Conecte-se com a LIVE MARKETING

Digital

Com estratégia de marketing digital, Estrela aumenta em 10 vezes vendas no e-commerce

Publicado

em

Marca de brinquedos compensa ausência de vendas em lojas físicas com um posicionamento forte de publicidade na internet; Jogos de tabuleiro e quebra-cabeça lideram as vendas

O cenário econômico é desafiador para a indústria de brinquedos: com o isolamento social causado pela pandemia do Coronavírus, as lojas não podem funcionar e perdem a venda impulsionada pela exposição física do produto, que é sempre muito atraente para crianças e adultos. Mas, as marcas que apostam na venda online têm encontrado uma boa saída para garantir receita. É o caso da Estrela que, a partir de uma parceria com a Calina, investiu forte em publicidade online e viu suas vendas no e-commerce aumentarem 10 vezes em abril deste ano, em comparação com o mesmo mês no ano passado.

O Head de E-commerce da Estrela, Lucas Takagi, explica que a empresa já investia na venda online e tinha muita procura no e-commerce, principalmente pelos brinquedos clássicos, que marcaram gerações passadas. Mas, com o fechamento das lojas físicas, o fluxo de clientes no canal online cresceu significativamente, assim como a busca por outros produtos. “Os jogos de tabuleiro e quebra-cabeças, que eram mais vendidos no offline, estão entre os produtos mais vendidos pelo e-commerce nesta quarentena. As pessoas estão com poucas opções de lazer por causa do isolamento social, então estão voltando a se divertir em casa com os jogos”, afirma.

O movimento segue tendência nacional: de acordo com o estudo “E-commerce de produtos durante a pandemia de Covid-19”, elaborado pela Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm) e a Konduto, a categoria Brinquedos e Jogos registrou aumento de 434,70% na segunda quinzena de março, em relação à quinzena anterior. Para aproveitar esse movimento, a Estrela trabalha diversas ações online. “Colocamos todo o site em promoção e apostamos na comunicação pelas redes sociais. Nas ações de publicidade, a Calina está adequando a estratégia, a fim de alcançar esse novo consumidor do e-commerce. Os resultados são fruto de muito trabalho em conjunto”, diz.

A analista de mídias da Calina, Maiara Uliana, afirma que a revisão de estratégia de marketing digital nesse contexto de pandemia foi essencial para melhorar os resultados do e-commerce da Estrela. Ela explica que a agência apostou em uma comunicação mais empática e contextualizada, inclusive nos anúncios, que costumam ter mensagens mais padronizadas. “Como muita gente está habituada a comprar brinquedos apenas no offline, apostamos em anúncios mais direcionados, que mostram que é possível adquirir esses produtos sem sair de casa e receber em todo o Brasil”, detalha.

A estratégia também incluiu uma divulgação mais expressiva dos jogos que têm vendido mais na pandemia, além do reforço de publicidade no Google Shopping. “Quem está procurando um bom jogo de tabuleiro ou um quebra-cabeça para se distrair nessa quarentena, normalmente faz uma busca genérica no Google. Como o Google Shopping é um anúncio de grande destaque e muito prático, muitas pessoas escolhem sua opção ali mesmo. Esse é um canal que tem trazido muita receita para o e-commerce e por isso estamos de olho nele”, diz.

De acordo com a analista, a receita do e-commerce da Estrela vinda de Google Ads, em abril deste ano, aumentou 9 vezes em relação a abril do ano passado. No Facebook Ads o faturamento mais que dobrou nessa mesma base de comparação, enquanto que o custo por aquisição foi 9 vezes menor. Esses números positivos no marketing digital foram essenciais para o resultado mais expressivo na ponta, que foi o crescimento de 10 vezes nas vendas no e-commerce da Estrela.

“Vamos seguir investindo no que já está dando resultado e permanecer atentos às mudanças do cenário, que podem alterar o padrão do consumo. Apesar do momento desafiador para a indústria de brinquedos, estamos satisfeitos por ter conquistado novos clientes no ambiente online e temos certeza que muitos deles vão permanecer depois da pandemia”, destaca a analista.

