Conecte-se com a LIVE MARKETING

Empresa

Bis convida público para brincadeira

Publicado

em

 A marca Bis, da Mondelēz Brasil, acaba de anunciar mais uma campanha icônica. Dessa vez, Bis aceitou o desafio e irá solucionar a premissa de que “é impossível comer um só”, já bastante popular entre os consumidores. A ação, criada pela agência DAVID, reforça o posicionamento #AssumaoDescontrole, tão vivenciado por todos os fãs da marca, e apresenta o irresistível, porém fictício, wafer com cobertura sabor chocolate em versão que ocuparia toda a embalagem, chamado de “Bis para comer um só”.

Vale lembrar que em 2020 a marca resolveu brincar com o favoritismo do público pelo produto e anunciou o lançamento de seu próprio concorrente, o Tris, com o slogan “Já que ninguém conseguiu, a gente mesmo vai fazer”. Nas redes sociais a galera entrou na brincadeira e durante um único fim de semana a campanha impactou em torno de 38 milhões de usuários por todo Brasil.

Ainda nessa pegada, no ano de 2021, a campanha “BIS+18” foi anunciada com um conceito criativo que alertava a irresistibilidade do produto, alegando que seria impossível ter maturidade de se controlar. A marca, então, elaborou um pedido oficial para que o wafer fosse consumido apenas por pessoas maiores de 18 anos. Até uma petição online foi disponibilizada, além de um termo de autorização para que os pais e responsáveis permitissem que seus filhos continuassem devorando o produto, paixão de todas as idades.

“Já são mais de 80 anos de história, sendo uma marca relevante, atual e fortemente conectada com os nossos consumidores, que já estão acostumados com as nossas brincadeirinhas, especialmente nas redes sociais. Além disso, sabemos que irresistibilidade já é sinônimo de BIS. Com tudo isso, é impossível não sentir confiança para convidá-los a se divertir e se descontrolar com a gente e imaginar um mundo em que é possível driblar o #descontrole, abrir a caixinha e comer um único BIS. O engraçado é que todos nós sabemos que isso só seria possível no mundo da imaginação mesmo. Nosso wafer é irresistível”, comenta Fabíola Menezes, diretora sênior de marketing de chocolates da Mondelez.

Continue lendo

Empresa

Chilli Beans celebra a influência de Michael Jackson na moda em novo lançamento

Publicado

em

A Chilli Beans, maior rede especializada em óculos de sol da América Latina, lança a coleção inspirada em um dos ícones culturais mais importantes e influentes de todos os tempos, além de um dos maiores artistas da história da música: Michael Jackson. Fãs e admiradores do Rei do Pop poderão adquirir modelos exclusivos de óculos de sol, óculos de prescrição e relógios, inspirados pelo estilo único e icônico do superstar.

Com produtos que apresentam elementos e referências ao estilo do astro, a coleção Michael Jackson by Chilli Beans é uma homenagem ao legado icônico do maior entertainer do mundo. Cada peça foi cuidadosamente projetada para transmitir a energia, ousadia e originalidade que Michael incorporava em sua maneira de se vestir. A marca o reverencia com modelos que apresentam cores no espírito vibrante do artista e incorporam elementos característicos de seu estilo, como cristais – que eram essenciais em seus casacos e outras peças de roupa -, zíperes e outros adereços metálicos.

“Música e moda são dois pilares muito importantes para a Chilli Beans. Desde o início, sempre buscamos criar produtos que transmitissem energia, estilo e atitude. Com a coleção Michael Jackson, queremos levar essa paixão pelo pop internacional e sua influência como um dos maiores ícones para todo o público. Nossos consumidores podem esperar óculos cheios de referências e detalhes incríveis que farão a diferença”, diz Caito Maia, fundador da Chilli Beans.

Continue lendo

Empresa

Jornalistas se unem para criar consultoria focada na creator economy

Publicado

em

Chega ao mercado um novo formato de consultoria, totalmente voltado para a chamada Creator Economy. A iniciativa é fruto da experiência de mais de 10 anos dos jornalistas Daniel Lopes e Paula Grinover, que se uniram para criar a Creator Economy House, especializada em ajudar marcas, criadores, plataformas, agências e o mundo corporativo a navegarem na economia criativa, a empresa combina estratégias tradicionais e digitais para o desenvolvimento de audiências, novos negócios e reputação.

“A ideia para a criação da nova empresa surgiu naturalmente a partir das demandas do mercado, quando criadores e marcas nos procuravam para resolver questões específicas dentro de suas realidades”, explica Daniel Lopes, que atualmente lidera projetos de social branding e creative PR.

Com apenas três meses, a empresa já fechou contratos com clientes como a plataforma de design Canva; Oppo, uma das principais fabricantes de celulares do mundo; a grife de moda Reserva; a Nappô, marca da criadora e empresária Bia Napolitano; e grandes criadores como Brian Baldrati (@isthisreal), Gue Oliveira (@gueoliveira) e Razões Para Acreditar (@razoesparaacreditar), entre outros.

“Nosso objetivo é atender quem precisa atuar neste mercado e enfrenta obstáculos dos mais variados, desde a estratégia de conteúdo em redes sociais, passando pelo reposicionamento de marca para vender melhor nesse ambiente, até grandes empresas que necessitam de projetos estruturados e bem gerenciados, envolvendo criadores de conteúdo, publicidade e estratégias de imagem e reputação”, afirma Paula Grinover, sócia da Creator Economy House.

Continue lendo