Conecte-se com a LIVE MARKETING

Empresa

Com software nativo, Aeroscan leva inovação ao mercado de segurança com monitoramento por drones automatizados

Publicado

em

Apesar do momento instável que estamos vivendo em diversos setores, o mercado de monitoramento com drones no Brasil se manteve aquecido, além do esperado, encontrando ainda novas oportunidades de atuação e crescimento.

Até setembro de 2020, a ANAC, órgão responsável pelo setor de aviação no Brasil, registrou o crescimento de 150% de cadastramento de drones em relação a 2017, alcançando o número de 77 mil equipamentos registrados, sendo 28 mil cadastrados para uso profissional, gerando empregos e impulsionando a economia. Porém, estima-se que o número total de drones no Brasil seja muito maior, isto é, uma boa parte está funcionando de forma irregular.

Os drones se tornaram ferramentas estratégicas para coletar dados de forma precisa, produtiva e inteligente, independente da área de aplicação. A Aeroscan, empresa que atua no mercado com drones automatizados para segurança, vigilância e inspeção, sentiu “na pele” o crescimento do setor profissional em diversas frentes: condomínios residenciais e empresariais, indústrias, centros logísticos, portos, entre outros.

Há um ano e meio, os sócios Marco Forjaz e Marcelo Musselli Filho, começaram a trabalhar no desenvolvimento de um software próprio para automatização de drones. O resultado é uma solução que permite que o drone, ou inteligência artificial, reconheça formas e sobrevoe regiões inalcançáveis por um vigia pedestre, como água e mata, por exemplo, contando ainda com recursos como câmera de zoom e térmica.

“Nossa solução é totalmente voltada ao mercado de segurança perimetral, desenvolvemos nosso software para atender a demanda de diversos setores, levando inovação e facilidades ao processo de monitoramento com uma plataforma 100% segura”, comenta Marco Forjaz, cofundador e diretor de novos negócios da Aeroscan.

A busca pela ronda automatizada teve crescimento significativo em condomínios residenciais, principalmente no campo e praia devido ao aumento do número de famílias que, durante a pandemia, optaram por se mudar das capitais. Em um condomínio de alto padrão no interior de SP, a solução da Aeroscan atua na intercepção de ladrões que invadiam pela represa, além da pesca ilegal que foi coibida e eliminar as rondas que antes eram realizadas por um motociclista.

Sendo a primeira empresa com selo Drone Compliance LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais), em dezembro de 2020, a Aeroscan abriu 10% do seu valor empresarial via Eqseed, principal plataforma de venture capital online do Brasil, em que obteve sucesso recorde na captação. Em apenas 3 dias alcançou a meta de R$850 mil com 60 investidores que compraram as ações com base no plano financeiro da Aeroscan para 2021.

Para o sócio-fundador da EqSeed, Brian Begnoche, o setor de drones tem atraído muito o interesse dos investidores. “Essa tecnologia vem sendo alavancada cada vez mais nos setores. Os drones capacitam cortes significativos nos custos, fazendo com que as empresas possam gerar muito mais valor com muito menos despesa. Cabe perfeitamente com o perfil inovador das startups, que conseguem pegar fatias significativas de grandes mercados utilizando tecnologia inovadora,” pontua.

Com o investimento, os sócios irão investir na contratação de equipe para desenvolvimento e melhoria da plataforma, além de investir em marketing, produtos e aumentar o escopo da solução.

“Entendemos que essa equação deve viabilizar uma receita bruta de R$1,5 milhão em 12 meses. Não é uma meta fácil, mas creio que há demanda e agora teremos fôlego para ocupar esse gap. Com isso, pretendemos aumentar nosso faturamento mensal em 85% até o final de 2021”, finaliza Forjaz.

Segundo o site Futuriste, a Federal Aviation Administration – FAA, órgão responsável pelo setor de aviação dos Estados Unidos, correspondente ao que é a ANAC no Brasil, publicou um relatório em que antecipa o que deve acontecer no setor nas próximas duas décadas, chamando atenção ao mercado de drones para uso profissional. Com crescimento muito mais rápido do esperado, o setor pode triplicar até 2023.

