Conecte-se com a LIVE MARKETING

Eventos

Vem aí o segundo Subtropikal

Publicado

em

Festival de criatividade urbana levará uma programação intensa a diversos pontos de Curitiba durante uma semana

Após grande sucesso em sua estreia no ano de 2016, o festival Subtropikal ganhará uma nova edição no próximo mês de julho, entre os dias 15 e 22, na cidade de Curitiba. O evento de criatividade urbana, que no ano passado movimentou milhares de pessoas, vai envolver mais de 15 espaços em diversos bairros da capital paranaense em sua programação oficial, oferecendo atividades gratuitas e pagas distribuídas ao longo de uma semana.

Assim como no ano passado, o Subtropikal se divide em três plataformas: Reflita, Explore e Curta. A primeira delas corresponde ao fórum de discussões, que nos dias 19 e 20 de julho vai levar à Capela Santa Maria debates a respeito de diversos temas como assimilação cultural, a nova política, tecnologia e ressignificação de espaços urbanos. O empresário Facundo Guerra, um dos grandes responsáveis pela nova cara da noite paulistana, e as sergipanas Rita Romão e Rouseanny Bonfim, do coletivo Por Mais Turbantes Nas Ruas, são alguns dos convidados que estarão em Curitiba para os painéis de discussão. O arquiteto Manoel Coelho e a pesquisadora de tendências Andrea Greca integram o time de destaques locais, que recebe ainda mais de 50 convidados para um total de 10 debates nos 2 dias.

O Explore compreende um circuito com aproximadamente 30 oficinas e workshops dispostos em espaços criativos, que abordam temas diversos como técnicas de design e graffiti, moda, música e o cultivo de PANCs (Plantas Alimentícias Não Convencionais). Uma novidade no Explore de 2017 é a ocupação do espaço Naquela Casa do Centro Europeu (Av. Benjamin Lins, 935), marco arquitetônico do ciclo da erva-mate paranaense, receberá intervenções artísticas, workshops, palestras, uma residência criativa e muita música durante a semana do festival. No dia 21 de julho, a Rua da Cidadania do Cajuru também terá atividades gratuitas apresentadas pelo festival.

Por fim, o Curta, festa de encerramento do Subtropikal, trará pela primeira vez a Curitiba o aguardado show do BaianaSystem. A banda é um dos nomes mais elogiados na música contemporânea brasileira, vencedora em duas categorias no Prêmio Multishow de 2016, incluindo Melhor Hit com “Playssom” e Melhor Disco pela obra “Duas Cidades”, de 2016. O destacado coletivo de músicas curitibanas Mulamba, formado pelas autoras do sucesso “P.U.T.A.”, e o DJ Caê Traven também integram o line-up da festa, que terá início às 16h com formato inédito na Ópera de Arame, celebrando os 25 anos do icônico espaço curitibano.

 

Sobre o Festival Subtropikal

Celebrar a criatividade como um traço da identidade curitibana explorando o que a cidade proporciona hoje, refletindo sobre seu presente e futuro e curtindo suas possibilidades é o mote do Subtropikal, Festival de Criatividade Urbana. O evento teve sua primeira edição em agosto de 2016, quando ocupou espaços como o Teatro do Paiol e a Ópera de Arame e deixou como legado para a cidade um mural de 400 metros quadrados pintado no edifício do Moinho Rebouças.

O Subtropikal conta com o apoio da Red Bull, Sucos Do Bem e da Cabify e o patrocínio do Centro Europeu e da Heineken, que é a cerveja oficial do festival. O evento é construído com colaboração de oito co-criadores – que fornecem visões distintas sobre diferentes áreas culturais e da economia criativa. Na edição de 2017, são eles: Beth Caponi (produtora cultural), Cleverson Café Paes (artista urbano), Eduardo Rebola (publicitário), Fernanda Pompermayer (designer), Gus Benke (fotógrafo), Karka Keiko (produtora cultural), Mariah Salomão (empresária) e Paula Berman (ativista política).

Os ingressos e passaportes, além de inscrições para oficinas, já estão disponíveis e podem ser adquiridos no site www.sympla.com.br/subtropikal.

