Conecte-se com a LIVE MARKETING

Padrão

Estudo da Pier 1 mostra impacto da pandemia no setor de cruzeiros de luxo em 2020

Publicado

em

Um ano marcado por paralisações, retomadas surpreendentes e aumento na antecedência das compras. 2020 foi um ano desafiador para todo o mundo, para o Turismo e, inclusive para os cruzeiros de luxo. É o que mostra o Brazil´s Luxury Cruise Market Report, relatório produzido pela Pier 1 Cruise Experts, especialista em cruzeiros de luxo, que traz dados da operadora referentes a 2020.

As expectativas para o setor de cruzeiros de luxo no início de 2020 eram as melhores, com a economia brasileira aquecida, previsão de crescimento do PIB de 2%, além da expectativa de lançamento de diversos novos navios – sendo cinco embarcações de luxo, que somam aproximadamente 3 mil leitos, que foram lançadas e aguardam inauguração oficial.

Mesmo com a iminência do decreto de uma pandemia, janeiro se configurou como um mês positivo, com crescimento de vendas 29,1% superior ao mesmo período de 2019.

Mas os planos e expectativas para 2020 começaram a mudar com a chegada da pandemia. Em março, todas as companhias assoviadas à CLIA, decidiram, voluntariamente, paralisar todas as operações, começando um grande trabalho conjunto de repatriação de todos os hóspedes e tripulantes em condições desafiadoras com muitos portos e fronteiras fechadas, além de poucos voos disponíveis em operação.

O ápice da crise chegou em maio, com uma queda de 82,5% nas vendas e faturamento da operadora. O pior mês do ano também foi um ponto de inflexão, pois, os meses seguintes foram marcados por uma gradativa recuperação do volume de vendas, motivada, na época, pelas notícias sobre o desenvolvimento de potenciais vacinas e de alguns países que começavam a flexibilizar seus acessos.

O auge da recuperação aconteceu em outubro, quando, pela primeira vez desde o início da pandemia, a Pier 1 apresentou uma performance 24,1% superior ao ano anterior. Porém, com as novas ondas de COVID-19 ao redor do globo e, como consequência, o fechamento das fronteiras, os dois últimos meses do ano voltaram a apresentar resultados negativos.

Destinos destacados

A pandemia também trouxe mudanças entre os destinos mais procurados, muito por conta da oscilação de possibilidade de navegação em diversos pontos. A Europa Fluvial, com share de 20,1%, passou a ocupar a segunda posição, no lugar do Mar Báltico & Norte da Europa. Já a Ásia & Oriente Médio, que apresentava um share de 12,6% em 2019, teve o percentual reduzido para 3,8%.

Antecipação

Outro dado que sofreu grande variação em relação ao ano anterior foi o de antecipação da data da compra do Cruzeiro. Já no final do 1° semestre de 2020, foi observado que esse quesito havia ultrapassado, também pela primeira vez, a marca de 200 dias antes da data de embarque.

À medida que os cruzeiros ao longo do 2° semestre eram cancelados, as remarcações começaram a ser feitas para datas cada vez mais distantes, chegando à marca dos 265 dias, um aumento de 33,8% em relação a 2019.

 

 

Ticket Médio

 

Um dos dados mais interessantes de 2020, foi o valor do ticket médio por hóspede, que ultrapassou o patamar de US$7 mil, apesar de todas as adversidades e da desvalorização do Real. Esse fato pode ser uma consequência dos bônus em créditos futuros oferecidos pelas companhias aos hóspedes que tiveram seus cruzeiros suspensos. Em alguns casos, chegaram a ser 25% além do valor originalmente pago. Entretanto, ainda será necessário aguardar a retomada das operações e normalização das condições comerciais das vendas dos cruzeiros para confirmar a consolidação desse novo patamar.

 

Perspectivas, medidas e ampliação do portifólio

Apesar de todas as adversidades do ano, vale ressaltar aspectos positivos como o lançamento de 16 novos navios, cinco deles das Companhias de luxo. Para 2021, o planejamento é para o lançamento de outras nove embarcações. Quando as companhias retomarem suas operações, o mercado e os cruzeiristas terão à sua disposição uma das mais modernas frotas de cruzeiros de todos os tempos.

