Conecte-se com a LIVE MARKETING

Digital

Visa e Banco Neon lançam serviço que permite que consumidores usem a selfie para confirmar compras online

Publicado

em

Visa e Banco Neon anunciam solução de tecnologia que permite que clientes do Banco Neon, portadores de cartões Visa, autentiquem suas compras online por meio de selfie – além das opções de utilização da digital e da tradicional senha numérica. A inovação, que oferece uma experiência de pagamento segura e 100% digital, está disponível para todos os clientes do Banco Neon portadores de cartões Visa.

A autenticação de transações é normalmente requisitada pelos estabelecimentos comerciais aos emissores de meios de pagamentos eletrônicos que buscam se certificar de que aquele portador do cartão é realmente o seu titular. No mundo físico, por exemplo, é a senha para o cartão com chip. No mundo online, a solução oferecida pela Visa ao Banco Neon permite que a autenticação da transação seja realizada pela própria selfie já cadastrada, de forma simples e com segurança, no aplicativo do banco. A solução foi implementada dentro do aplicativo do Banco Neon, simplificando a experiência do usuário e evitando a necessidade de baixar apps adicionais.

No processo de abertura da conta, após o usuário enviar foto do RG ou daCNH, ele também cadastra uma senha numérica, sua digital e faz uma selfie para reconhecimento facial. O sistema de segurança e autenticação do banco confere se a selfie corresponde à foto do documento enviada. A imagem fica armazenada no banco de dados do Banco Neon de forma segura e criptografada. Em hipótese alguma, o estabelecimento comercial receberá a foto de quem está comprando.

“Sofisticação e excelência se alinham à simplicidade. Aqui, por meio da tecnologia, buscamos sempre entregar soluções eficientes sem deixar de ser simples para o cliente. Baseado nesse princípio, em parceria com a Visa, ajudamos a criar uma forma de gerar ainda mais segurança para compras online – de forma intuitiva e prática para quem está na outra ponta”, comenta Pedro Conrade, CEO do Neon.

“Na Visa, adotamos a metodologia centrada no ser humano para desenvolver tecnologias que atendam às necessidades e resolvam problemas reais do consumidor final, que está cada vez mais empoderado. A solução de autenticação por selfie foi desenvolvida em parceria com o Neon para proporcionar uma experiência ágil e segura para o consumidor realizar suas compras online com tranquilidade”, explica Percival Jatobá, vice-presidente de produtos da Visa do Brasil. “Juntamos a segurança da rede Visa, com um comportamento popular, cotidiano e divertido que é tirar uma selfie. Com isso, também ajudamos os estabelecimentos comerciais a converterem mais vendas, proporcionando mais uma forma de confirmar quem realmente está fazendo a compra online”, acrescenta o executivo.

Como funciona?
1 – Quando um estabelecimento comercial registra uma compra em seu site realizada por um cartão Neon Visa e, por alguns motivos, deseja comprovar a autenticidade do portador do cartão, envia um pedido de autenticação ao emissor do cartão, no caso o Banco Neon.

2 – A Visa processa essa solicitação e a envia ao Banco Neon, que devolve uma notificação para o celular do consumidor perguntando se ele realmente realizou aquela compra naquele valor, oferecendo ao portador a oportunidade de autenticar a transação por meio de uma selfie, senha, ou pela digital.

3 – O consumidor, por sua vez, escolhe a forma de autenticação que melhor funcionar naquele momento. Assim que a identificação for confirmada, a compra já poderá ser aprovada pelo emissor.

Caso o consumidor opte pela selfie para autenticar sua identidade, a foto deve ser tirada no mesmo momento para a confirmação da compra. O sistema do Banco Neon ainda solicita ao portador do cartão que confirme a foto com um piscar de olhos. Desta maneira, acrescenta-se uma segurança extra para confirmar realmente que o portador está presente no momento da autenticação.

Importante ressaltar que esse processo, assegurado pelo protocolo 3D Secure criado pela Visa, só acontece quando o estabelecimento comercial indica ser necessário pedir a comprovação da identidade do portador para completar a transação.

Continue lendo

Digital

Rocky.Monks é o mais novo parceiro da JustForYou

Publicado

em

A agência digital full service Rocky.Monks, em mais uma movimentação de mercado, fecha uma nova parceria com a JustForYou, maior marca de personalização de produtos de hair care da América Latina. Com início neste ano, a parceria visa aumentar os resultados em mídias pagas, expandindo a marca  e ajudando na divulgação das novidades da empresa.

“Nosso time de Mídias Pagas já está a todo vapor. Para nós, é de suma importância parcerias com grandes empresas como é o caso da JustForYou, e tenho certeza de que, com um bom trabalho do nosso time, vamos atingir ótimos resultados para que essa parceria dure por muitos anos”, explica Daniela Gebara, sócia fundadora e diretora comercial da Rocky.Monks.

A JustForYou é mais um grande cliente como Telhanorte e Loungerie, que também compõem a carteira de mais de 80 clientes da Rocky.Monks. Além disso, em 2021, a agência foi reconhecida como uma das melhores agências de comunicação para se trabalhar pelo GPTW.

Continue lendo

Digital

Monetização de dados é componente importante da Transformação Digital que movimentará US$ 2,3 trilhões até 2032

Publicado

em

O conceito Data Driven e a consequente monetização desses dados cresce exponencialmente e cada vez mais deve fazer parte dos negócios em todos os níveis. O mercado de transformação digital vai movimentar US$ 2,3 trilhões até 2032, com crescimento médio de 14,2% ao ano, de acordo com o relatório Market Research Report da Fact.MR. Apenas este ano, a expectativa é de que o segmento atinja US$ 621 bilhões. A consultoria Forrester avalia que as empresas que são Data Driven estão crescendo 30% ao ano.

O consultor Caio Cunha, presidente da WSI Master Brasil e membro do Global WSI Internet Consultancy Advisory Board, afirma que o novo modelo significa sobrevivência no mercado. “Ser Data Driven hoje é um diferencial competitivo. Muitos dos concorrentes já adotam e os que não adotarem vão sair do mercado. Cada vez mais os clientes querem ações mais inteligentes”, sentencia o consultor.

Cunha explica que a empresa que é Data Driven usa uma base de dados estruturada, com informações concretas para a tomada de decisões, apoiada em ferramentas de Business Inteligence, inteligência de negócios na tradução. O sistema usa grande quantidade de dados de maneira rápida, segura e eficiente.

“Monetizar esses dados passou a ser interessante. Essas tecnologias podem ser usadas para reduzir custos com automação de tarefas, aumentar receitas identificando e servindo melhor os clientes, atrair mais clientes com engajamento reduzindo esforços, ser mais pessoal e melhorar qualidade dos serviços sem aumentar a equipe”, afirma o consultor.

Continue lendo