Conecte-se com a LIVE MARKETING

Empresa

Dove lança ‘No Digital Distortion’ – ferramenta que identifica imagens de mulheres reais na propaganda

Publicado

em

Campanha revela o grau de distorções digitais e manipulações que ocorrem na mídia e propaganda

Dove está dando mais um passo para assegurar que a beleza seja uma fonte de confiança, e não de ansiedade, com o lançamento de uma ‘No Digital Distorion mark’. A tag será lançada globalmente com ‘branded content, com início em julho, tendo campanhas de desodorante liderando a iniciativa. Até 02 de janeiro de 2019, a tag será incorporada a todas as imagens que exibem mulheres, através da forma impressa, digital e social, e identificará que a imagem não foi manipulada. Dove será responsável apenas por mostrar representações genuínas de pessoas, mostrando-as como elas são na vida real. A campanha busca ajudar as mulheres a se sentirem representadas, sabendo que a imagem que veem não teve nenhuma manipulação digital para se ajustar aos padrões ditados de beleza.

“Quando o conteúdo na mídia não reflete a realidade, isto causa um profundo efeito negativo sobre o espectador”, afirma Jess Weiner, Especialista Cultural e Professor Adjunto da Escola de Jornalismo Annenberg da Universidade do Sul da Califórnia (USC). “Ao visualizar imagens de beleza irrealista e inatingível, isto cria uma meta inalcançável que leva a sentimentos de frustação. E Isso é especialmente verdadeiro sobre jovens garotas que cresceram em um mundo de filtros e retoques”.

A pesquisa do Relatório Global sobre Beleza e Confiança da Dove (2016) mostra que as mulheres em escala global perderam a fé naquilo que estão vendo. Setenta e sete por cento acreditam que todas as imagens na mídia foram alteradas ou retocadas digitalmente. As marcas precisam prestar atenção nisso, visto que 69% das mulheres citam as crescentes pressões da mídia e propaganda para atingir um padrão de beleza irrealista como principal força para promover a ansiedade pela aparência.

A “No Digital Distorcion Mark” de Dove é mais uma ferramenta do Projeto pela Autoestima, e é como um selo para que todos saibam que a Dove está firmemente comprometida com sua crença em imagens sem distorção digital, e que as mulheres incluídas são 100% como você as veria na vida real e 100% bonitas. O currículo do Projeto Dove pela Autoestima proporciona às jovens as ferramentas para ajudar a desenvolver confiança, e por mais de 10 anos tem alcançado mais de 29 milhões de jovens no mundo todo, proporcionando educação sobre autoestima e confiança corporal, cuja meta é alcançar 40 milhões de jovens no mundo todo até 2020. Um elemento do projeto é a educação sobre como contrabalançar a influência negativa da mídia, e torna-las mais cientes e críticas daquilo que elas veem. A “No Digital Distorcion Mark” aprofundará isso e proporcionará um identificador que eliminará o trabalho de adivinhação da mídia de consumo, enquanto também incentiva outras marcas a tomarem uma atitude.

“A partir do trabalho do Projeto Dove pela Autoestima, ensinamos as crianças a questionar aquilo que elas veem na mídia, e não aceitar tudo pelo seu valor aparente”, afirmou a Dra. Phillippa Diedrechs, Especialista em Imagem Corporal. “Contudo, a responsabilidade não deverá ser apenas do espectador. As marcas podem fazer mais para mostrar a realidade e eliminar essa pressão desnecessária. Ao assim proceder, podemos causar um impacto positivo sobre as vidas de jovens garotas.

A campanha é uma continuação da Promessa de Beleza Real – uma reafirmação do compromisso em 2017 de apenas retratar o que é real e verdadeiro para as mulheres e para a beleza. Foi um compromisso público de nunca apresentar imagens inalcançáveis, manipuladas e impecáveis de uma beleza “perfeita” que as ferramentas de retoque podem promover.

“No ano passado, comprometemo-nos a utilizar imagens com zero distorção digital”, afirma a Vice-Presidente Global da Dove, Sophie Galvani. “Neste ano, queremos dar mais um passo adiante e propiciar às mulheres uma ferramenta para ajudá-las a compreender o que é real e o que não é. “No Digital Distorcion Mark” ajudará as mulheres a identificar a realidade e aliviar alguma pressão para terem certa aparência, motivo por que criamos um Filme de Evolução que revela o grau de distorções digitais e manipulações que ocorrem na mídia e propaganda, e traz à tona o problema que as mulheres experimentam. Esperamos que mais marcas se juntem a nós neste movimento, pois esse compromisso precisa ser bastante difundido”.

