Conecte-se com a LIVE MARKETING

Empresa

Amazon compra MGM por US$ 8,45 bilhões

Publicado

em

Amazon compra MGM por US$ 8,45 bilhões

Amazon fechou um acordo para adquirir a empresa de cinema e TV MGM por US$ 8,45 bilhões, anunciaram ambas empresas hoje. É uma aquisição significativa para a gigante do comércio eletrônico e significa que ela terá uma biblioteca de conteúdo que, segundo consta, consiste em cerca de 4.000 filmes e 17.000 horas de TV. A aquisição provavelmente ajudará a Amazon a atrair ainda mais assinantes Prime com grandes gastos, já que seu serviço Prime Video concorre com empresas como Netflix e Disney Plus.

MGM é talvez mais notável por ser o estúdio de Hollywood por trás das franquias James Bond e Rocky, mas sua biblioteca abrange uma gama de filmes clássicos como 12 Angry Men a programas de TV modernos como The Handmaid’s Tale e Vikings. A biblioteca do MGM também inclui programas de TV improvisados ​​como The Voice e Shark Tank. A Amazon afirma que a aquisição “proporcionará aos clientes maior acesso” aos trabalhos da MGM e “capacitará” o estúdio a continuar sua “ótima narrativa”.

“O valor financeiro real por trás deste acordo é o tesouro da IP no profundo catálogo que planejamos reimaginar e desenvolver junto com a talentosa equipe da MGM”, disse Mike Hopkins, vice-presidente sênior da Prime Video e Amazon Studios, em um comunicado. “É muito empolgante e oferece muitas oportunidades para contar histórias de alta qualidade.”

O negócio de mídia da Amazon até agora tem sido uma parte relativamente pequena de seu império geral, embora ainda gaste bilhões em conteúdo a cada ano. Uma parte substancial dos assinantes Prime faz uso do streaming gratuito de Vídeo Prime incluso. Dos mais de 200 milhões de pessoas em todo o mundo que atualmente assinam o Amazon Prime, mais de 175 milhões transmitiram vídeos no ano passado. Adicionar milhares de filmes e programas de TV pode ser uma bênção para ambas as figuras.

Os relatórios da possível aquisição da MGM pela Amazon surgiram pela primeira vez em meados de maio. A Variety informou que o negócio estava sendo negociado por Hopkins. O Wall Street Journal informou em 24 de maio que a Amazon estava se aproximando de um acordo para comprar a MGM.

A MGM é atualmente propriedade de um grupo de firmas de private equity, incluindo Anchorage Capital Group, Highland Capital Management e Solus Alternative Asset Management. Relatórios de que a MGM estava à venda surgiram em dezembro passado.

A venda da MGM ocorre durante um período de consolidação de Hollywood, enquanto as empresas tentam aumentar suas bibliotecas de conteúdo para competir com a Netflix e a Disney. A AT&T recentemente desmembrou seu negócio de mídia WarnerMedia para fundi-lo com a empresa de TV Discovery, criando a segunda maior empresa de mídia do mundo em receita fora da Disney. Ambas as empresas têm seus próprios serviços de streaming (HBO Max e Discovery Plus), aumentando a possibilidade de serem combinados em um único serviço mais substancial.

Texto traduzido por Nicole Sinsicalchi do The Verge escrito por Jon Porter.

 

Matéria publicada no portal de notícias AdNews. Se quiser mais informações sobre o mundo da publicidade e do marketing acesse: https://adnews.com.br/

Continue lendo

Empresa

25 anos de Tomb Raider: Um marco na história dos games

Publicado

em

Praticamente todos que cresceram nos anos 90 e 2000 conhecem Lara Croft. Com o boom dos consoles de videogame e, especialmente com a ascensão do clássico Playstation, um dos jogos mais populares foi Tomb Raider.

Este ano, a franquia completou 25 anos de trajetória, que não se limitou apenas aos jogos eletrônicos. Foram livros, filmes, cosplays e inúmeras inspirações que vieram da jovem exploradora.

Para comemorar, a Insight Editions lançou um livro em edição especial que mostra as receitas culinárias mais tradicionais dos locais onde Lara já se aventurou. Japão, México, França, Egito, Inglaterra… como deve imaginar, a lista é extensa.

Lara foi uma das primeiras figuras femininas a ganhar papel de destaque em videogames. Corajosa, exploradora e ousada, sua aparição – inspirada em Indiana Jones – foi uma porta de entrada para um universo onde garotas podem ser o que quiserem, como arqueólogas ou gamers. Seu surgimento levantou debates importantes sobre a igualdade de gênero na mídia.

No cinema, Lara apareceu primeiro em 2001 através de Angelina Jolie, que possibilitou que sua imagem fosse mais divulgada e prestigiada pelo público. Mais tarde, em 2018, uma outra versão foi lançada com base na nova geração da franquia: a Survivor, interpretada por Alicia Vikander.

Além disso, Tomb Raider foi um marco cultural porque tornou possível que as pessoas olhassem para a evolução da tecnologia e da indústria gráfica na programação.

Mesmo depois de seu primeiro lançamento em 1996, a Square Enix continua trabalhando Lara Croft para novos públicos. Quem não se lembra dos icônicos peitos triangulares da personagem nos primórdios da franquia?

Com certeza esses 25 anos não serão os únicos de Lara Croft. Isso porque sua presença não ficou restrita ao passado, mas é constantemente homenageada e renovada para a atualidade. Enquanto existir uma indústria de games, o retrato da inglesa sempre estará lá como um exemplo.

Matéria publicada no portal de notícias AdNews. Se quiser mais informações sobre o mundo da publicidade e do marketing acesse: https://adnews.com.br/

Continue lendo

Empresa

Baden Baden relança edição limitada comemorativa de Natal

Publicado

em

Presentes cervejeiros são sempre bem vindos. E para tornar este Natal ainda mais especial, a Baden Baden, uma das pioneiras na produção de cerveja artesanal no Brasil, apresenta a Baden Baden Christmas, uma edição especial e limitada que ressalta o espírito natalino.

Refrescante, levemente frisante e de aspecto visual cristalino, a Baden Baden Christmas é uma cerveja de trigo filtrada. Com sabores e aromas de cravo e banana, a bebida veio para conquistar todos os convidados da ceia.

Entre as principais características e qualidades dos rótulos que compõem o portfólio de Baden Baden, está a possibilidade de harmonização e experiências gastronômicas únicas. Essa versatilidade também pode ser notada na edição Christmas, ideal para consumir junto com peru ou tender assado, panetone e frutas secas, além de queijos macios em geral e as típicas rabanadas de sobremesa.

Continue lendo