Conecte-se com a LIVE MARKETING

Empresa

Change.org agora é propriedade da Change.org Fundation

Publicado

em

Change.org agora é propriedade da Change.org Fundation

Change.org, plataforma de abaixo-assinados, anunciou oficialmente que passa por uma transição para tornar-se 100% de propriedade sem fins lucrativos da Change.org Foundation. A mudança é consequência de doações recebidas por mais de 50 investidores, liderados por Reid Hoffman e incluindo Bill Gates, Arianna Huffington, Ashton Kutcher, Sir Richard Branson, Ray Dalio, Evan Williams, Jerry Yang e Sam Altman.

A nova estrutura de propriedade e governança sem fins lucrativos estabelece a independência permanente da plataforma, bem como sua responsabilidade legal com a missão de capacitar e empoderar as pessoas em todos os lugares para criarem a mudança que desejam ver na sociedade.

“Na última década, mais de 450 milhões de pessoas passaram a confiar na Change.org como uma plataforma para levantar sua voz sobre as questões que lhes interessam. À medida que os serviços digitais se tornam mais integrados à vida das pessoas, eles estão se tornando os novos serviços públicos essenciais. E é por causa desse poder cada vez maior que trabalhamos para garantir que a Change.org continue comprometida e alinhada com o interesse público à medida que aumentamos”, disseram em nota Ben Rattray, fundador, Nick Allardice, CEO, e Preethi Herman, diretora-executiva global da organização.

A transição anunciada garante a gestão de longo prazo da Change.org como um serviço público digital comprometido com o interesse público. Com essa nova estrutura, a organização também se posiciona para uma próxima fase de crescimento: partindo de uma empresa com um único produto focada em petições para uma plataforma de infraestrutura cívica, que capacita pessoas em todos os lugares do mundo a usarem sua voz, recursos e tempo para construir sociedades democráticas mais saudáveis, participativas e responsivas.

Nos últimos anos, a Change.org passou por uma “explosão” de crescimento. Atualmente, a plataforma é utilizada em 196 países. Em algumas nações, o uso é próximo ao número total de eleitores. A cada mês, mais de 70.000 campanhas são lançadas.

 

Brasil

No Brasil desde 2012, a Change.org é utilizada por mais de 34 milhões de pessoas. O país é o segundo com a maior quantidade de usuários do planeta. Ao longo dessa trajetória de nove anos, a organização acumula mais de 1.000 campanhas com finais felizes, provando que a união de vozes e o ativismo digital alcançam conquistas que impactam vidas e a sociedade.

Somente no Brasil, a Change.org registra 70 mil petições já criadas por cidadãos comuns, coletivos ou organizações, com uma média de 26 milhões de assinaturas a cada ano. Na pandemia, a plataforma teve aumento de 160% de engajamento popular em campanhas.

No país, a Change.org já era uma organização sem fins lucrativos, que se sustenta unicamente por meio de doações. Para garantir completa independência, não aceita recursos de partidos políticos, publicidade ou empresas. Além disso, 100% das doações são usadas pela Fundação Change.org para apoiar movimentos liderados por cidadãos, sendo revertidas em ações de impacto para os abaixo-assinados e manutenção da plataforma e sua equipe.

Continue lendo

Empresa

Coca-Cola lança no Brasil a plataforma Coca-Cola Food Fest, combinando gastronomia e música

Publicado

em

A Coca-Cola acaba de lançar o Coca-Cola Food Fests, que são festivais que integram gastronomia e música, celebrando a conexão entre pessoas em momentos especiais. O Brasil é um lugar no mundo onde a comida carrega um significado especial e a nova plataforma da marca chega como uma forma de celebrar esse lado da cultura nacional e não há ocasião melhor para dar início a essa comemoração do que as festividades de São João.

