Conecte-se com a LIVE MARKETING

Gente

WMcCann apresenta Mariana Sá como nova CCO

Publicado

em

A WMcCann anuncia a chegada de Mariana Sá como nova Chief Creative Officer (CCO) da agência. Com mais de 25 anos de experiência, seu último desafio profissional foi como diretora de criação da Globo, onde ficou por 8 anos, sendo responsável por projetos como Copa do Mundo 2014, Olímpiadas do Rio 2016, comemoração dos 50 anos da emissora, Globo.com, Globoplay e mais recentemente pelo rebrand do grupo de comunicação após a unificação das estruturas de todas as marcas.

“Estamos muito felizes em anunciar a chegada da Mari Sá em um dos melhores momentos para a agência. Temos certeza que ela vai ajudar a elevar o nível de criatividade e propósito do que entregamos aos nossos clientes, tendo o resultado como foco principal”, destacam Hugo Rodrigues, chairman e CEO da WMcCann – que assume como Executive Chairman a partir de julho – e André França, VP de mídia e dados, que será CEO da agência no mesmo período.

Mari começou sua carreira na Propeg de Salvador, e quando veio para São Paulo trabalhou por 10 anos na DM9DDB como diretora de arte e de criação, e teve passagens de 2 anos pela PeraltaStrawberryFrog e pela Lew’Lara TBWA como diretora executiva de criação, atendendo marcas como Ambev, Itaú, Nissan, J&J, Natura, Banco do Brasil, PepsiCo, JBS, Adidas, C&A e Vale. A executiva soma premiações em Cannes, Clio, One Show, Profissionais do Ano, CCSP, além de também ter sido convidada para integrar o júri de importantes festivais como Cannes, Clio, D&AD, Ciclope, entre outros.

“Estou muito feliz com essa oportunidade de trabalhar em uma agência com profissionais que tanto admiro. Quero ajudar a construir um ambiente criativo, inspirador, que gere resultados relevantes e inovadores para as marcas e negócios”, destaca Mariana Sá.

Continue lendo

Gente

Debora Capobianco é a nova diretora de marketing para a América Latina da Farfetch

Publicado

em

A Farfetch, plataforma para a indústria da moda de luxo, anuncia a incorporação de Debora Capobianco como diretora de marketing para a América Latina. Seus principais objetivos no cargo são: promover o crescimento da marca com parcerias locais, continuar encantando os consumidores com uma boa experiência na compra de peças de luxo do mundo todo e aproveitar as características na forma de comprar dos latino-americanos, que são diferentes, por exemplo, das particularidades da Europa.

Débora possui mais de 20 anos de experiência em atividades relacionadas ao marketing e e-commerce, em empresas como a B2W Digital, Vente-Privee e Privalia (no Brasil e México).

“Estou muito feliz com o novo desafio e muito entusiasmada de ingressar nesse mundo que é a Farfetch. Trabalhei com e-commerce pelos últimos 20 anos e esta é minha primeira vez em um mercado global, então há coisas para aprender também. A empresa na América Latina vive um momento interessante de expansão e múltiplas oportunidades. Vim para me juntar a esta equipe para que nossa região ganhe cada vez mais relevância dentro do grupo”, comenta a executiva.

Debora Capobianco é formada em Comunicação e Propaganda pela Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM) e possui Mestrado em Administração de Empresas (MBA) pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). Também realizou cursos de Data and Business Analytics na Cambridge Judge Business School.

Continue lendo

Gente

Wiliam Kerniski, acaba de ser contratado como novo head de expansão e marketing da Frente Corretora de Câmbio

Publicado

em

A Frente Corretora de Câmbio está reforçando o seu time de growth. Para ajudar em seus planos de expansão e marketing, a empresa dona da marca Câmbio On-Line anuncia a chegada de Wiliam Kerniski como head da área. Um dos principais nomes do segmento no País, Kerniski agregará a experiência em vendas, planejamento e estratégia em canais digitais com o uso de dados. Anteriormente, ele trabalhou em empresas de serviços e conteúdo, como as telecom Tim, Claro e Oi; os veículos de mídia RBS e Reader’s Digest; além de ter sido o head de operações da Instituto D’Or de Pesquisa e Ensino (IDOR), da Rede D’Or São Luiz.

“O mercado financeiro é um natural provedor de dados para as empresas. Quando falamos de uma corretora de câmbio, a troca de informações pelo consumidor é muito maior em razão das pesquisas de cotação que ele faz a todo o momento”, diz Kerniski. “O desafio é consolidar tudo o que recebemos do consumidor para desenvolvermos o melhor produto e serviço financeiro do nosso mercado”, completa.

Continue lendo