Conecte-se com a LIVE MARKETING

Empresa

VOA, da Ambev, e ONG TODXS promovem mentoria para pessoas empreendedoras trans e travestis

Publicado

em

Dando mais um passo em seu programa de voluntariado, a Ambev firmou uma parceria com a ONG TODXS para impulsionar 10 projetos de empreendedorismo de pessoas trans e travestis. O objetivo é alavancar microempresas e, para isso, as pessoas colaboradoras da Ambev compartilham conhecimentos e técnicas de empreendedorismo e gestão, aumentando ainda mais o impacto dos negócios. Dentre as selecionadas para fazerem parte da mentoria, 50% delas são do Norte e Nordeste, sendo que 80% são pessoas não brancas.

“Tem sido ainda melhor do que eu imaginei, comecei a dar atenção e me preocupar com detalhes que estava deixando passar, mas que fazem toda diferença. O comprometimento e empenho da dupla que tem me acompanhado é incrível, eles têm me ajudado muito, tirando minhas dúvidas durante os encontros e se colocando à disposição caso eu precise de ajuda em outro momento. Estou cheio de ideias e ciente de que com tudo o que tenho aprendido os próximos passos da minha loja terão uma direção e um objetivo certo. Espero que esse programa não acabe, todes um dia precisam ter essa experiência de ter uma mentoria de um time tão comprometido”, afirma João Daniel, um dos selecionados pelo projeto e idealizador do Bibere Lori Ateliê, focado em acessórios com temática LGBTI+.

As mentorias acontecem de forma remota devido a distância entre o mentor e o mentorado. Além do acompanhamento, as organizações apoiadas têm acesso a um material rico de ensino a distância, com aulas em vídeo, apostilas e outros materiais de suporte. Os mentores da Ambev receberam um letramento da TODXS antes de começar o programa, justamente para fomentar a pauta da diversidade entre os líderes da companhia.

“Como pessoa trans me enche de orgulho fazer parte da Todxs e poder contribuir com a gestão desse projeto. Isso porque somos potências e ajudar outras pessoas trans/travestis a terem visibilidade que merecem e seus talentos valorizados através de investimento financeiro e educacional é inspirador e gratificante. Precisamos cada vez mais de iniciativas como essas, que unem o setor privado com o terceiro setor, para transformar a realidade de pessoas que ainda são marginalizadas na sociedade, no corporativo e no empreendedorismo”, afirma Gabriel Romão, gestor do projeto na TODXS.

Projetos selecionados

Os 10 projetos de pessoas trans e travestis selecionados para as mentorias são: Luiza Cruz, do Ateliê da Lu, que pretende produzir bandeiras e calcinhas direcionadas a pessoas trans e travestis; Naju Castro, do Beleza sem Rótulos, que tem como objetivo tornar cosméticos e produtos de beleza acessíveis a todas as pessoas; João Daniel, do Bibere Lori Ateliê, que produz roupas e acessórios com temática LGBTI+; Guilherme Alvez, da CacauMel, e Shirley Araújo, da Trans Delícia, que idealizaram e tocam uma confeitaria artesanal com bolos e chocolates; Bruna Rocha, da Feijoadeira, responsável por preparar e entregar deliciosas refeições em sua região; Dante Kuma, do Quintal do Kuma, que visa criar um café com espaço de bem-estar; Pietra Sousa, do O retorno à encantaria, que pretende criar um livro de contos e poesias; Nathan Formigosa, do Transburguer, que visa criar uma hamburgueria delivery; Vahnessa de Oliveira Ferreira, do Tupinambá: Turismo de Resgate, projeto de guia e fotografia turística de resgate aos povos indígenas.

Continue lendo

Empresa

Coca-Cola lança no Brasil a plataforma Coca-Cola Food Fest, combinando gastronomia e música

Publicado

em

A Coca-Cola acaba de lançar o Coca-Cola Food Fests, que são festivais que integram gastronomia e música, celebrando a conexão entre pessoas em momentos especiais. O Brasil é um lugar no mundo onde a comida carrega um significado especial e a nova plataforma da marca chega como uma forma de celebrar esse lado da cultura nacional e não há ocasião melhor para dar início a essa comemoração do que as festividades de São João.