Cases e vantagens de uma ronda automatizada

Após um minucioso estudo de viabilidade no perímetro, os benefícios de uma ronda automatizada são muitos, entre eles reforçar a segurança e ampliar o monitoramento, além de elaborar uma análise de risco, ajudar no planejamento, imagens em tempo real e diminuir a exposição física. Através do controle de uma frota de drones a partir de uma central remota, é possível fazer o gerenciamento de múltiplas missões, com apoio de profissionais especialistas no comando dos equipamentos para qualquer situação em que a intervenção humana seja necessária.

A plataforma oferece a possibilidade de integração com as maiores centrais de monitoramento e outros softwares do mercado de segurança, como VMS, minas eletrônicas e radares. Ou seja, para quem já possui estes sistemas, a inserção do drone não traz qualquer transtorno. Pelo contrário, agrega ainda mais no sistema de segurança.

Atendendo clientes como BASF; Cushman&Wakefield; Hines Brasil Empreendimentos; Grupo Souza Lima; Grupo G4S; Haras e diversos condomínios, a Aeroscan coleciona alguns cases. Na Cushman&Wakefield, além da segurança perimetral, também passaram a utilizar a solução para detectar aglomeração, uso de máscara e respeito a normas de segurança.

Outro case na ronda automatizada para uma indústria que produz fertilizantes no sul do Brasil e escoa a produção por navio em que a solução inibiu a venda ilegal de mercadorias a tripulantes do navio, coibiu a invasão perimetral a 2,5km do porto, passou a identificar focos de queimadas precocemente, além de rapidez na identificação de vazamento de óleo.

https://www.aeroscan.com.br/

https://www.instagram.com/aero.scan/

Continue lendo
Clique para comentar

You must be logged in to post a comment Login

Deixe uma resposta

Empresa

Gillette encerra a campanha Novembro Azul com doação para o A.C. Camargo Câncer Center

Publicado

em

Gillette, marca da P&G, apresenta pelo segundo ano consecutivo seu apoio à campanha Novembro Azul, idealizada pelo Instituto Lado a Lado pela Vida e que completa 10 anos de existência no Brasil em 2021.

Para celebrar esta década de ações de conscientização e prevenção de doenças masculinas, Gillette promoveu diversas ações voltadas para conscientização e informação sobre o câncer de próstata. Entre elas o financiamento de uma pesquisa inédita chamada “10 respostas sobre a saúde do homem” em parceria com o Instituto Lado a Lado pela Vida, uma série de vídeos sobre saúde masculina com o Doutor Drauzio Varella e a campanha #BigodeQueCuida.

Esta corrente positiva engajou celebridades, influenciadores digitais, profissionais da saúde, atletas e consumidores através do bigode, símbolo mundial do Novembro Azul. Foram centenas de posts nas redes sociais de homens e mulheres que aderiram ao bigode, seja através do barbear ou usando o filtro do Instagram desenvolvido por Gillette, como forma de apoio à causa e de chamar a atenção ao assunto.
Para finalizar as iniciativas voltadas para a celebração dos 10 anos de Novembro Azul, Gillette fará uma doação para o A.C.Camargo Cancer Center direcionado para o projeto Carmem, batizado em homenagem a Carmem Annes Dias Prudente, fundadora da Associação Paulista de Combate ao Câncer, atual A.C.Camargo Cancer Center. Carmem foi uma importante ativista no combate ao câncer através de diversas arrecadações de recursos entre os anos 1942 e 1952 ao lado do marido Antonio Prudente.
O programa Camem contempla o acompanhamento de 5000 pacientes oncológicos tratados no A.C.Camargo Cancer Center, contribuindo para a evolução do combate ao câncer. Trata-se de uma metodologia inédita na América do Sul que estuda o perfil epidemiológico genômico, imunológico e clínico de pacientes oncológicos – representativos da diversidade genômica da população brasileira – para mapear riscos associados ao câncer, reposta a terapia e maiores possibilidades de tratamento, tendo como resultado a melhoria da qualidade de vida e as taxas de sobrevivência. Os benefícios esperados são a construção de um banco de dados integrado que gera descobertas que podem contribuir com o diagnóstico e o tratamento do câncer, além do desenvolvimento de produtos que possam ser aplicados aos pacientes.
Apoiando pelo segundo ano consecutivo a campanha Novembro Azul, Gillette espera contribuir para mudar paradigmas e incentivar todos os homens a retomarem o cuidado com a sua saúde física e mental. Acompanhe todas as ações da marca nos canais de @gillette_brasil e faça parte você também deste movimento através da hashtag #BigodeQueCuida.
Continue lendo

