Conecte-se com a LIVE MARKETING

Agências

V3A adquire participação do Prêmio eSports Brasil

Publicado

em

A agência V3A anuncia a aquisição dos 50% do Prêmio eSports Brasil, a maior premiação da indústria de games e eSports da América Latina. Em 2021, o evento chegará a sua quinta edição, consolidado como uma das principais celebrações do mercado de eSports no mundo. Com a aquisição, a V3A assume a posição da  Go4it no negócio, dando continuidade à parceria com a Globo, detentora dos outros 50%.

A movimentação reforça o investimento da V3A no mercado de eSports. Atualmente, a agência tem um segmento dedicado exclusivamente à indústria em parceria com Kevin T´ang, da Câmara de comércio Brasil – China, que já conta com o WESG Latam, edição latinoamericana do World Electronic Sports Games, a maior competição multiplataforma de eSports do mundo, fundada na China pelo grupo Alibaba. A segunda edição do WESG Latam, encerrada no início de março de 2021 e teve mais de 10 horas ao vivo nos canais Sportv, em parceria com a Globo.

 

As últimas edições do Prêmio eSports Brasil e WESG Latam tiveram patrocínio apresenta da Oi, e despertaram o interesse de marcas de diversos segmentos do mercado, atraídas pelas possibilidades de ações tailor made que os projetos proprietários de eSports são capazes de oferecer.

 

Victor Vocos Camargo, diretor executivo da V3A fala sobre a decisão de ampliar a participação da agência na indústria de eSports  “A aquisição do Prêmio fortalece a V3A no segmento de Games e cria mais um canal de conexão entre a comunidade gamer e dos eSports com o universo crescente de marcas que já perceberam o valor desse mercado e querem se conectar a ele. Além disso, o PEB, como propriedade intelectual 100% Brasileira com maior potencial na indústria Gamer, se encaixa perfeitamente na estratégia da V3A de construções de ativos próprios com foco na geração de valor no longo prazo ”, afirma o executivo.

Victor Vocos Camargo - diretor executivo V3A - crédito Eny Miranda.jpg

(Victor Vocos Camargo – diretor executivo V3A – crédito Eny Miranda)

 

Com a conclusão do negócio, executivos da V3A já integram o time de planejamento da quinta edição do Prêmio eSports Brasil, que será realizado em dezembro de 2021. O evento promete mobilizar mais uma vez a comunidade e celebrar os ídolos e a indústria gamer brasileira, através de dezenas de premiações divididas em categorias técnicas e populares.

 

Mercado em de eSports ultrapassa cifras bilionárias, mesmo com a crise da Covid-19

 

Segundo o Relatório Global do Mercado de eSports e Live Streaming 2021, produzido pela Newzoo, consultoria especializada em estudos da indústria gamer e de eSports, o mercado global de eSports vai ultrapassar a marca de US$ 1 bilhão pela primeira vez em 2021. Isso representa um crescimento de 14,5% em relação ao ano passado.

 

Deste montante, o relatório aponta que patrocínios (US$ 641 milhões), direitos de mídia (US$ 192,6 milhões), taxas de publishers (US$ 126,6 milhões), merchandising e ingressos (US$ 66,6 milhões) e streaming (US$ 25,1 milhões) são as principais fontes de receita de um mercado que cresce mesmo com a crise da Covid-19.

 

Com US$ 360 milhões de receita esperada para 2021, a China está no topo da lista, seguida pela América do Norte, Europa, Índia e Brasil, considerados os principais mercados movimentados por gamers profissionais, ligas e plataformas de streaming.

Continue lendo

Agências

Agência Rua: mercado publicitário ganha agência dedicada a OOH

Publicado

em

Os publicitários Fernando Sarapu e Rodrigo Oliveira, com mais de 20 anos de experiência em planejamento de mídia em grandes agências e contas globais, lançam a Agência Rua. Especializada em mídia Out of Home, a agência mergulha em um ecossistema de dados para desenvolver as estratégias de seus clientes e demais agências de criatividade, com integração inteligente de informações socioeconômicas, mercadológicas e de consumo.

O trabalho envolve planejamento, execução, produção e monitoramento de campanhas publicitárias nos mais variados ambientes: shoppings, estações de trem/metrô, terminais rodoviários, estradas, estádios de futebol, aeroportos e, claro, nas próprias ruas.

