Conecte-se com a LIVE MARKETING

Agências

Agência especializada em artes visuais fatura R$ 2,7 milhões em ano de retração no mercado

Publicado

em

A pandemia acelerou o amadurecimento do mercado de arte brasileiro no que diz respeito a transição digital e ao universo de NFTs (non fungible token ou, traduzindo, tokens não-fungíveis). Um exemplo de empresa que vem se adaptando a este novo cenário é a Dionisio.Ag, agência full service especializada em arte que nasceu para unir empresas a artistas. Em 2021, ela apresentou crescimento de aproximadamente de 70%, fechando o exercício com faturamento superior a R$ 2,7 milhões.

No mês de agosto, a agência, que tem Caio Castro, Caito Maia (da Chilli Beans) e Carol Paiffer (da Atom S/A) no seu quadro de sócios, expandiu sua atuação no mercado artístico brasileiro e criou a Dionisio Store, um e-commerce voltado para colecionadores e amantes das artes. A primeira peça comercializada foi um print em fine art produzido pelo artista Pardal. Já a segunda obra, foi uma arte extremamente intimista criada por Clara Leff e disponibilizada em fine art e metacrilato. A Dionisio Store está preparando o próximo lançamento ainda para o começo deste ano e trará uma criação exclusiva que será assinada pelo artista Elvis Mourão.

Para Victor Barros, a arte foi fundamental no processo de comunicação das marcas nos períodos mais críticos da pandemia, principalmente no universo digital. “A arte foi uma ferramenta extremamente importante para a comunicação como um todo durante a pandemia. Houve um aumento na demanda por projetos artísticos mesclados com marketing por parte dos clientes que já estão aqui na casa e também de novos clientes que estão vendo, cada vez mais, a arte como ferramenta para gerar diferenciação e exclusividade para o consumidor e o público em geral.”, afirma o responsável pelos novos negócios da agência.

Em 2021, destacam-se alguns projetos. Entre eles, podemos citar a produção do zeppelin que voou nos céus do Rio de Janeiro feito em parceria com a Wieden+Kennedy para a Riot Games, com o objetivo de divulgar a série “Arcane” relacionada ao jogo League of Legends, a ação com a artista Crica Monteiro feita com a EnergyBBDO para a SEDA, marca da Unilever, que fez parte de uma ativação no reality show ‘A Fazenda’, da Record TV, além de duas empenas (fachadas de prédios) em formato de mídia OOH (out of home) pintadas para a Amazon, sendo uma para a Prime Video e outra para a Amazon Music, .

“As perspectivas para 2022 são as melhores possíveis. Se tudo correr bem, as coisas voltarão ao ‘normal’ e os eventos e ativações também terão um retorno meteórico, o que é uma oportunidade excelente para trabalharmos experiências, entretenimento e eventos com nossos clientes”, afirma Jean Paschalis, responsável pelo atendimento da agência.

Para 2022, uma das grandes novidades do grupo é a inauguração oficial da Dionisio House, um espaço localizado na Vila Madalena, em São Paulo, que será uma espécie de extensão ao Beco do Batman. A casa contará com uma área para exposições, eventos, experiências e um rooftop exclusivo, que apresentará uma grande surpresa ao público.

A receita da empresa advém de projetos voltados a street art, que representam cerca de 30% do faturamento bruto, além de outras frentes, como prestação de serviços para agências de publicidade, ilustrações, render, produções de vídeos, intervenções, eventos, exposições, intervenções, motion, 3D, fotografia, esculturas, live painting, pinturas em telas, projeções mapeadas e outras ações relacionadas ao universo da arte.

“Este ano foi desafiador devido às incertezas causadas pela pandemia, o que só torna o resultado obtido ainda mais satisfatório. Para o ano que vem, pretendemos ampliar nossas linhas de negócio através da expansão do nosso e-commerce, com a Dionisio House, um sonho que se tornará realidade, entrando forte no setor de NFTs e com projetos especiais que vão reforçar ainda mais nossa atuação no mercado da arte corporativa”, afirma Rafael Araujo, responsável pela parte de produção dos projetos.

