ano, o evento ainda contará com uma opção de sorvete vegano para aqueles que não consomem ingredientes de origem animal. Qualquer pessoa pode pegar seu sorvete gratuito quantas vezes quiser, basta seguir as regras de ser uma bola por vez e respeitar a fila de prioridade (gestantes, idosos, pessoas com deficiência e pessoas com criança de colo).

Em 2018, a Ben & Jerry’s distribuiu mais de 80 mil bolas de sorvete no país inteiro. A marca está presente em São Paulo (SP), Campinas (SP), Rio de Janeiro (RJ), Vila Velha (ES), Belo Horizonte (MG), Goiânia (GO), Brasília (DF), Fortaleza (CE), Recife (PE), Salvador (BA), Curitiba (PR), Tijucas (SC) e Porto Alegre (RS).

Serviço

Free Cone Day – Ben & Jerry’s

Quando: 9 de abril de 2019 – das 12h às 20h

Onde: Todas as lojas da Ben & Jerry’s do Brasil

Continue lendo
Clique para comentar

You must be logged in to post a comment Login

Deixe uma resposta

Eventos

Gratuito: Varejo Summit, um evento para profissionais que querem estar sempre um passo à frente

Publicado

em

Gratuito: Varejo Summit, um evento para profissionais que querem estar sempre um passo à frente

O Varejo Summit, maior evento online sobre varejo na Era digital, promovido pelo TransformaçãoDigital.com, ecossistema que conecta pessoas e empresas à transformação digital, está se aproximando! A segunda edição do evento será online e totalmente gratuita, de 26 a 30 de julho.

O evento tem como intuito apresentar estratégias que estão sendo utilizadas pelos grandes líderes do varejo. Serão mais de 50 entrevistados divididos pelas trilhas: Customer Experience; Marketing e Vendas; Logística e Supply Chain; Transformação Digital na Prática; E-commerce; Tecnologias, Ferramentas e Dados; Segurança Online; Governo e Associações e Serviços Financeiros. O público-alvo é composto por empreendedores, gestores e fornecedores de empresas que entendem as mudanças do varejo e desejam potencializar os resultados.

Igor Lopes, sócio e Diretor de Conteúdo do TD, será o curador e host do evento. Igor dividirá o palco com a co-host e jornalista Paula Valdez, âncora do Jornal BandNews Primeira Edição. Desde 2017, a jornalista atua no Grupo Bandeirantes de Comunicação. Formada em Jornalismo pela Universidade Luterana do Brasil (ULBRA), em Canoas (RS), trabalhou por 12 anos como repórter, apresentadora e editora da RBS TV, a maior afiliada da Globo no Brasil. De olho nas mudanças digitais, criou uma live semanal, com entrevistas sobre os mais variados temas.

Dentre os destaques confirmados do evento estão nomes como André Rodrigues, sócio e Diretor membro do Comitê Executivo do Grupo Itaú; Nina Silva, sócia-fundadora do Movimento Black Money; Fernanda Romano, VP de Marketing Global e Inovação da Alpargatas; Fernando Vilela, CMO do Rappi; Stella Guillaumon, General Manager da Adobe Commerce na América Latina; Fernando Pantaleão, VP de Vendas e Soluções para Comércios da Visa, e muitos outros.

Demais informações sobre o Varejo Summit, como a lista completa de palestrantes e inscrições estão disponíveis no site do evento.

 

SERVIÇO

Varejo Summit

Quando: de 26 a 30 de julho

Horário: das 09h às 18h

Inscrições: https://varejosummit.com/

Evento online e 100% gratuito

Continue lendo

Eventos

EXPO RETOMADA recebe mais de 800 visitantes testados no primeiro dia em Santos

Publicado

em

EXPO RETOMADA recebe mais de 800 visitantes testados no primeiro dia em Santos

A EXPO RETOMADA começou com sucesso em Santos. O primeiro dos 30 eventos-teste chancelados pelo Governo do Estado de São Paulo e único na modalidade Feiras de Negócios recebeu 846 visitantes únicos no primeiro dia, todos testados previamente na entrada do evento e com resultados negativos para a covid 19. Um dos diferenciais da EXPO RETOMADA 2021 foi justamente a obrigatoriedade da testagem, até mesmo para as equipes da montagem e organização, com permissão de acesso apenas aos participantes com resultados negativos. O evento também cumpriu todos os demais protocolos, como a obrigatoriedade do uso de máscaras, acesso por catracas eletrônicas sem intervenção humana e planta com corredores mais largos para respeitar o distanciamento. No espaço da feira, 50 expositores apresentaram produtos e serviços nos stands.

Na abertura oficial das atividades, um painel com autoridades locais e estaduais e entidades da indústria de Eventos apresentou dados do setor de feiras e eventos de negócios. As Feiras de Negócios movimentam 50 macro segmentos econômicos do país, somente na cidade de São Paulo, a movimentação do setor costumava ser de R$ 16,3 bilhões por ano, antes da pandemia. E o tom foi otimista em relação à perspectiva de retorno. Para o idealizador da EXPO RETOMADA e diretor da Live Marketing Consultoria, Paulo Octávio Almeida, a retomada deverá ser gradual, a partir do final deste ano.