Além disso, merecem destaque as políticas adotadas por grande parte das companhias de cruzeiros para protegerem os agentes de viagem durante essa crise sem precedentes, como honrar o pagamento das comissões das viagens canceladas e das remarcadas, e o oferecimento de bônus em créditos futuros para os clientes escolherem a viagem ideal.

“É inegável que o ano de 2020 foi o mais desafiador para todo o setor turismo, em especial, para a indústria de cruzeiros, mas também foi um período de aprendizado e de fortalecimento da parceria entre companhias, operadoras e agentes de viagens. Trabalhamos para oferecer a melhor matéria-prima para a retomada dos agentes, nosso principal canal de vendas: novos roteiros, navios e destinos, além de ações promocionais e ferramentas facilitadoras”, disse Thiago Vasconcelos, Diretor Executivo da Pier 1. “Acreditamos que a vacinação em massa da população e a exigência das companhias de cruzeiros de embarcar apenas hóspedes vacinados sejam importantes passos para alcançarmos patamares atingidos antes da pandemia”, completa.

Continue lendo

Eventos

Feira de franquias espera mais de 100 marcas em sua primeira edição presencial pós pandemia

Publicado

em

A Franchise4u (https://www.franchise4u.com.br ), feira no formato de reuniões pré-agendadas, já tem data definida para volta. O primeiro evento, dos 15 programados para 2022, será em São Paulo, no dia 27 de janeiro, das 9h às 21h, no Hotel Pullman Vila Olímpia, na rua das Olimpíadas, 205. As inscrições para visitantes são gratuitas e podem ser feitas pelo site https://www.franchise4u.com.br.

Com uma previsão de cerca de 100 marcas para a edição da capital paulista, a Franchise4u foi a idealizadora deste novo formato de feiras de franquias, baseado em reuniões individuais e pré-agendadas entre o investidor e as marcas de seu interesse. O visitante interessado conversa frente a frente com o representante da rede de franquia de seu interesse, para tirar dúvidas e conhecer melhor a marca na qual ele planeja investir. Todo encontro é previamente agendado pelo site da feira. Essa organização, além de possibilitar um contato pessoal com cada empreendedor, ainda garante que o evento seja livre de filas e aglomerações e com menor investimento para os franqueadores, uma vez que é realizado em salões de grandes hotéis, sem necessidade de gastos com montagem de stands, projetos, instalações, recepcionistas, segurança etc.

Alessandro Pinheiro, gerente comercial de expansão da Pilão, conta que está desde 2019 expondo a marca nas feiras realizadas pela Franchise4u. “Eu gosto muito de participar pela organização e pelo formato pioneiro do evento. É sem sombra de dúvidas a melhor feira para nossa marca. Já chegamos a fechar, em uma única feira, 24 franquias”, declara o expositor.

Para a primeira edição pós pandemia, os organizadores estão animados. Sentimos uma boa receptividade da notícia da volta da feira por parte das marcas. Nossa equipe comercial está bastante otimista. Esperamos um número de visitantes próximo ao dos anos anteriores à pandemia e com certeza voltaremos com tudo”, explica Mônica Mujalli, executiva da feira.

A Franchise4u, com seu modelo dinâmico, já realizou 35 edições por diversas cidades brasileiras e seus números são muito positivos. “Ao longo desses anos já foram geradas mais de 30 mil reuniões com investidores e mais de 450 marcas participantes, trazendo um impacto muito positivos aos visitantes e aos franqueadores. Acreditamos que o mercado está represado e a Franchise4u continua sendo uma grande oportunidade de negócio. Com certeza vamos começar o ano de forma bem positiva”, afirma Fernando Sodré, presidente da Franchise4u.

