Conecte-se com a LIVE MARKETING

Eventos

Open For Kings: Budweiser convida público a ser o rei de sua própria história para o Lollapalooza Brasil

Publicado

em

Donos de trajetórias únicas e inspiradoras, Emicida, Drik Barbosa e Djonga são personagens do filme que conta suas trajetórias inspiradoras até alcançarem o sucesso

Para inspirar os fãs de música, Budweiser começa a contar sua história para o Lollapalooza Brasil deste ano. A cerveja oficial do evento apresenta o conceito Open For Kings que dá luz aos Kings of Culture, artistas que construíram um caminho único e inspirador para realizarem seus sonhos e chegarem onde estão.

Personalidades da cena do rap brasileiro e responsáveis por trilharem suas próprias histórias em uma trajetória de resistência e luta, Emicida, Drik Barbosa e Djonga são os Kings of Culture de Budweiser e dão vida ao filme que trata das conquistas de cada um deles. 

Com criação da agência Africa, produção da Stink e direção do YOUTH, a campanha remonta frases icônicas dos Kings, dão o tom do roteiro e mostram a personalidade que cada um deles imprime em seu repertório musical. A partir da frase: “Para quem já mordeu cachorro por comida, até que eu cheguei longe…”, Emicida retrata os desafios vencidos em seu caminho. Com “Eu não faço rap de mina, eu faço rap”, Drik Barbosa mostra a luta pela igualdade no gênero musical predominantemente masculino. Já Djonga traz toda sua força como resultado do apoio coletivo com a afirmação: “Se você olha pro palco e acha que subi sozinho, vê direito”.

“Budweiser quer inspirar os consumidores a serem os próximos Kings e protagonizarem suas próprias histórias. Os nossos Kings foram escolhidos por suas trajetórias únicas que transmitem verdade para seu público”, explica Alice Alcântara, gerente de marketing da marca.

“Como marca, a Bud tem entrado cada vez mais na cena e cultura do rap, um gênero  que sempre teve uma influência enorme no Brasil. Então decidimos aproveitar o Lollapalooza, que para a cerveja é um dos grandes momentos do ano, para falar sobre ser um King, ou seja, uma pessoa protagonista da sua própria história, mas também para entrar neste universo do rap e da cena musical nacional”, comenta Matias Menendez, Diretor Executivo de Criação da Africa.

Continue lendo
Clique para comentar

You must be logged in to post a comment Login

Deixe uma resposta

Eventos

Espaço das Américas passa a se chamar Espaço Unimed

Publicado

em

A partir de agora, o Espaço das Américas, em São Paulo, passa a se chamar Espaço Unimed. Celebrando 20 anos de existência, a tradicional casa de espetáculo paulistana assume pela primeira vez novo nome, em uma ação de naming rights completamente alinhada aos valores da Central Nacional Unimed e ao seu propósito de cuidar não só da saúde física, mas também da saúde mental, promovendo cultura, lazer, diversidade e encontros entre as pessoas. Um investimento que tem como objetivo principal contribuir com experiências positivas para a cidade e o grande público, em sintonia com o olhar de crescimento e diversificação de parcerias estratégicas da marca Unimed.

Para a Central Nacional Unimed, saúde, condição essencial para a vida, vai muito além de cuidados físicos. Inclui estar de bem com a mente, ter boas relações e fazer atividades que tragam prazer à vida. A música e a arte são caminhos para o bem-estar e fatores muito importantes no cuidado com a saúde mental. “É um grande prazer para todos nós, da Central Nacional Unimed, levar a marca Unimed a um espaço que é referência em entretenimento de qualidade para os paulistanos e brasileiros. Democrático, diverso e acessível, o Espaço Unimed é para todas as pessoas, afirmando nosso compromisso em oferecer opções que garantam o bem-estar a todos”, afirma Luiz Paulo Tostes Coimbra, presidente da Central Nacional Unimed.

Ao longo dos anos, a Unimed tem construído uma relação atenciosa e de reciprocidade com as cidades em que atua e na maneira como pode favorecer a qualidade de vida das pessoas. O Espaço Unimed é mais uma das várias ações da Unimed neste sentido. A marca já está presente em São Paulo com o Teatro Unimed e a Academia Unimed, no parque Villa Lobos, com a parceria de guarda-chuvas da Rentbrella, iniciativas de zeladoria de praças em três bairros da capital, além de diversas organizações de investimento social e ambiental (Institutos Unimed), sempre reafirmando seu compromisso com políticas de sustentabilidade e responsabilidade socioambiental.

 

Continue lendo

Eventos

Netza e Embraer levam EVE para Rio2C

Publicado

em

O Rio2C fomenta a convergência entre todas as pontas da economia criativa. De 26 de abril a 1º de maio, na Cidade das Artes, no Rio de Janeiro, o maior evento de inovação da América Latina antecipará tendências e reflexões sobre as dinâmicas do mercado.

A Netza promete atrair a atenção do público com o espaço criado para a EVE, startup da Embraer. Com o conceito  “Mobilidade urbana como você nunca viu”, a martech agency será responsável pela estratégia do estande da marca, que fará a demonstração do eVTOL – seu veículo elétrico de pouso e decolagem vertical – por meio de vídeo explicativo e mockup do projeto. Além das novidades e muito networking no espaço, serão distribuídos brindes que incentivam os visitantes a contribuírem com um mundo mais sustentável.

“Nosso insight foi convidar o público do evento a embarcar no futuro da mobilidade com a EVE e o eVTOL, que será um veículo sustentável, acessível e trará conforto e segurança para as grandes cidades. Para o espaço de exposição, trouxemos um ambiente de aprendizado e convivência para inspirar mentes criativas a ajudarem a EVE a construir soluções para todo um ecossistema, mais tecnológico, verde e sustentável. E essa troca de ideias sobre inovação para fazer um mundo melhor tem tudo a ver com a Netza.”, explica Fábio Pacheco, head de estratégia criativa da Netza.

No dia 29/4 (10h às 11h), a Embraer participará do painel  “O Veículo do Futuro” e falará sobre o desenvolvimento do projeto do eVTOL, trazendo uma abordagem de como o design e a criatividade podem ajudar a revolucionar a mobilidade aérea urbana.

Continue lendo