Conecte-se com a LIVE MARKETING

Gente

Bem Brasil anuncia novo presidente

Publicado

em

A Bem Brasil Alimentos inicia 2021 com um novo presidente: Dênio de Oliveira, que ocupava o cargo de diretor administrativo-financeiro desde 2019, acaba de assumir o comando. Ele é o primeiro sucessor do fundador da companhia, João Emílio Rocheto, que passa a atuar no Conselho de Acionistas, juntamente aos demais sócios e membros. Terá como desafio, entre outros, liderar o processo de expansão da empresa, já em curso, com vistas a dobrar a produção atual de batatas pré-fritas congeladas e ampliar a liderança em vendas da indústria mineira no mercado interno.

O processo de transição da Bem Brasil vem sendo estruturado desde 2019, quando se tornou uma S.A. e passou a enfatizar a implementação de ações e práticas de Compliance, transparência e equidade na tomada de decisões. Agora amplia esse movimento de profissionalização da gestão, com a escolha de um CEO do mercado, com vasta experiência e conhecimento da companhia. “Dênio foi eleito pelo Conselho por sua competência e por um trabalho de excelência já desenvolvido, especialmente em 2020, um ano tão desafiador. Terá todas as possibilidades para acelerar a expertise do negócio, no que se refere à cultura e jeito de ser Bem Brasil, envolvendo o planejamento estratégico e a atuação em toda a cadeia de valor, para garantir o nosso legado”, argumenta João Emílio Rocheto.

Recém-nomeado, Oliveira agradece a confiança do Conselho e reforça o compromisso com o crescimento sustentável da empresa. “Assumo essa missão com muito orgulho e responsabilidade. Seguiremos firme na meta de transformar a Bem Brasil em uma das maiores companhias do setor de alimentos do país, mantendo os valores que a fizeram chegar, com sucesso, até aqui. Para isso, temos estrutura e uma equipe competente e dedicada, além de ousadia e pioneirismo, características naturais da família Rocheto”, afirma o novo presidente.

O executivo é bacharel em Ciências Econômicas e Ciências Contábeis, pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC Minas), e concluiu o MBA em Controladoria e Finanças na Fundação Getúlio Vargas (FGV/RJ). Ele possui mais de 30 anos de experiência profissional em diferentes segmentos, desempenhando funções nas áreas de Contabilidade, Controladoria, Finanças, Administrativa, entre outras. Dênio de Oliveira tem 57 anos.

Continue lendo
Clique para comentar

You must be logged in to post a comment Login

Deixe uma resposta

Gente

V4 Company tem nova head de marketing

Publicado

em

A V4 Company,  rede de assessoria de marketing digital, anuncia a chegada de Thaís Brunelli como sua nova head de Marketing. Com formação em Administração e Contabilidade, Brunelli já passou por indústrias de eletroeletrônicos como a Monter, antes de fundar a agência de marketing NewIE.

Atuou por três anos como diretora de operações, atendendo grandes contas como ActionCoach, Wizard, Melissa, Labellamafia, entre outras totalizando mais de 5 milhões em investimento de mídia.

Desde 2018, a profissional é sócia-franqueada da V4 Company, em Itatiba, município do interior de São Paulo. Agora, passa a integrar a equipe na matriz da empresa, em São Leopoldo, no Rio Grande do Sul.

“Minha principal missão como head de marketing da V4 Company é trazer o background desde a operação, até a experiência que tive como franqueada da V4. Esse trabalho envolve o foco em nosso growth, com novas estratégias de mercado e qualificação de demanda nos três principais produtos da empresa: assessoria, assessor e franquia”, declara Thaís.

A V4 Company atende atualmente cerca de 2,6 mil PMEs. A rede conta com mais de 1.600 pessoas em 200 escritórios espalhados pelo país.
Continue lendo

Gente

Disney elege mulher como presidente pela primeira vez

Publicado

em

Susan Arnold, que é membro do conselho da Disney há 14 anos, sucederá Bob Iger no final deste ano. Ela foi executiva da empresa de investimento global Carlyle.

Iger, que deixou o cargo de presidente-executivo da Disney em 2020 após 15 anos no cargo, deixará a empresa no final deste mês.

“Ao assumir esta nova função como presidente do conselho, espero continuar a servir aos interesses de longo prazo dos acionistas da Disney e trabalhar em estreita colaboração com o CEO Bob Chapek à medida que ele desenvolve o legado secular de excelência criativa da empresa e inovação “, disse Arnold em um comunicado.

Ela também ocupou cargos seniores em algumas das maiores empresas da América.

Nos últimos oito anos, a Sra. Arnold foi executiva do Carlyle Group, tendo, anteriormente, ocupado cargos na gigante de bens de consumo Procter and Gamble e na rede de fast food McDonald’s.

“Susan é uma executiva incrivelmente estimada, cuja riqueza de experiência, integridade inabalável e opinião especializada têm sido inestimáveis ​​para a empresa desde que ela ingressou no Conselho em 2007”, disse Iger.

Sua nomeação ocorre em um momento em que grandes empresas estão se afastando de estruturas de gestão em que as funções de presidente e executivo-chefe são desempenhadas pela mesma pessoa, após pressão de especialistas em governança corporativa, investidores e, em alguns casos, reguladores para separar os dois cargos principais.

A saída de Iger marca o fim de uma era para a Disney, que ocupa uma função sênior na empresa desde 1996.

Em seu tempo como executivo-chefe, a Disney fez várias aquisições importantes, incluindo as da Pixar, Marvel, Lucasfilm e 21st Century Fox. Em 2016, a empresa abriu seu primeiro parque temático e resort na China continental.

Vários outros executivos da Disney anunciaram planos de sair até o final deste ano, incluindo o chefe dos estúdios, Alan Horn, o presidente e diretor de criação da Disney Branded Television, Gary Marsh, e o conselheiro geral da empresa, Alan Braverman.

Texto traduzido do portal BBC News.

Continue lendo