“Estamos contribuindo para esta condição. Os eventos-teste são caracterizados pela testagem dos participantes e um protocolo irá fundamentar essa liberação. Somos contrários à aglomeração, à ilegalidade. Queremos a regulação e parceria com o setor público. Nós somos gregários, vivemos em sociedade e os eventos inspiram, conscientizam, educam, geram negócios e conexões emocionais”, afirmou.

Para o Prefeito de Santos, Rogério Santos, a EXPO RETOMADA é mais do que um evento. “É uma grande etapa que vencemos com muito trabalho, o reconhecimento de muito esforço”, pontuou. “Uma emoção diferente”, definiu o Secretário de Turismo do Estado de São Paulo, Vinícius Lummertz. “Provas negativas de covid em poucos minutos, tudo muito organizado e a emoção de ver a união de todo o trade de eventos, congressos e feiras presentes. Agora, com essa matriz, estamos conseguindo uma fórmula de poder fazer a reabertura do setor, que foi duramente prejudicado. Aqui estão os universos mais sofridos do Brasil”, afirmou.

O primeiro dia da EXPO RETOMADA deu sequência com uma agenda de mais dois debates, sobre os desafios do setor de congressos e eventos B2B, as expectativas para as feiras de negócios pós-pandemia, seu papel, os diferenciais tecnológicos e sobre os eventos híbridos. Participaram representantes de empresas organizadoras de congressos, representantes da hospitalidade, promotoras de feiras, venues, empresas fornecedoras, além dos secretários Patrícia Ellen, do Desenvolvimento Econômico do Estado de SP, e Vinícius Lummertz, de Turismo e Viagens do Estado de São Paulo.

“Muito mais do que falar sobre o futuro dos eventos, a EXPO RETOMADA traz um modelo para o nosso estado, o Brasil e o mundo. O mundo está em luta para saber qual é o modelo ideal. Países estão tendo que retroceder na retomada porque abriram mão cedo demais dos protocolos.  E o simbolismo de fazer o evento em Santos, uma das cidades com a menor ocupação de UTI e 80% da população vacinada, num local com valor econômico importante e estratégico para os eventos. Os eventos presenciais vão ser muito importantes, todos estamos carentes de interações humanas e dar esse passo de forma responsável é fundamental. Se precisar retroceder, o faremos, mas a meta é seguir em frente”, afirmou a secretária Patrícia Ellen.

Na opinião dela, a pandemia trouxe diversos aprendizados para o setor. “Antes a dinâmica era quantos cartões você trocou, a pandemia nos trouxe o aprendizado de valorizar a interação humana, a qualidade dessa interação e a nossa responsabilidade de fazer isso de uma forma segura. Com a pandemia, as projeções para 2025 aconteceram em um ano. Tivemos mudanças que nenhum de nós previu. O vírus me ensinou a ser humilde. Passamos a estar mais presentes nas interações, até online, passamos a valorizar mais essas interações. E isso é uma possibilidade grande para o setor de eventos. A tecnologia trouxe o conceito de hub – estar presente, mas com todas as pessoas conectadas, canais cobrindo, experiências etc. Oportunidade de respeitar as diferentes necessidades”, pontuou.

“Foi inspirador ver a dedicação, o compromisso e o respeito das empresas envolvidas neste evento. Essa frente de eventos modelo foi feita exatamente para reconhecer bons exemplos, como o de vocês. Precisamos mostrar que dá para cumprir os protocolos de forma segura e participarmos presencialmente. Queremos levar essa esperança com muita responsabilidade para todos os que nos acompanham hoje”, finalizou a secretária de Desenvolvimento Econômico de São Paulo.

A EXPO RETOMADA continua nesta quinta-feira (22), no Santos Convention Center, a partir das 11h. O evento é voltado para os players do setor de eventos de negócios. Outros detalhes: www.exporetomada.com.br

A EXPO RETOMADA 2021 tem realização da ABEOC Nacional – Associação Brasileira das Empresas de Eventos, ABRACE – Associação Brasileira de Cenografia e Estandes, Santos Visitors & Convention Bureau, SINDIPROM|SP – Sindicato das Empresas de Promoção, Organização e Montagem de Feiras, Congressos e Eventos do Estado de São Paulo, e UBRAFE – União Brasileira de Feiras e Eventos de Negócios. Curadoria e organização: Live Marketing Consultoria e Rede Feiras. Comitê Gestão Biosegurança: ABNT – Associação Brasileira de Normas Técnicas, ABRALIMP – Associação Brasileira do Mercado de Limpeza Profissional e Secretarias de Saúde do Estado e Município de Santos.  Apoio: ABEOC, ABAV – Associação Brasileira de Agências de Viagens, ABNT, ABRALIMP, Adibra – Associação de Empresas de Parques de Diversões do Brasil, ADVB – Associação dos Dirigentes de Vendas e Marketing do Brasil, ALAGEV – Associação Brasileira de Agências de Viagens Corporativas, AMPRO – Associação de Marketing Promocional / Live Marketing, APAS – Associação Paulista de Supermercados, FHOB – Fórum de Operadores Hoteleiros do Brasil, FESESP – Federação de Serviços do Estado de São Paulo, Sindepat – Sistema Integrado de Parques e Atrações Turísticas, ABH Nacional , Unedestinos – União Nacional de CVBs e Entidades de Destinos e Visite São Paulo.

Continue lendo