Continue lendo
Clique para comentar

You must be logged in to post a comment Login

Deixe uma resposta

Digital

Digi é finalista do prêmio internacional IMA Summit Awards 2022

Publicado

em

O IMA Summit Awards 2022 anunciou os finalistas da principal premiação dos Estados Unidos no setor de marketing de incentivo e relacionamento, que avalia campanhas de agências do mundo todo. A Digi, uma das principais agências de Marketing de Incentivo e Relacionamento do país e três anos consecutivos vencedora do Circle of Excellence Awards (a premiação anual do IMA – Incentive Marketing Association), recebeu duas indicações.

Na categoria Excelência em Incentivo de Vendas, a campanha de lançamento de Coca-Cola sem Açúcar é uma das finalistas. A ação para o Halloween de Fanta entrou no shortlist da categoria Excelência em Merchandising em Programa de Incentivo.

A premiação é organizada pelo IMA (Incentive Marketing Association ou Associação de Marketing de Incentivo) desde 2015, para celebrar a excelência no setor de Incentivo, Recompensa e Reconhecimento em todo mundo.

A Digi compete com campanhas feitas para empresas como Intel, Lexus, IBM e Vodafone, por agências europeias e norte-americanas. Os vencedores do IMA Summit Awards 2022 serão conhecidos durante cerimônia de premiação em Utha, nos Estados Unidos, no dia 12 de julho.

Para a campanha de lançamento da nova Coca-Cola sem Açúcar no Brasil, a Digi criou um programa de incentivo para os times de vendas e merchandising dos produtores da marca, baseado em um novo aplicativo, similar ao Instagram. O app criado pela Digi permitia postagens de fotos e vídeos dos vendedores, os primeiros a experimentarem o novo sabor, antes mesmo dos consumidores. Foram mais de 2 mil postagens, 30 mil likes e 5 mil comentários, além de milhares de prêmios exclusivos Coca-Cola.

Já para engajar a força de vendas dos fabricantes de Fanta e garantir positivação e presença da marca em milhares de PDVs em todo Brasil, a Digi criou, em outubro de 2021, uma ação de trade marketing e ativação com o tema Halloween, que envolveu 3.500 colaboradores. Os times de merchandising “vestiram” com as cores de Fanta e a temática assustadora de Halloween as áreas de exposição de produtos, participaram com suas dancinhas no TikTok e ganharam milhares de prêmios. A campanha também recebeu mais de 5 mil fotos dos times de vendas de 470 cidades brasileiras.

“É com grande alegria e orgulho que recebemos essas duas indicações em um prêmio internacional tão importante do mercado de marketing de incentivo mundial, promovido pelo IMA, a principal associação do setor. É o quarto ano consecutivo de indicação da Digi, provando que estamos cada vez mais concentrados em desenvolver ações inovadoras e disruptivas para nossos clientes, sempre parceiros, investindo em pessoas e infraestrutura para crescer com qualidade e de maneira sustentável”, declara Pedro Bannura, presidente da Agência Digi.

Continue lendo

Digital

Orla carioca na onda das Blockchains

Publicado

em

A orla carioca vai contar com uma novidade digital: a entrada no mundo dos Fan Tokens. A Orla Rio, em parceria com a DaX, empresa de tecnologia que utiliza blockchain para gerar experiências e negócios, vai lançar, em julho, um projeto inédito e phygital (combinação do mundo digital com o físico) do primeiro quiosque no mundo financiado por fan tokens.

A iniciativa vai permitir que o público adquira tokens pela internet que renderão experiências extras e únicas no quiosque escolhido, como uma espécie de clube de benefícios exclusivos para seus sócios. O local escolhido para o piloto do projeto ainda está sendo definido pela concessionária, mas ficará nas praias de Ipanema ou Leblon e ficará pronto já para o próximo verão, garante João Marcello Barreto presidente da Orla Rio.

Continue lendo