O São João escolhido para o lançamento do Coca-Cola Food Fest será o da Bahia, exaltando o melhor da culinária regional, música ao vivo e experiências interativas. As cidades Cruz das Almas e Santo Antônio de Jesus receberão ativações especiais de Coca-Cola em seus festivais, e Santo Antônio de Jesus foi escolhida para receber a novidade da marca entre os dias 20 e 24 de junho, como uma forma da Coca-Cola celebrar e valorizar esse pedacinho da cultura nacional e gerar, também, visibilidade em um evento icônico no Brasil.

Com mais de 500 mil pessoas passando pelas cidades durante os festejos de São João, Cruz das Almas e Santo Antônio de Jesus se consolidaram como destinos procurados nesse período do ano. O Coca-Cola Food Fest chega ao Santo Antônio de Jesus misturando a magia da Coca-Cola com a culinária junina, unindo o tradicional e experiências únicas em um só lugar. A área conta com mais de 130 barraquinhas de comidas típicas do São João. A ideia principal da marca nesse espaço é servir mais que comida, proporcionando momentos especiais para todo o público que passar por lá. Além disso, a campanha reforça a importância da gastronomia local, destacando as delícias da culinária regional e celebrando a rica cultura de São João, criando um vínculo emocional profundo com os visitantes.

“A nova plataforma Coca-Cola Food Fests chega ao Brasil em um momento histórico, que é o São João no Brasil. Este lançamento reflete o compromisso da Coca-Cola em valorizar as tradições locais e proporcionar experiências únicas. O São João é uma festa rica em cultura e tradição, e queremos que todos sintam a magia desse momento ao mesmo tempo em que apresentamos essa novidade em todo mundo. É um privilégio poder unir a culinária junina, a música e momentos especiais em um só lugar, conectando pessoas e celebrando o que há de melhor no Brasil”, destaca Ted Ketterer, head de marketing da Coca-Cola Brasil.

Continue lendo

Empresa

Universal Studios impulsiona o mercado imobiliário na Flórida com novo parque

Publicado

em

A Flórida, conhecida como o “Sunshine State”, está prestes a receber um novo atrativo de peso: a Universal Studios está investindo US$ 1 bilhão na construção do Epic Universe, um novo parque temático, impulsionando a economia local e gerando oportunidades promissoras para o setor imobiliário na região. A empolgação tem seus motivos – entre eles, o fato de que o novo parque será sete vezes maior que o Magic Kingdom, da Disney.

O Epic será o terceiro parque da Universal na Flórida e trará diversas atrações inovadoras, prometendo se tornar um destino turístico imperdível para famílias e visitantes de todas as idades. A construção do parque foi anunciada em 2019, mas por conta da pandemia, teve de ser paralisada. Os trabalhos foram retomados em 2021 e a inauguração está programada para 2025.

Leandro Sobrinho é especialista em investimentos imobiliários na Flórida e sócio da Davila Finance. A empresa, com sede no estado americano, atua em gestão e investimentos e desenvolvimento de novos projetos para imóveis.

Ele destaca o potencial positivo que o novo parque trará para o mercado imobiliário da região. “A construção do parque da Universal Studios é um marco histórico para a Flórida e representa um grande impulso para a economia local. A expectativa é que a demanda por imóveis na região aumente significativamente, especialmente em áreas próximas ao novo parque temático”, comemora.

Não é para menos: a proporção verdadeiramente épica da empreitada se traduz no tamanho do terreno, com 3 milhões de metros quadrados. É o suficiente para abrigar quatro áreas temáticas, incluindo os universos de Harry Potter, Super Nintendo World e Como Treinar Seu Dragão.

Carlos Malagoni, um dos sócios-fundadores da Davila Finance, concorda que faz sentido o investimento pesado no estado. “A Flórida já é um mercado robusto, e este novo desenvolvimento promete impulsionar ainda mais a valorização dos imóveis na região. Com nossa vasta experiência em gerenciamento de diferentes classes de ativos, estamos preparados para ajudar nossos clientes a capitalizar essas oportunidades e obter retornos substanciais”, aponta.

Continue lendo