Conecte-se com a LIVE MARKETING

Empresa

Itaú Unibanco reforça seu posicionamento em nova campanha para alertar sobre golpes e fraudes

Publicado

em

As medidas de distanciamento social necessárias para conter a pandemia do novo coronavírus levaram a um aumento das transações digitais – e consequentemente, um crescimento no número de tentativas de fraudes e golpes em todo o mercado brasileiro. Para alertar as pessoas em um momento em que os fraudadores se aproveitam de sua vulnerabilidade, o Itaú Unibanco lança uma nova campanha para abordar de forma mais direta e clara os perigos existentes. Desenvolvida pela agência DPZ&T, as peças usam uma linguagem incisiva, curta e direta ao ponto para amplificar a conscientização e a importância da segurança bancária, assim como a prevenção contra fraudes.


Para abordar o tipo de comportamento que as pessoas devem assumir em diferentes cenários, as peças trazem mensagens curtas e dispostas em imagens divididas entre “Nunca” e “Sempre”. A ideia é evitar dar margem a interpretações, deixando claro o que nunca se deve fazer e o que sempre precisa ser feito para ajudar os clientes a reconhecerem momentos em que estejam sendo vítimas. Além da dicotomia do “Nunca x Sempre”, as cores das peças compõem a abordagem minimalista, em branco e laranja.
A campanha da DPZ&T se junta a esse movimento em uma frente mais ampla, com uma mudança de linguagem que visa fixar a mensagem e auxiliar os clientes a discernirem as informações e se protegerem.

Levando em conta que grande parte das fraudes não passam por técnicas de hacking ou cracking, mas por meio de manipulação psicológica ou mesmo presencial dos criminosos em relação às vítimas, a campanha alerta para os exemplos mais comuns: visitas de portadores para retirada de cartão, pessoas que entram em contato se passando por gerente de conta, pedidos de senha, códigos de segurança e dados pessoais durante ligações ou em troca de mensagens e também a troca do cartão, dentro ou fora da agência.


“Sempre tivemos um foco grande em levar informações aos nossos clientes, processo que precisa ser contínuo porque sempre surgem novos tipos de abordagens fraudulentas. Trata-se de um cenário em constante mudança e isso aconteceu de forma mais acentuada com o isolamento social: o setor bancário sofreu aumento de 44% nas tentativas de phishing durante a quarentena, em comparação ao período imediatamente anterior”, explica Richard Bento, Superintendente de Segurança Corporativa no Itaú Unibanco. “Por isso, somente durante este período realizamos mais de 100 ações de conscientização para ajudar clientes a se precaverem. Essas ações incluem envios de SMS com alertas, desenvolvimento de peças para redes sociais, vídeos com orientações e entrevistas de nossos especialistas de cibersegurança para a imprensa. Agora demos mais um passo com esta campanha, reforçando as nossas mensagens de forma ainda mais assertiva”, completa o executivo.


No ambiente digital – incluindo redes sociais – a campanha aborda o phishing e os golpes do falso motoboy e do cartão não presente, que acontece com compras não reconhecidas no cartão de crédito. Além das modalidades anteriores, também serão abordados o golpe falso funcionário, o golpe do extravio de cartão e o golpe da troca de cartão na comunicação dirigida, canais digitais e canais proprietários do banco. Para entender como se precaver e como cada golpe acontece, o Itaú disponibiliza todas as informações no site: http://www.itau.com.br/seguranca

Continue lendo
Clique para comentar

You must be logged in to post a comment Login

Deixe uma resposta

Empresa

A Moça da Nestlé ganha vida em versão humanizada

Publicado

em

A Moça, que já faz parte da vida dos brasileiros há mais de um século, estampando as latas de Leite Moça e sendo grande aliada na criação dos doces momentos, agora vai interagir com o mundo real. A Nestlé acaba de lançar a versão humanizada da personagem que chega com o propósito de se conectar ainda mais com o público em todo ecossistema da marca, ajudando os consumidores no repertório culinário e reforçando a importância da relação da marca principalmente com as mulheres, sendo também uma embaixadora do empreendedorismo doce.

Mais do que uma nova forma de aproximação com o consumidor, a humanização da Moça faz parte de uma estratégia mais ampla. “Dar vida a Moça tem como objetivo evoluir a conexão com os consumidores, que inclusive deram o seu nome, sendo uma parceira no dia a dia, trazendo soluções e inspiração. Afinal são 100 anos de história, aprendendo junto com as mulheres brasileiras”,comenta Keila Broedel, executiva de marketing de culinários na Nestlé.

A Moça evoluiu com o passar dos anos e ganhou múltiplas versões desde seu lançamento em 1921 e agora o público poderá conhecer mais sobre a história, a personalidade e os valores da moça mais doce do Brasil, que faz as sobremesas darem certo. Com a humanização, a Moça vai se empoderar das suas mídias sociais para se aproximar do público e ser a porta voz digital da marca.

Para o seu desenvolvimento, a Nestlé escolheu como parceira a Vetor Zero, empresa com mais de 35 anos de experiência em animação 3D, que transformou a figura da marca, na personagem moderna de estética ultrarrealista com figurino contemporâneo, e ainda inspirado no original, utilizando para criação e modelagem da personagem a ferramenta MetaHumans, que permite a criação e personalização de modelos humanos hiper-realistas a partir de uma biblioteca de assets. Além de fazer uso da animação, com a captura de movimentos corporais e faciais de uma mulher real para trazer ainda mais realismo ao filme.

Continue lendo

Empresa

Agosto inclusivo na Vivenda do Camarão

Publicado

em

Até 31 de agosto, Vivenda do Camarão, a maior rede de restaurantes especializada em frutos do mar do Brasil, apoia a instituição Amigos do Bem, dando continuidade a uma parceria que foi iniciada em 2019, com o objetivo de ajudar a transformar as vidas de pessoas em vulnerabilidade social no sertão nordestino.

“A causa integra nossa estratégia e cultura da marca, pois entendemos a importância dessa ação de responsabilidade social”, observa Diego Perri, sócio-diretor da Vivenda do Camarão.

Para participar da ação basta comprar a TAG personalizada “Camarão Camarada do Bem” pelo valor unitário de R$ 2,00, em uma das lojas Vivenda do Camarão em território nacional. Inclusive, o nome do cliente será escrito na TAG que será fixada em um cantinho estratégico por um atendente, em cada loja, configurando um mural pelo bem social.

O valor líquido arrecado ao longo da ação será revertido para Amigos do Bem.

Continue lendo