De acordo com dados divulgados pela ABF, o setor de franquias apresentou recuperação no 2º trimestre deste ano, mantendo assim sua trajetória rumo a níveis pré-pandemia, indica a Pesquisa Trimestral de Desempenho realizada pela associação. Segundo o estudo, feito em parceria com a empresa de pesquisas AGP, o faturamento no 2º tri de 2019 foi de R$ 43,122 bilhões, passou a R$ 27,720 bilhões no ano passado e chegou a R$ 41,140 bilhões de abril a junho deste ano. A variação foi de -35,7% de 2019 para 2020 e de +48,4% para 2021. A receita da franchising mostra, portanto, recuperação significativa no trimestre pesquisado, quando comparado ao ápice dos efeitos da pandemia (em 2020).

Continue lendo

Padrão

Campanha da W3haus para a Tramontina resgata a essência do Natal

Publicado

em

Cada um tem seu jeitinho todo particular de celebrar o Natal. Na Tramontina, esse enfoque é respeitado em sua essência. Seguindo o conceito “Para cada Natal, um jeito de fazer bonito”, a marca vai se colocar como parceira não só para ser uma opção de presente, mas também como ferramenta para auxiliar a produzir a própria decoração, a ceia e tudo o que envolve as pessoas nesta noite e dia tão especiais para unir todos em torno do espírito natalino, cada um à sua maneira.

E para levar esse conceito à risca, a W3haus, agência do Grupo Stefanini, assina a criação da campanha, mídia e social media, incluindo ação com influenciadores que já têm familiaridade com a marca. @maniadedecoracao@acasadobeto@luciellenassis@acasacomoelae e @marikrugerb  vão interagir entre si por meio de uma websérie, revelando como vão comemorar o Natal. Por meio de peças em mídias digitais, como Facebook e Instagram, eles irão dialogar entre si sobre suas escolhas e as histórias terão exposição nos formatos de stories, IGTV e Reels dessas plataformas.

Até o dia 25 de dezembro, a Tramontina, que nos últimos tempos tem ajudado os consumidores a explorar a tarefa do ‘faça você mesmo’, traz várias maneiras desta celebração, seja tradicional, descolada, bem-humorada, minimalista, e coloca seus admiradores como protagonistas da campanha. Seguindo essa linha, o Natal deste ano se insere na campanha global de Tramontina seguindo o mote ‘Não existe regra para fazer bonito’.

“Buscamos incorporar a presença de nossa marca a todos os tipos de Natais. Nossos produtos são presenteáveis ou podem compor o ambiente como um acessório útil, um objeto, um utensílio para decorar a mesa, ser aquele curinga em uma ceia harmoniosa e cheia da afetuosidade da data”, afirma Rosane M. Fantinelli, diretora de Marketing da Tramontina. Totalmente atrelado ao conceito da campanha institucional, este ano, tanto a proposta quanto o key visual, serão desdobrados em inglês e espanhol para serem utilizados nos diferentes países em que a marca está presente.

“Partimos de uma mensagem simples e que diz muito desta época do ano: existe um Natal para cada pessoa. O Natal é único e diferente para cada família, para cada núcleo que o vive”, define Clarissa Barreto, diretora de Criação e Conteúdo da W3haus. “A proposta é que os influenciadores deem e troquem dicas de mesas postas, por exemplo, sugestões do que vão usar em suas casas, o que vão incluir em seus momentos da noite e almoço de Natal”, se emociona Clarissa.

As webséries serão publicadas em formato de vídeo do IGTV no Instagram, os quais poderão ser respondidos via Reels por quem postar as dicas de cada tema. Elas também poderão ser acompanhadas no blog da Tramontina ou em portais de empresas parceiras.

Ficha Técnica: 
Agência: W3haus/Grupo Stefanini
Cliente: Tramontina
Diretora de Criação e Conteúdo – Clarissa Barreto
Direção de Arte – Carlos Brito
Redação – Ana Carolina Nogueira
Atendimento – Michele Adolfo, Andrea Cambruzzi e Giana Oliveira
Planejamento: Enéias Brum, Gabriela Oliveira
Mídia: Patrícia Angeletti, Felipe Miranda, Mônica Beloni e Giordana Godoi
Aprovação: Rosane M. Fantinelli e Grasiela Pontin

Continue lendo