Conecte-se com a LIVE MARKETING

Gente

Em expansão, produtora Factory contrata novo time para dinamizar seu hub mundial de artistas da arte e animação

Publicado

em

Fundada em 2016 pela Produtora Executiva Jennifer Djehdian, a Factory aproveita a fase de expansão para contratação de um novo time para atendimento, coordenação e pós-produção. Seu hub mundial consolidado de artistas de atuação em Cloud Producing levantou uma bandeira que favoreceu o seu posicionamento vanguardista de arte e animação durante a pandemia, com a produção de campanhas de forma ilimitada. Atuando recentemente em projetos para grandes agências como Mutato, Soko, Africa, Publicis, Wunderman Thompson, FCB Health entre outras contas, o novo time vem com nomes consolidados no mercado.

Entre as novidades do novo ciclo, a fundadora encerra a sociedade com Marcello Laruccia, que era sócio da Produtora desde 2018, mantendo a liderança solo na atual expansão da animação para outros segmentos de mercado, inclusive, internacional.

A produtora de animação reforça seu propósito dinâmico e global com a contratação de profissionais que integram agora, sua inteligência de produção. O novo Head de Pós e Animação contratado pela Factory é o paulistano Massao Asaga. Com mais de 20 anos no mercado, Massao atuou como na produção da O2 Filmes e Prodigo na área de pós-produção. Com jornada diversa, trabalhou com agências e produtoras de renome na publicidade como África, DPZ, DM9, Leo Burnett entre outras e produtoras como Sentimental Filmes, Tratoria, TVC, O2 Filmes, CIA de Cinema, Made to Create, entre outros. “Nos últimos tempos, vinha trabalhando como freelancer de composição e motion graphics, quando recebi essa proposta da Jennifer, com quem me relaciono profissionalmente há mais de 15 anos, para me juntar ao time da Factory. Na Produtora posso colaborar com toda a minha experiência com animações 2D e 3D para contar histórias sempre com aquele olhar experiente e apaixonado pelo o que faço”, conta Massao.

“Queremos mais do que nunca ter um time inclusivo, dando espaço para mais mulheres na equipe. Seguiremos de forma global, elástica e ágil, acompanhando nosso mercado”, conta Jennifer, a fundadora da Factory.

Para a Coordenação de Produção, a Factory contrata Letícia Harumi. Formada em Rádio e TV, Letícia atuou junto com a Coordenação de Pós-Produção para grandes produtoras como a Zombie Studio e Bossa Nova Films. Em 2020, passou a trabalhar como producer em projetos com animações 2D e 3D e na finalização do programa Mundo S/A da GloboNews. “Fui convidada pela Jennifer para fazer parte da equipe coordenando a produção dos projetos que temos na casa. Tenho certeza que esse novo desafio me fará evoluir muito tanto profissionalmente como pessoalmente, trazendo o melhor de mim a cada nova etapa que desbravaremos juntos”, conta Letícia.

Para fechar o time, o novo atendimento fica por conta de Marina Pimentel. Gaúcha de Porto Alegre, a Producer mora há 14 anos em São Paulo onde pode trabalhar com grandes clientes como Natura, Nestlé, Vivo, Unilever, Jeep, entre outras. Também tem passagens pelas agências Pereira & O’dell, Wunderman, Fischer e Fbiz. Para a Factory, vai ocupar o Atendimento: “Nesta pandemia tive a oportunidade de provar um pouco do outro lado, trabalhando como atendimento em produtora. Minha ideia é usar esta experiência em producer de agência para acrescentar nos processos da produtora, sempre trabalhando em uma parceria”, conta Marina.

Continue lendo
Clique para comentar

You must be logged in to post a comment Login

Deixe uma resposta

Gente

V4 Company tem nova head de marketing

Publicado

em

A V4 Company,  rede de assessoria de marketing digital, anuncia a chegada de Thaís Brunelli como sua nova head de Marketing. Com formação em Administração e Contabilidade, Brunelli já passou por indústrias de eletroeletrônicos como a Monter, antes de fundar a agência de marketing NewIE.

Atuou por três anos como diretora de operações, atendendo grandes contas como ActionCoach, Wizard, Melissa, Labellamafia, entre outras totalizando mais de 5 milhões em investimento de mídia.

Desde 2018, a profissional é sócia-franqueada da V4 Company, em Itatiba, município do interior de São Paulo. Agora, passa a integrar a equipe na matriz da empresa, em São Leopoldo, no Rio Grande do Sul.

“Minha principal missão como head de marketing da V4 Company é trazer o background desde a operação, até a experiência que tive como franqueada da V4. Esse trabalho envolve o foco em nosso growth, com novas estratégias de mercado e qualificação de demanda nos três principais produtos da empresa: assessoria, assessor e franquia”, declara Thaís.

A V4 Company atende atualmente cerca de 2,6 mil PMEs. A rede conta com mais de 1.600 pessoas em 200 escritórios espalhados pelo país.
Continue lendo

Gente

Disney elege mulher como presidente pela primeira vez

Publicado

em

Susan Arnold, que é membro do conselho da Disney há 14 anos, sucederá Bob Iger no final deste ano. Ela foi executiva da empresa de investimento global Carlyle.

Iger, que deixou o cargo de presidente-executivo da Disney em 2020 após 15 anos no cargo, deixará a empresa no final deste mês.

“Ao assumir esta nova função como presidente do conselho, espero continuar a servir aos interesses de longo prazo dos acionistas da Disney e trabalhar em estreita colaboração com o CEO Bob Chapek à medida que ele desenvolve o legado secular de excelência criativa da empresa e inovação “, disse Arnold em um comunicado.

Ela também ocupou cargos seniores em algumas das maiores empresas da América.

Nos últimos oito anos, a Sra. Arnold foi executiva do Carlyle Group, tendo, anteriormente, ocupado cargos na gigante de bens de consumo Procter and Gamble e na rede de fast food McDonald’s.

“Susan é uma executiva incrivelmente estimada, cuja riqueza de experiência, integridade inabalável e opinião especializada têm sido inestimáveis ​​para a empresa desde que ela ingressou no Conselho em 2007”, disse Iger.

Sua nomeação ocorre em um momento em que grandes empresas estão se afastando de estruturas de gestão em que as funções de presidente e executivo-chefe são desempenhadas pela mesma pessoa, após pressão de especialistas em governança corporativa, investidores e, em alguns casos, reguladores para separar os dois cargos principais.

A saída de Iger marca o fim de uma era para a Disney, que ocupa uma função sênior na empresa desde 1996.

Em seu tempo como executivo-chefe, a Disney fez várias aquisições importantes, incluindo as da Pixar, Marvel, Lucasfilm e 21st Century Fox. Em 2016, a empresa abriu seu primeiro parque temático e resort na China continental.

Vários outros executivos da Disney anunciaram planos de sair até o final deste ano, incluindo o chefe dos estúdios, Alan Horn, o presidente e diretor de criação da Disney Branded Television, Gary Marsh, e o conselheiro geral da empresa, Alan Braverman.

Texto traduzido do portal BBC News.

Continue lendo