Empresa

Corona anuncia ilha paradisíaca no mar do Caribe

Publicado

em

A cerveja Corona acaba de anunciar para 2022 a abertura de um destino especial: é a “Ilha Corona”, um paraíso reservado para que as pessoas possam se desligar da rotina do dia a dia e se reconectar com a natureza.

Localizado no coração do mar caribenho, o destino celebra a essência natural de Corona – feita apenas com ingredientes naturais – e sua paixão pela natureza e pelos momentos vividos do lado de fora.

“Como uma cerveja feita com ingredientes 100% naturais e nascida na praia, a Ilha Corona é um projeto especial, que nos ajuda a tornar nosso propósito – inspirar as pessoas a se reconectarem com a natureza e a cuidarem dela – ainda mais real”, complementa João Pedro Zattar, head de marketing de Corona no Brasil.

A Corona ainda vai levar consumidores de diversos lugares do mundo para a sua ilha – incluindo 20 brasileiros com acompanhante – para conhecerem o lugar e fazerem parte da experiência.

Para concorrer a essa viagem dos sonhos, basta participar da promoção “Ilha Corona”, que vai de 1º de dezembro a 15 de janeiro: ao comprar um pack de Corona ou o gift pack de Corona (com 4 cervejas Corona e uma toalha), o consumidor acessa o site, lê o regulamento, cadastra sua nota fiscal e na mesma hora recebe números da sorte para participar do sorteio.

Os packs dão direito a duas sequências de números, enquanto gift packs dão direito a cinco sequências; só podem aderir maiores de 18 anos, com limitação de até 50 números da sorte por CPF durante todo o período da promoção. Cada um dos 20 ganhadores poderá levar um (01) acompanhante.

Sobre a Ilha Corona

Cercados de mar e vegetação, os visitantes da Ilha Corona poderão seguir o ritmo da natureza, participando de atividades como oficinas de vida sem plástico, meditações guiadas com os sons naturais da ilha e até uma visita a uma fazenda local que fornece os ingredientes de origem orgânica utilizados no local.

Com o apoio da ONG internacional Oceanic Global, os hóspedes também terão atividades educacionais sobre a poluição do plástico, a proteção dos ecossistemas e a conservação dos oceanos, levando em conta os hábitos do dia a dia e o consumo e turismo responsáveis.

A ilha ainda será avaliada pela Oceanic Global a partir da eliminação do plástico de uso único e a gestão responsável de resíduos, entre outras boas práticas, endossando a já conhecida jornada de Corona na luta contra o plástico nos oceanos.

Toda a equipe de hospitalidade da ilha também passará pelo treinamento da ONG em sustentabilidade e melhores práticas operacionais.

Além da promoção, Corona também promove um leilão global em parceria com a ONG Oceanic Global para que o público possa visitar a ilha: neste site, consumidores podem dar seus lances e ganhar uma estadia de uma semana – nesse caso o contemplado poderá levar até nove convidados e ter a Ilha só para eles.

O leilão, que acontece até 14 de dezembro, tem como objetivo angariar fundos em projetos pela conservação dos oceanos por meio do trabalho da ONG.

Matéria publicada no portal de notícias AdNews. Se quiser mais informações sobre o mundo da publicidade e do marketing acesse: https://adnews.com.br/

Continue lendo