O São João escolhido para o lançamento do Coca-Cola Food Fest será o da Bahia, exaltando o melhor da culinária regional, música ao vivo e experiências interativas. As cidades Cruz das Almas e Santo Antônio de Jesus receberão ativações especiais de Coca-Cola em seus festivais, e Santo Antônio de Jesus foi escolhida para receber a novidade da marca entre os dias 20 e 24 de junho, como uma forma da Coca-Cola celebrar e valorizar esse pedacinho da cultura nacional e gerar, também, visibilidade em um evento icônico no Brasil.

Com mais de 500 mil pessoas passando pelas cidades durante os festejos de São João, Cruz das Almas e Santo Antônio de Jesus se consolidaram como destinos procurados nesse período do ano. O Coca-Cola Food Fest chega ao Santo Antônio de Jesus misturando a magia da Coca-Cola com a culinária junina, unindo o tradicional e experiências únicas em um só lugar. A área conta com mais de 130 barraquinhas de comidas típicas do São João. A ideia principal da marca nesse espaço é servir mais que comida, proporcionando momentos especiais para todo o público que passar por lá. Além disso, a campanha reforça a importância da gastronomia local, destacando as delícias da culinária regional e celebrando a rica cultura de São João, criando um vínculo emocional profundo com os visitantes.

“A nova plataforma Coca-Cola Food Fests chega ao Brasil em um momento histórico, que é o São João no Brasil. Este lançamento reflete o compromisso da Coca-Cola em valorizar as tradições locais e proporcionar experiências únicas. O São João é uma festa rica em cultura e tradição, e queremos que todos sintam a magia desse momento ao mesmo tempo em que apresentamos essa novidade em todo mundo. É um privilégio poder unir a culinária junina, a música e momentos especiais em um só lugar, conectando pessoas e celebrando o que há de melhor no Brasil”, destaca Ted Ketterer, head de marketing da Coca-Cola Brasil.

Continue lendo

Empresa

Universal Studios impulsiona o mercado imobiliário na Flórida com novo parque

Publicado

em

A Flórida, conhecida como o “Sunshine State”, está prestes a receber um novo atrativo de peso: a Universal Studios está investindo US$ 1 bilhão na construção do Epic Universe, um novo parque temático, impulsionando a economia local e gerando oportunidades promissoras para o setor imobiliário na região. A empolgação tem seus motivos – entre eles, o fato de que o novo parque será sete vezes maior que o Magic Kingdom, da Disney.

O Epic será o terceiro parque da Universal na Flórida e trará diversas atrações inovadoras, prometendo se tornar um destino turístico imperdível para famílias e visitantes de todas as idades. A construção do parque foi anunciada em 2019, mas por conta da pandemia, teve de ser paralisada. Os trabalhos foram retomados em 2021 e a inauguração está programada para 2025.

Leandro Sobrinho é especialista em investimentos imobiliários na Flórida e sócio da Davila Finance. A empresa, com sede no estado americano, atua em gestão e investimentos e desenvolvimento de novos projetos para imóveis.

Ele destaca o potencial positivo que o novo parque trará para o mercado imobiliário da região. “A construção do parque da Universal Studios é um marco histórico para a Flórida e representa um grande impulso para a economia local. A expectativa é que a demanda por imóveis na região aumente significativamente, especialmente em áreas próximas ao novo parque temático”, comemora.

Não é para menos: a proporção verdadeiramente épica da empreitada se traduz no tamanho do terreno, com 3 milhões de metros quadrados. É o suficiente para abrigar quatro áreas temáticas, incluindo os universos de Harry Potter, Super Nintendo World e Como Treinar Seu Dragão.

Carlos Malagoni, um dos sócios-fundadores da Davila Finance, concorda que faz sentido o investimento pesado no estado. “A Flórida já é um mercado robusto, e este novo desenvolvimento promete impulsionar ainda mais a valorização dos imóveis na região. Com nossa vasta experiência em gerenciamento de diferentes classes de ativos, estamos preparados para ajudar nossos clientes a capitalizar essas oportunidades e obter retornos substanciais”, aponta.

Continue lendo