Conecte-se com a LIVE MARKETING

Digital

Call of Duty: Vanguard: fotojornalistas usam engine para capturar imagens

Publicado

em

A franquia Call of Duty, agora conta com uma parceria inédita que pela primeira vez permitiu que fotojornalistas de guerra entrassem em Call of Duty: Vanguard para capturar imagens da guerra dentro do jogo que poderiam ser facilmente confundidas com fotos reais, como se estivessem realmente inseridos nas missões desta guerra.

Os renomados fotojornalistas de guerra de longa data, Alex Potter e Sebastiano Tomada Piccolmini tem uma grande experiência capturando imagens em zonas de conflito, incluindo diversas batalhas pelo Oriente Médio. Para o lançamento de Vanguard, baseado na Segunda Guerra Mundial, dia 5 de novembro, os dois se aventuraram na engine do jogo para uma sessão de fotos exclusiva na nos estúdios de captura da Activision. A jornada de Potter e Piccolmini também pode ser vista neste trailer, permitindo que fãs – dos games e de fotografia – vejam as reações e a experiência dos fotógrafos em tempo real.

Call of Duty: Vanguard captura a intimidade da Segunda Guerra de uma forma incrivelmente imersiva”, disse o brasileiro Fernando Machado, Chief Marketing Officer da Activision Blizzard. “Nós testamos seu realismo ao enviar Alex Potter e Sebastiano Tomada Piccolomini com portais similares á câmeras dentro da engine do jogo, que os levou de volta no tempo como se estivessem fotografando naquele período, mostrando quão real Vanguard é vista e sentida pelos fãs”.

Os incríveis gráficos e visuais de Vanguard mostrarão os mais recentes avanços tecnológicos quando o jogo for lançado mês que vem, dia 5 de novembro. Isso inclui seu uso de fotogrametria, onde locais, cenas e objetos são recriados dentro do jogo com qualidade fotorrealista.

Os fotojornalistas Alex e Sebastiano esperaram pelos momentos exatos para capturar suas imagens, da mesma forma que fazem na vida real. “Essas são situações que capturaria normalmente”, comenta Alex Potter, no vídeo. “Fiquei impressionado com a forma como tudo era cinético e envolvente”, afirmou Sebastiano Tomada Piccolmini. “Como fotógrafos, é assim que conflitos realmente se parecem”

Cópias de edição limitada destas fotos de Call of Duty: Vanguard estão disponíveis no site oficial da Bleecker Trading e em seu endereço em Nova Iorque. Toda renda das fotos será doada para a instituição Call of Duty Endowment.

“Esta colaboração especial é uma grande oportunidade de continuar a aumentar a conscientização e homenagear nossos veteranos enquanto continuamos em nossa missão de ajudá-los a encontrar empregos de alta-qualidade”, disse Dan Goldenberg, Diretor Executivo da Call of Duty Endowment.

De acordo com a Activision, a A Call of Duty Endowment financiou a colocação de mais de 90.000 veteranos em empregos de alta-qualidade desde o seu início e pretende colocar 100.000 veteranos em empregos significativos até 2024. O custo da Endowment para colocar um veterano em 2020 foi de US$ 515, proporcionando emprego a cerca de 1/9 do custo dos esforços do U.S. Department of Labor.

Para ajudar os veteranos a encontrarem trabalhos, é possível acessar o site oficial da ORG ou segui-la nas redes (Instagram e Facebook) em @CallofDutyEndowment, e no Twitter em @CODE4Vets.

Call of Duty: Vanguard é o mais recente título da franquia que já vendeu mais de 400 milhões de cópias em toda sua história. O título tem lançamento marcado para PlayStation5, PlayStation4, Xbox Series X|S, Xbox One, e PC, a partir de 5 de novembro. Lembrando, que Call of Duty: Vanguard estará disponível apenas em cópias digitais no Brasil.

