Conecte-se com a LIVE MARKETING

Universo Live

AMPRO assina Manifesto da Câmara Brasileira da Indústria de Eventos

Publicado

em

A AMPRO – Associação de Marketing Promocional assina, em conjunto com mais 12 entidades ligadas à indústria de Eventos e Turismo, o Manifesto da Indústria de Eventos, preparado pela Câmara Brasileira da Indústria de Eventos (CBIE). O documento, que será entregue aos interlocutores da Câmara nas três esferas governamentais, enfatiza os Eventos como uma das ferramentas estratégicas para impulsionar a recuperação e a renovação da economia brasileira pós-pandemia.

O Manifesto traz, ainda, três pleitos considerados urgentes pelo setor: o apoio governamental para a Indústria de Eventos de imediato; a promoção e o incentivo para atração de investimentos públicos e privados nos próximos anos, com destaque para diversos pontos de execução imediata; e a incorporação de tais medidas nas Políticas e Estrutura do Governo, sem estarem atreladas somente à área do Turismo.

“É necessário reverter imediatamente a situação de total abandono dos Governantes à Indústria de Eventos, como se fôssemos invisíveis, surdos e mudos. Temos sido negligenciados. Desejamos ser atendidos nas nossas reivindicações e ter a possibilidade de trabalhar com mais tranquilidade e de projetar novos negócios. É imperativo ter uma saída para não criar um fosso grande demais e o retrocesso se tornar inevitável e catastrófico. Desejamos seguir em frente e buscar as melhores saídas para o desenvolvimento, junto com os demais setores da economia brasileira”, diz um trecho do documento.

O Manifesto enfatiza que a tarefa de reiniciar as economias devastadas pelos impactos do COVID-19 precisa de ferramentas e plataformas robustas que possam promover ampla base de recuperação. Assim, apresenta pelo menos 10 justificativas de como os Eventos podem executar este papel.

O documento desmistifica também a ideia generalizada de Eventos enquanto “aglomeração de pessoas”, quando cita como eles “ocorrem em um ambiente altamente controlado com fortes medidas sanitárias e de segurança em vigor, com informações detalhadas de rastreamento de contatos disponíveis”. Complementa ainda, que, “devido à natureza altamente estruturada dos Eventos de Negócios e instalações (equipamentos), essas atividades representam uma forma muito mais segura de reunir pessoas, comparadas a outras formas de reuniões públicas”.

O Live Marketing é um dos setores que mais movimenta a economia brasileira. Somente a indústria de Eventos impacta mais de 50 setores da economia e movimenta, anualmente, no país, mais de R$ 930 bilhões, o que representa quase 13% do PIB – índice maior que o das indústrias automobilística, farmacêutica e a petrolífera -, com a geração de 25 milhões de empregos diretos e indiretos. O Brasil organiza e recebe cerca de 590 mil eventos anuais e a paralisação do setor já causou prejuízos estimados em mais de R$ 200 bilhões.

“O manifesto reflete fielmente a posição da AMPRO. Está na hora dos Eventos serem percebidos como atividade estratégica para movimentar a economia e gerar empregos”, afirma o presidente executivo da AMPRO, Alexis Pagliarini.

Junto com a AMPRO, assinam o Manifesto da CBIE: ABEOC Brasil – Associação Brasileira das Empresas de Eventos, Abeform – Associação Brasileira das Empresas de Formatura, Abrace – Associação Brasileira das Empresas de Cenografia e Estandes; Abrafesta – Associação Brasileira de Eventos; Abrape – Associação Brasileira dos Promotores de Eventos; Academia Brasileira de Eventos e Turismo; Alagev – Associação Latino Americana de Gestores de Eventos e Viagens Corporativas; Apresenta – Associação dos Promotores de Eventos do Setor de Entretenimento e Afins; Eventpool – Associação de Agências de Turismo Operadoras de Eventos. IFEA – International Festival & Events Association; Unedestinos – União Nacional das Entidades de Destinos e Skal Internacional Brasil.

A Câmara Brasileira da Indústria de Eventos é uma instância de discussão e articulação estratégica de caráter permanente que tem por finalidade o reconhecimento e o fortalecimento econômico, social e político da cadeia de valor da indústria de Eventos junto aos mercados, à sociedade civil e às esferas governamentais.