Subtropikal – Festival de Criatividade Urbana
15 a 22 de julho de 2017
Curitiba – Paraná

PROGRAMAÇÃO:

Explore:
– Naquela Casa do Centro Europeu
Onde: Casarão Bittar (Av. Benjamin Lins, 935)
Quando: de 15 a 21 de julho (dias 15 e 16, das 15h às 00h, e de 17 a 21, das 18h às 00h)
Atrações: oficina de drinks, oficina de arte urbana, bazar de marcas locais e apresentação de coletivos musicais.

– Circuito de Oficinas
Onde: 15 espaços criativos da cidade (Edifício Anita, Nex Coworking, Aldeia Coworking, Casa 102, Das Nuvens, Acervo Circular, Naquela Casa e mais a serem confirmados)
Quando: de 15 a 22 de julho
Descritivo: oficinas e workshops

– Naquela Rua
Onde: Rua da Cidadania do Cajuru
Quando: 21 de julho, das 14h às 22h
Descritivo: oficina de turbantes, arte urbana e Delta (dinâmica de grupo)

Reflita:
Onde: Capela Santa Maria.
Quando: 19 e 20 de julho, das 16h até as 22h
Principais Atrações: Facundo Guerra, Manoel Coelho e Por Mais Turbantes nas Ruas.
Programação disponível em www.subtropikal.com.br

Curta:
Festa de encerramento Subtropikal
Onde: Ópera de Arame
Quando: 22 de julho, das 16h às 00h
Atrações: Baiana System, Mulamba e Caê Traven

Continue lendo

Eventos

Evento debaterá “a força da comunicação no mercado de seguros”

Publicado

em

No próximo dia 12 de março, a partir das 8h, acontecerá o evento “A força da comunicação no mercado de seguros”. Promovido pela Freela, o encontro reunirá alguns dos principais executivos e especialistas do setor para debater diversos tópicos relacionados ao tema.

O evento será realizado em São Paulo, no Auditório da Escola de Negócios e Seguros (ENS) – uma das apoiadoras do encontro – e contará com duas rodas de conversas e momentos exclusivos para perguntas e repostas entre os debatedores e o público.

Com o tema ‘a comunicação no setor de seguros’, a primeira roda de conversa discutirá como as seguradoras desenham suas estratégias para se comunicar; de que forma o corretor de seguros está inserido nesse contexto; e o papel da comunicação para o desenvolvimento e crescimento do setor, o que envolve as assessorias de imprensa, as agências de publicidade, além da mídia especializada.

“O maior desafio do mercado de seguros atual é como transmitir suas informações com eficiência e clareza. O evento irá discutir com especialistas de comunicação de seguradoras, agências e entidades como facilitar o entendimento sobre o setor, para que as informações cheguem ao consumidor de forma simples e clara”, explicou Paulo Kato, um dos sócios da Freela, organizadora do encontro.

Os interessados em participar podem fazer suas inscrições nesse Link.

Continue lendo

Eventos

End to End promove maratona entre desenvolvedores

Publicado

em

A End to End, empresa que conecta o torcedor à sua paixão e é um hub de soluções e engajamento para o mercado esportivo, promoverá um Hackathon, campeonato entre programadores, voltado para desenvolver soluções tecnológicas para o esporte, visando estreitar o relacionamento entre torcedores e clubes. O evento, batizado de Le Hackathon E2E, ocorre nos dias 15, 16 e 17 de fevereiro, no Lounge Centenário do Allianz Parque. As inscrições estão abertas e os profissionais podem se inscrever por meio do site https://lehackatonsports.com.br.

Ao todo, serão 28 desenvolvedores, divididos em 7 equipes com 4 profissionais em cada. Os times receberão uma solução específica para trabalharem durante a maratona. Após os três dias de competição, os profissionais serão avaliados por um grupo de seis jurados, composto por especialistas em marketing, tecnologia e esportes, que deverão votar no melhor projeto. A End to End pretende utilizar a solução dos vencedores para os seus clientes. Assim que a inovação estiver no mercado, os desenvolvedores responsáveis receberão parte do lucro.

“Nós somos uma empresa de fan engagement e, para 2024, estamos buscando desenvolver soluções baseadas em Inteligência Artificial. Esperamos que o Hackathon seja a porta de entrada para esse objetivo. É uma oportunidade que pode, inclusive, abrir caminho para contratarmos desenvolvedores para a nossa equipe”, explica Reginaldo Diniz, CEO da End to End.

A escolha da solução que cada equipe deverá desenvolver será feita por meio de uma análise das habilidades dos participantes, que definirá qual equipe tem maior aptidão para cada projeto.

Continue lendo