Conecte-se com a LIVE MARKETING

Empresa

Pesquisa da RD Station aponta que 73% dos profissionais de marketing destacam a inteligência artificial como principal tendência para ter mais produtividade

Publicado

em

A RD Station, que atua em soluções de tecnologia para marketing digital e vendas no Brasil, em parceria com a TOTVS, Exact Sales, Lexos e TALLOS, lança a primeira edição do Panorama de Marketing, maior pesquisa do setor no Brasil. O levantamento, que ouviu mais 1.6 mil profissionais que atuam na área em empresas dos mais diversos portes e segmentos, analisa o cenário nacional sob diferentes aspectos. Entre os mais diversos insights, há destaque para a rápida representatividade e popularização da Inteligência Artificial (IA) nas operações de Marketing, eleita como estratégia mais relevante para gerar mais produtividade nos próximos anos (73%).

“O Panorama de Marketing 2023 traz uma profunda compreensão das tendências e dinâmicas atuais do mercado nacional, fornecendo insights valiosos para as estratégias futuras das empresas, e analisa diversos aspectos do dia a dia dos profissionais, como inteligência artificial, metas de marketing, integração com área de vendas, WhatsApp e conversacional, análise de dados, redes sociais e ferramentas, dentre outros. Nesta primeira edição, a inteligência artificial ganhou destaque nas operações de marketing, principalmente com a alta aderência de uso do ChatGPT, que 59% dos profissionais afirmaram já usar em suas rotinas”, diz Bernardo Brandão, CMO da RD Station.

Quando questionados sobre os desafios do setor em 2023, gerar demanda para vendas ainda é o maior (34%). Os dados mostram ainda que 51% dos profissionais de marketing são responsáveis também por metas de Vendas e que, em 2022, 75% das empresas não bateram suas metas de marketing. “No início do ano, realizamos a pesquisa Panorama de Vendas que trouxe resultados muito semelhantes, como que 71% das empresas não bateram suas metas no mesmo período. Ao ouvir os times na pesquisa Panorama de Marketing, vemos que há um desalinhamento e que não há processos bem definidos com times comerciais, em que apenas 18% dos respondentes dizem que há uma integração satisfatória entre os times de Marketing e Vendas, Por isso, a aproximação dessas duas áreas estratégicas devem ser conectadas e complementares, sendo vital para o crescimento dos negócios”, aponta Robinson Friede, Diretor de Geração de Demanda e Growth Marketing da RD Station.

Mesmo diante do cenário desafiador, os times de marketing estão muito focados em melhorar as vendas: 76% dos respondentes estão com expectativa em atingir crescimento em 2023 e 41% das empresas almejam ultrapassar esse patamar com o mesmo investimento feito no último ano. Como estratégia, 45% das empresas priorizam Inbound Marketing, que permite elevar a qualidade dos relacionamentos e aumentar a presença digital das marcas.

Quando se trata de canal, WhatsApp é o destaque, pois além da utilização para divulgação de produtos e serviços, tem como  maior poder de utilização as ações de vendas: 72% das pessoas respondentes usam no atendimento comercial e no fechamento de vendas e 55% no pós-venda. Enquanto na frente de marcas, a imensa maioria (85%) utiliza as redes sociais para criar estratégias mais personalizadas em canais como o Tik Tok e Instagram.

Continue lendo

Empresa

Chilli Beans celebra a influência de Michael Jackson na moda em novo lançamento

Publicado

em

A Chilli Beans, maior rede especializada em óculos de sol da América Latina, lança a coleção inspirada em um dos ícones culturais mais importantes e influentes de todos os tempos, além de um dos maiores artistas da história da música: Michael Jackson. Fãs e admiradores do Rei do Pop poderão adquirir modelos exclusivos de óculos de sol, óculos de prescrição e relógios, inspirados pelo estilo único e icônico do superstar.

Com produtos que apresentam elementos e referências ao estilo do astro, a coleção Michael Jackson by Chilli Beans é uma homenagem ao legado icônico do maior entertainer do mundo. Cada peça foi cuidadosamente projetada para transmitir a energia, ousadia e originalidade que Michael incorporava em sua maneira de se vestir. A marca o reverencia com modelos que apresentam cores no espírito vibrante do artista e incorporam elementos característicos de seu estilo, como cristais – que eram essenciais em seus casacos e outras peças de roupa -, zíperes e outros adereços metálicos.

“Música e moda são dois pilares muito importantes para a Chilli Beans. Desde o início, sempre buscamos criar produtos que transmitissem energia, estilo e atitude. Com a coleção Michael Jackson, queremos levar essa paixão pelo pop internacional e sua influência como um dos maiores ícones para todo o público. Nossos consumidores podem esperar óculos cheios de referências e detalhes incríveis que farão a diferença”, diz Caito Maia, fundador da Chilli Beans.

Continue lendo

Empresa

Jornalistas se unem para criar consultoria focada na creator economy

Publicado

em

Chega ao mercado um novo formato de consultoria, totalmente voltado para a chamada Creator Economy. A iniciativa é fruto da experiência de mais de 10 anos dos jornalistas Daniel Lopes e Paula Grinover, que se uniram para criar a Creator Economy House, especializada em ajudar marcas, criadores, plataformas, agências e o mundo corporativo a navegarem na economia criativa, a empresa combina estratégias tradicionais e digitais para o desenvolvimento de audiências, novos negócios e reputação.

“A ideia para a criação da nova empresa surgiu naturalmente a partir das demandas do mercado, quando criadores e marcas nos procuravam para resolver questões específicas dentro de suas realidades”, explica Daniel Lopes, que atualmente lidera projetos de social branding e creative PR.

Com apenas três meses, a empresa já fechou contratos com clientes como a plataforma de design Canva; Oppo, uma das principais fabricantes de celulares do mundo; a grife de moda Reserva; a Nappô, marca da criadora e empresária Bia Napolitano; e grandes criadores como Brian Baldrati (@isthisreal), Gue Oliveira (@gueoliveira) e Razões Para Acreditar (@razoesparaacreditar), entre outros.

“Nosso objetivo é atender quem precisa atuar neste mercado e enfrenta obstáculos dos mais variados, desde a estratégia de conteúdo em redes sociais, passando pelo reposicionamento de marca para vender melhor nesse ambiente, até grandes empresas que necessitam de projetos estruturados e bem gerenciados, envolvendo criadores de conteúdo, publicidade e estratégias de imagem e reputação”, afirma Paula Grinover, sócia da Creator Economy House.

Continue lendo