Matéria publicada no portal de notícias AdNews. Se quiser mais informações sobre o mundo da publicidade e do marketing acesse: https://adnews.com.br/

Continue lendo

Digital

GOAT Digital e House Performance se unem e estimam faturamento de R$ 25 milhões em 2025

Publicado

em

A agência de marketing digital GOAT Digital, acaba de anunciar a aquisição de 30% da House Performance – aceleradora de marketing e vendas especializada nos mercados imobiliário e automotivo.

A união com a House representa um passo significativo na missão da GOAT Digital de se tornar a agência referência em marketing digital para PME no Brasil. O projeto “25em25” é um dos destaques desta nova fase. A nova operação digital estima alcançar um faturamento de R$ 25 milhões até 2025, se consolidando como a maior de todos os tempos.

Comandada pelos sócios Renato Hideki (CEO), Eric Agnello (CCO), Raphael Nunes (COO), e Victor Soares (CFO), atualmente a GOAT Digital atende cerca de 250 clientes recorrentes de diversos segmentos em todo o Brasil e, com a aquisição da House Performance, amplia seu portfólio de soluções de marketing digital para os mercados imobiliário e automotivo. O projeto “25em25”’ reforça o compromisso da agência com o crescimento sustentável e a inovação contínua, com a expectativa de crescer 80% nos próximos 12 meses.

“Estamos entusiasmados com a chegada da House Performance. Esta parceria fortalece nossa capacidade de oferecer soluções inovadoras e eficazes também para clientes de setores em que ainda não atuamos. Juntos estamos bem-posicionados para ganharmos em rentabilidade e escala e liderarmos a transformação digital em todos os mercados”, explica Renato Hideki, CEO da GOAT Digital.

A GOAT Digital e House Performance continuarão operando com suas marcas distintas, mas com sinergias fortalecidas que beneficiarão o portfólio de ambas as empresas com melhores práticas e inovações tecnológicas. Juntas, as empresas já geraram R$1 bilhão em vendas para seus clientes.

Steve Pereira, que atuava como Diretor de Produto e Estratégia na House Performance, agora assume como CEO da agência. “Estou honrado com a oportunidade de liderar a HP nesta nova fase. A integração com a GOAT Digital nos permitirá acelerar o desenvolvimento de tecnologias e soluções que impulsionarão ainda mais o sucesso de nossos clientes,” afirma Pereira.

Continue lendo

Digital

Brasil soma 1 milhão de influenciadores no Tiktok

Publicado

em

O TikTok, da empresa ByteDance, surgiu há 8 anos e já se consolidou como fonte de informação, em especial entre a “Geração Z”. Para 1 em cada 5 nascidos entre 1995 e 2010, o Tiktok é a única plataforma que utilizam para busca de informações, aponta relatório da Reuters Institute Digital News.

Para os criadores de conteúdo, a plataforma já é considerada a 2ª melhor para monetização do conteúdo, segundo pesquisa realizada pela Influency.me. A monetização se traduz no pagamento da plataforma ao influenciador pelas visualizações e alcance que seu conteúdo gerou, forma mais tradicional de lucrar com as redes sociais.

Para as marcas, o Tiktok já é considerado essencial, com 60% delas realizando ativações nessa rede social em 2023. Em 2022, esse índice era de 35%, de acordo com a Influency.me, que ouviu 350 profissionais do marketing de influência.

Levantamento realizado em abril de 2024 pela Influency.me aponta que o Tiktok já soma 1 milhão de influenciadores, consolidando-se como 2ª rede social com mais influenciadores no País. No Instagram, são 1 milhão e 200 mil produtores de conteúdo.

O TikTok é a rede social na qual os usuários passam, em média, mais tempo: 95 minutos por dia. Em seguida, aparece o YouTube, com 74 minutos, e o Instagram, com 51 minutos. Os dados são de pesquisa realizada pela Sensor Tower.

“Rede social comparativamente nova, o Tiktok já desbancou o Instagram quando o quesito avaliado é o tempo do usuário no aplicativo. Esse dado pode ser relevante para o influenciador iniciante, que ainda pode escolher qual rede focar seus esforços e onde terá mais retorno financeiro”, aponta Rodrigo Azevedo, CEO da Influency.me

Continue lendo