Continue lendo
Clique para comentar

You must be logged in to post a comment Login

Deixe uma resposta

Empresa

Santander instala painel eletrônico em prédio para levar arte ao centro de São Paulo

Publicado

em

A partir do próximo sábado (1º de maio), quem passar pela esquina das ruas Boa Vista e João Brícola, no Centro da capital paulista, terá a oportunidade de prestigiar um vídeo em homenagem ao Brasil editado a partir de imagens captadas pelo fotógrafo paulistano Tuca Reinés, com belíssimas fotos que retratam cidades de todas as regiões do país. As imagens serão apresentadas de modo que o público possa fruir o contraste e a beleza do Brasil de dimensões continentais.

Trata-se da primeira atração de um painel eletrônico recém-instalado no prédio da Agência Central do Santander que fica no local. Composto por 100 módulos de LED , com 9,60m x 9,60m de dimensão e capacidade de reproduzir mais de 200 milhões de cores, o painel de design curvo e 92 m² transmitirá um vídeo produzido a partir de 65 imagens de Reinés que será exibido diariamente, das 7h às 23h, até o dia 4 de julho.

Ao final, será mostrado um QR Code que direcionará ao site www.homenagembrasiltucareines.com.br. A página terá mais informações sobre as fotos expostas e uma mini-bio do artista.

“Não existe espaço ideal para a arte, ela pode existir em qualquer lugar. Essa é mais uma iniciativa do banco em integrar a arte à vida urbana, ao cotidiano das pessoas, e em um Centro que tem que voltar a pulsar”, afirma Patricia Audi, vice-presidente executiva de Comunicação, Marketing, Relações Institucionais e Sustentabilidade do Santander Brasil. “Arte disponível para todos. O investimento faz parte do projeto do banco de estímulo à revitalização de uma região tão cheia de história e tão significativa para os paulistanos”, explica a executiva.

Festival Vídeos Arte

O Santander já prepara uma segunda programação para o painel eletrônico. A partir do dia 05 de julho, começa o Festival Vídeos Arte – eu Amo Minha Quebrada. Com a curadoria de Baixo Ribeiro, em seis meses, o Festival reunirá 15 artistas residentes nas comunidades de todas as zonas paulistanas e apresentará vídeos – de, em média, dois minutos – produzidos por esses artistas. O projeto ainda prevê uma oficina e leitura de portfólios para indicação dos participantes que poderão apresentar vídeos, animações, time-lapses, drone-vídeos, gifs, entre outros. Mais informações sobre o festival serão divulgadas em breve.

Continue lendo

Empresa

YouTube anuncia suas novas produções originais

Publicado

em

O YouTube fez nesta terça um evento especial para anunciantes . E mostrou suas novidades de programações originais. Chamou gente de peso para todas elas, como Will Smith e Alicia Keys. Veja só:

O projeto de Will Smith tem o título tentativo de A melhor forma de minha vida. Terá seis episódios e deverá estrear no ano que vem. Irá seguir o ator enquanto ele enfrenta desafios para melhorar a sua rotina de exercícios. Tudo com a ajuda de convidados que incluem atletas, cientistas e experts.

Já o projeto de Alicia Keys (título tentativo – Noted) deverá estrear no meio do ano. Vai mostrar as celebrações da cantora para do 20º aniversário de seu álbum Songs in a Minor. E ainda os preparativos do seus oitavo disco.

Recipe for Change deverá estrear em 16 de junho. Mostrará celebridades, chefs, ativistas e criadores celebrando a cultura asiática e das ilhas do Pacífico. Também irá discutir ódio e violência contra a comunidade.

Barbershop Medicine irá explorar o impacto racial e sócio-econômico no sistema de saúde e longevidade. O artista Masego, e os médicos Italo Brown e Jamie Rutland, além de outros membros da comunidade, discutem temas relacionados à COVID em uma barbearia. Deverá ser lançado no meio do ano.

Ice Cold mostrará o prisma do hip-hop para explorar assuntos profundos referente à iniquidade racial e o Sonho americano. Os produtores executivos são os membros do grupo musical Migos.

O YouTube também anunciou as terceiras temporadas de Liza on Demand, e de Could You Survive the Movies. Além da segunda de Instant Influencer. O Brasil também esteve presente. Vem aí a segunda temporada de Whindersson: Próxima Parada.

 

Matéria publicada no portal de notícias AdNews. Se quiser mais informações sobre o mundo da publicidade e do marketing acesse: https://adnews.com.br/

Continue lendo