Continue lendo

Agências

Renase assina convenção de 70 anos da Bauducco

Publicado

em

A Renase Eventos, que tem mais de 30 anos de história na produção, organização e logística de eventos corporativos, assinou a convenção da Bauducco, que celebrou os 70 anos da empresa e apresentou as novidades para os próximos meses no que tange as campanhas de marketing e vendas. O evento fechou o Novotel Itu Golf & Resort e trouxe como destaques:

– plenária super moderna com mais de 40m de painel de LED, inclusive aéreos, além da cenografia;

– foyer para recepção e credenciamento dos convidados totalmente customizado;

– corners instagramáveis, abusando das gigantografias;

– personalização completa do resort com a marca Bauducco, com destaque para a área externa e varanda dos apartamentos;

– logística de transporte aéreo e terrestre para reunir, com toda a segurança e conforto, toda diretoria, gerência, departamentos de vendas & marketing, além dos distribuidores de todo o Brasil.

“Desde 2016 realizamos as convenções da Bauducco, mas essa, com certeza, teve um gostinho especial”, afirma Rodrigo Stocco, CEO da Renase. Além dos convidados para a convenção, a agência ainda realizou um encontro paralelo para os franqueados da Casa Bauducco. “O jeito Bauducco de ser foi destaque em meio a toda inovação, tecnologia e ativações que realizamos”, completou Stocco. Entre montagem, realização e desmontagem, foram sete dias de produção, que envolveu cerca de 80 colaboradores diretos e indiretos.

Adriane Galisteu, atriz e apresentadora, foi a mestre de cerimônias da convecção, que também contou com palestra de Lars Grael, duas vezes medalhista Olímpico e que trouxe a motivação e superação como temas centrais para a plenária do evento. Para Camila Lizi Benelli, da Bauducco, contar com a expertise e resiliência do time Renase foi fundamental para o sucesso do evento. “Deixamos Itu com o sorriso de dever cumprido no rosto e com os melhores feedbacks de nossos convidados. Realizar um evento tão importante e complexo como essa convenção implica na total integração e confiança com nossos parceiros”, destacou a cliente.

Continue lendo

Agências

Bullet aposta em startups

Publicado

em

A Bullet, agência de comunicação e engajamento comandada por Fernando Figueiredo, cria modelo destinado exclusivamente para atender startups de tecnologia, como foodtechs, edtechs, fashiontechs, entre outras, com o objetivo de oferecer um custo de marketing sustentável para o estágio em que essas empresas se encontram: é o “Bullet 4 Equity”, uma mistura de prestação de serviço que envolve não só recursos internos da agência, como criação, planejamento, canais e produção, como parcerias com fundos de investimento e consultoria de gestão com board members plugados num modelo de clube.

O serviço é prestado em troca de uma remuneração mínima, mais equity, da empresa e todos os envolvidos nesta consultoria de marketing participam desse clube de gestão.

A Bullet acredita que branding e estratégias de geração de leads e conversão são fundamentais para empresas que precisam provar sua tese. “A agência vem sendo procurada por empresas que estão em estágio inicial e que apresentam um enorme potencial de desenvolvimento”, explica Fernando Figueiredo, CEO da Bullet.

A ideia desse modelo é apoiar empresas que crescem e ganham mercado, mas que ainda não possuem uma verba de marketing estruturada para contratar players ou investir em mídia na medida que precisam.

Com a alta demanda de projetos de startups durante a pandemia, a agência percebeu que poderia trabalhar com esses clientes e entregar mais do que comunicação. “É sobre ajudar as empresas a crescerem por meio de estratégias de marketing, criação de leads, distribuição, vendas, novos canais e oportunidades. Se acreditarmos que podemos agregar valor com nosso trabalho, podemos apostar mais no futuro do que cobrar no presente. Esse mercado tem potencial de crescimento vertical por envolver indústrias não só de comunicação. Além disso, no State, espaço de inovação onde a Bullet montou sua operação, estamos cercados de startups e empresas com foco em inovação. Estamos constantemente ouvindo essa demanda por parte das empresas e demos uma resposta a isso”, finaliza Figueiredo.

Continue lendo