A Associação de Marketing Promocional representa agências, empresas e profissionais ligados ao mercado do Live Marketing em todo o Brasil. É a única que desenvolve nacionalmente a teoria e a prática do setor de forma ampla. Com sede em São Paulo, completa 27 anos em 2020 e possui cerca de 300 empresas associadas, com representação abrangente em todo o território nacional. www.ampro.com.br

Continue lendo
Clique para comentar

You must be logged in to post a comment Login

Deixe uma resposta

Universo Live

Ampro divulga estudo sobre os impactos do PERSE

Publicado

em

A Ampro, Associação de Marketing Promocional, publica os resultados da pesquisa que realizou com associados e não-associados sobre os impactos do PERSE, Programa Emergencial de Retomada do Setor de Eventos, entre os dias de 28/2 a 6/3.

Esta é mais uma das ações, que a associação realizou em prol da manutenção do PERSE e objetiva comprovar, com números, o quanto o benefício ajudou e vem ajudando os setores de entretenimento, eventos, hotelaria e turismo.

Os dados comprovam a importância do benefício fiscal, já que ainda é utilizado por mais de 97% dos respondentes. E, reitera o peso que as restrições advindas da pandemia de COVID-19 tiveram no setor de eventos, já que para mais de 85% dos participantes esse período representou uma redução no volume de infra-estrutura e gastos operacionais, para 58% resultou em redução de faturamento e, para 70% fez com que o número de demissões aumentasse.

Somado a isso, 88% dos respondentes afirmaram que o PERSE foi importante para que seu negócio não fechasse as portas, e para 85% a redução de custo gerada pelo benefício foi muito determinante para a definição de estratégia de seu negócio. Além disso, apenas 20% dos respondentes afirmaram não ter que demitir caso o benefício fiscal fosse revogado, em oposição aos 70% que afirmaram que o término prematuro do programa geraria prejuízos para suas empresas.

“Não é novidade que o setor que agrega empresas de live marketing  tenha sido profundamente impactado pela pandemia, e ainda esteja em processo de recuperação. Era essencial estarmos munidos de dados para evidenciar o impacto gerado no segmento de live marketing, a fim de permitir que o mercado compreendesse plenamente as consequências da ausência do Programa Emergencial de Retomada do Setor de Eventos (PERSE)”, afirma Heloísa Santana, Presidente da Ampro.

A entidade ainda realizará, no dia 27 de março, um webinar exclusivo para seus associados, com o objetivo de informar sobre o andamento das negociações em torno do tema do PERSE.

Continue lendo

Universo Live

Sem Parar promove ação com cronômetro ambulante

Publicado

em

2024 mal tinha começado e muita gente já brincava nas redes sociais com as poucas oportunidades de feriados nacionais para dar aquela esticada no descanso. E como esta sexta-feira (29) será o penúltimo feriado nacional prolongado do ano, o Sem Parar, ecossistema de mobilidade com foco em veículos, vai colocar um caminhão personalizado com um cronômetro percorrendo as principais ruas e avenidas de São Paulo e Rio de Janeiro para lembrar as pessoas que ainda dá tempo de se programar para curtir uma viagem no feriado.

Com a frase “Não é o último chocolate do pacote, mas é o penúltimo. Nesse feriado, vá sem parar” estampada e um relógio em contagem regressiva para a Páscoa, a ação da marca irá percorrer mais de 300 quilômetros nas duas capitais, passando por pontos como avenidas Paulista e Faria Lima, em São Paulo, e avenidas Vieira Solto e Atlântica, no Rio de Janeiro.

Complementando a estratégia com conteúdo gerado por usuários (UGC), a ação também irá presentear com vouchers de R$ 30 clientes que registrarem o caminhão, em foto ou vídeo, e postarem em suas redes sociais marcando o perfil do Sem Parar no Instagram (@sempararoficial).

“Feriado prolongado lembra viagem e viagem é um tema muito proprietário da marca Sem Parar, já que a gente ajuda as pessoas a curtirem a vida sem se preocupar com as filas. Fazia todo o sentido entrar nessa trend das redes que faz piada com os poucos feriados do ano e ajudar na contagem regressiva de quem já está ansioso para o recesso de Páscoa”, explica Catharina Donato, gerente de marketing do Sem Parar. “Nossa intenção com essa estratégia foi conectar mobilidade e viagem de forma descontraída, em um cenário que extrapola o digital e propõe uma interação mais ativa entre os clientes e o Sem Parar”, completa.

Continue lendo