“A mídia de rua, nas suas mais diferentes formas, está estabelecida, integrada e presente na jornada de cada pessoa desde o momento que ela se desloca de casa. É como um cenário já conhecido e fiel, que se comunica de maneira rápida, simples, eficaz e impactante com quem está na correria do dia”, diz Fernando Sarapu.

A Agência Rua fica no Rio de Janeiro e tem atuação com abrangência nacional, trabalhando para proporcionar dinamismo às campanhas e integração com o online, a partir de pesquisas de Geomarketing, inteligência de mercado e um acompanhamento minucioso de dados e softwares capazes de fundamentar as recomendações de mídia.

Segundo Rodrigo Oliveira, a companhia nasce antenada às tendências mundiais de OOH, desde a migração de telas estáticas para telas digitais, passando pelo desenvolvimento de ações que integrem formatos Out of Home com soluções de mídia online. Isso tudo a partir de Big Data e inteligência artificial, aliados às análises humanas de um time envolvido e experiente.

“A inquietude faz parte do nosso DNA. Queremos estar na vanguarda, acompanhando cada movimentação do mercado e trazendo com velocidade o que há de mais atual para os nossos clientes. Entendimento da Mídia Out of Home como ferramenta colaborativa e harmônica com os novos conceitos de cidade inteligente, focados na qualidade de vida dos seus cidadãos”, afirma Rodrigo.

Fernando e Rodrigo acumulam no currículo agências gigantes como W/McCann, J.W.Thompson, Contemporânea, NBS, Giovanni, VS, Staff, e clientes a exemplo da Tim, Embratel, Ford Motor Company, Oi, Bradesco, CCAA, Firjan, Paramount e Fiat.

“Nós queremos estar exatamente ali: onde se canta, se dança, se trabalha, se corre, se descansa, se diverte, se educa, se informa, se consome, se comunica. Nós queremos estar na Rua, onde tudo acontece”, completa Fernando.

Continue lendo

Agências

Agência Gana conquista conta do Guaraná Kuat e será responsável pelo relançamento da marca

Publicado

em

Recém-chegada ao mercado e com a proposta de trazer visões mais diversas para a publicidade e criar soluções mais conectadas com a realidade dos consumidores, a Agência Gana acaba de conquistar a conta do Guaraná Kuat, e será responsável por toda a estratégia de relançamento da marca de guaraná 100% nacional da Coca-Cola.

Com o desafio de retomar a comunicação de Kuat, após dez anos sem investir no segmento, a agência cuidará de iniciativas criativas e estratégicas nas áreas de comunicação online e offline, ativações, entre outras.

“A Gana veio para trazer o poder da criatividade preta e periférica para o mercado de comunicação. É muito significativo que o nosso primeiro cliente seja a Coca-Cola Brasil com o Guaraná Kuat. Uma das empresas que mais entende de marketing no mundo apostou sua marca mais brasileira em uma parceria com a Gana. A expectativa é construir uma marca com conexão com o nosso povo, com as vivências do Brasil”, explica Felipe Silva, CEO da Gana.

Segundo Camila Libório, Brand Manager da Coca-Cola, a escolha de uma agência com liderança e equipe 100% preta faz parte do movimento da empresa, que está cada vez mais comprometida com a diversidade e inclusão, e que a parceria é perfeita para o novo momento da marca. “O time de marketing, que fala diretamente com os consumidores brasileiros, precisa ter parceiros e uma equipe interna que seja capaz de representar esse consumidor. Buscamos para Kuat um parceiro criativo, com um pensamento disruptivo e disposto a trabalhar de uma forma diferente, carregando em sua essência a responsabilidade de garantir que os vários consumidores brasileiros vão se sentir representados em cada detalhe desta nova campanha”.

“Foi uma concorrência que teve muito cuidado em escolher agências que tivessem um movimento bold, políticas claras de inclusão e foco em proporcionalidade hierárquica para seus funcionários negros, uma vez que o Brasil é composto por 56% de pretos e pardos. Gana entregou não só um 360° criativo que atendia o nível de excelência e qualidade que esperávamos como sistema Coca-Cola, como também mostrou que sim, conseguimos trabalhar com equidade e ter responsabilidade social através das nossas marcas e parceiros”, completa a executiva.
Continue lendo