Conecte-se com a LIVE MARKETING

Digital

Marketing é para todos

Publicado

em

É inegável que nos últimos anos houve uma invasão das redes sociais tanto em nossa vida pessoal quanto no trabalho e a especialista em Marketing e comportamento de consumi, Fátima Bana, explica que há muito mais por trás dos tão falados algoritmos das redes sociais.

Não basta apenas aparecer nas plataformas de buscas para garantir o cliente ou a venda. “Afinal, de que adianta investir rios de dinheiro em captação e geração de leads, se a operação ainda tem problemas e não entrega (o serviço ou produto) com o mínimo esperado? Já pensaram nisso?”, explica Fátima Bana.

Ao falar sobre isso, a especialista se refere a todo o funil de Growth, reforçando que não adianta focar apenas em acompanhar os números online e esquecer que outros pontos são super importantes. O comportamento do cliente vai muito além do que observamos nos dashs. O marketing digital acaba entregando números interessantes, reduz o CAC, só que com isso ele acaba comprando sempre os mesmos clientes pela performance, sendo com a estratégia esse poderia estar vindo sem custo algum, já que comprou o produto. “Eis o segredo de ir além dos números e atuar na linha de frente, em agir como seu cliente age e criar uma experiência focada com a que ele quer ter” – resume.

Conhecer os clientes é o primordial, mas humanizar as relações (mesmo que a distância) é o que garante a recorrência. “É claro que não podemos deixar os algoritmos de lado, eles são ferramentas indispensáveis. É Eles oferecem um parâmetro para todas as ações, são responsáveis por definir as métricas de avaliação e de performance, mas quem foco apenas neles, tá perdendo espaço” – afirma.

Estamos vivendo uma geração de demanda do office que não está sendo valorizada. Acreditamos que todos os consumidores são iguais, que possuem um comportamento parecido, mas não é bem assim, não vivemos em bolhas! As marcas precisam entender que cada cliente é único, e começar a aliar uma estratégia de aquisição e fidelização do consumidor com uma estratégia de comunicação.

“Engana-se quem acha que só porque está em um ambiente virtual, não há necessidade de oferecer uma experiência diferente em uma, ou em todas as etapas de compra. Conhecer o passo a passo dessa jornada pode ser crucial para fechar o caixa de maneira positiva e, principalmente, para reter, fidelizar, ser admirado e recomendado pelo seu público”, finaliza Fatima Bana.

Continue lendo

Digital

Estudo aponta que a presença de negros na publicidade digital não aumenta no Dia da Consciência Negra

Publicado

em

A mais recente pesquisa do Elifegroup e da agência SA365 indica que o Dia da Consciência Negra não tem impacto significativo na presença de negros e pardos na publicidade digital. A análise é um recorte do estudo anual sobre “Diversidade na Comunicação de Marcas em Redes Sociais”, em que foi identificado que a presença de pessoas negras e pardas aumentou apenas 4% em 2020 quando comparado ao ano anterior.

Mesmo durante o mês de novembro, marcado pelo dia da consciência negra, a participação de pessoas pretas e pardas nas publicações de marcas não aumenta e é inferior a meses anteriores, como em abril – com 95 publicações – e maio – com 98 de posts registrados -. Estes números, associado à análise de conteúdo das publicações no período, indicam que não há impacto significativo ou publicações específicas para marcar a data na publicidade digital.

Continue lendo

Digital

Dicas de marketing digital para você aplicar na Black Friday

Publicado

em

Falta pouco para a Black Friday 2021, após a longa crise causada pela pandemia do novo coronavírus. O evento, que acontece no próximo dia 26, deve ser um pouco diferente este ano, por conta das mudanças no padrão de consumo das pessoas, que foi bastante alterado durante a pandemia. Sobretudo por conta do isolamento social, as compras online ganharam ainda mais força no último ano e fortaleceram os canais de compras digitais, como os e-commerces.

Pensando nisso, o Rafael Guandalini, CMO da Hardcore Digital, listou seis dicas de marketing digital para aplicar na Black Friday.

Confira abaixo:

1) Faça Bem As Contas Antes De Dar  Descontos

Não entre na “pilha” do momento e saia oferecendo descontos aleatórios que no fim te tragam prejuízos na operação. Mais importante do que vender muito, é sair com saldo positivo.

2) Ofereça algo para quem já é seu cliente e já te conhece

Este é um ótimo público para a Black Friday, porque eles já conhecem, você consegue impacta-los sem precisar investir, e eles só precisam de uma boa oferta para comprar seu produto ou contratar seu serviço.

3) não pense apenas em baixar o preço

Ao invés de pensar no caminho mais fácil, que é baixar o preço, seja criativo. Pense em oferecer kits de soluções ou dê como brinde para seus clientes um produto ou serviço que eles possam conhecer, por exemplo. Assim você faz uma ação especial na Black Friday que vai te render frutos no médio e longo prazo.

4) Utilize as redes sociais para divulgar bem suas ações

Aqueça sua audiência, crie uma antecipação do que vai rolar de especial utilizando suas redes sociais, em especial o Instagram. Isso vai gerar desejo nas pessoas desde cedo e fazer com que elas reservem uma verba do que elas vão gastar na data.

5) Crie uma lista de pessoas interessadas em participar da sua Black Friday

Divulgue as suas ações especiais de Black Friday e peça que as pessoas se cadastrem na sua lista de e-mails para serem avisadas de quando as vendas vão ser iniciadas. Isso fará com que você fique com estes contatos das pessoas para outras ações no futuro, além de evitar que sua campanha caia no esquecimento dos clientes.

6) Utilize o gatilho mental da escassez na hora de divulgar suas ofertas

Além de oferecer uma condição especial, pense também em limitar o número de produtos ou serviços que você irá oferecer na data. Ao comunicar um número limitado, e avisar as pessoas de que as coisas estão se esgotando, a tendência é que o público fique mais propenso a agir mais rapidamente.

Continue lendo