Conecte-se com a LIVE MARKETING

Universo Live

Ray-Ban ocupa prédio e traz instalações artísticas para contar histórias de orgulho e pertencimento

Publicado

em

Idealizado pela Hands projeto acontecerá em prédio revitalizado na Sé, e terá programação artística e musical nos dias 10, 11, 17, 18 e 19 de maio para marcar a campanha #ProudToBelong

A Ray-Ban escolheu um prédio histórico na Sé, no Centro de São Paulo, para contar histórias da campanha #ProudToBelong (Orgulho de Pertencer), lançada globalmente pela marca em abril. O projeto “Ocupação Ray-Ban”, idealizado e realizado pela Hands, acontece em dois finais de semana do mês de maio – nos dias 10, 11, 17, 18 e 19 -, e dará protagonismo a artistas com histórias relevantes de orgulho e pertencimento através de diferentes instalações desenvolvidas especialmente para a ocasião. O espaço será aberto ao público e contará também com atrações musicais e talks com artistas e influenciadores convidados.

Em 21 salas interativas distribuídas em quatro andares, mais de trinta artistas foram chamados pela Ray-Ban para contar suas histórias de pertencimento através de obras autorais. Essas exposições, em formato pop-up, terão como principal objetivo o compartilhamento de experiências que conectam pessoas. No caso, as criações serão o a conexão entre os expositores e o público para passar a principal mensagem de #ProudToBelong dentro de três sentimentos essenciais: vulnerabilidade e empatia, paixão e alegria e confiança e orgulho.

A jornada para inspirar aqueles que constroem a cultura do amanhã traz Speto, mineiro radicado em São Paulo que tem o Hip Hop e o Street Art na construção de sua identidade como artista. Em uma área descoberta no primeiro andar, suas xilogravuras com referências da literatura de cordel contam uma história marcada pela miscigenação – Speto é descendente de índios, africanos e espanhóis. Já a sala que abriga o bar, os shows e os sets de DJs e reúne os neons de Alê Jordão. “Quando levamos o projeto para a Ray-Ban, ele se encaixou perfeitamente na campanha que estava sendo criada globalmente pela marca. O fit foi imediato, e a partir disso começamos a afinar o discurso e o projeto a quatro mãos”, destaca Marcelo Lenhard, CEO da Hands.

No segundo andar, os visitantes poderão encontrar os lambe-lambes do artista Bueno, que também fará um workshop. No mesmo pavimento, estará a poesia da baiana Camila Lordelo e a arte experimental de Gabriel Ribeiro, do Instituto Coletivo. No terceiro pavimento, a multidisciplinaridade de Avaf, a persona artística de Eli Sudbrack, os crochês de Anne Galante, a estamparia colorida de Gabriela Forjaz e os balões coloridos de Flávia Junqueira estão entre as principais instalações. O quarto piso dará espaço a Zeca Gerace, do Estúdio Xingu, e Thiago Toes, com obras premiadas em festivais internacionais.

No térreo, onde ficará localizada a Pop-Up Store da Ray-Ban, uma réplica do prédio onde acontece o evento estará exposta pelas mãos de João Cunha. “A história de pertencimento desses artistas será o ponto chave de nossas ativações e interações com o público”, ressalta Gropp. A produção do evento é assinada pela agência Hands.

MÚSICA E HISTÓRIAS DE ORGULHO E PERTENCIMENTO

Além da programação e de uma Pop-Up Store com novos modelos da Ray-Ban, o prédio da Sé sediará festas abertas ao público nas noites dos dias 10, 11, 17 e 18 de maio e acontecem no primeiro andar. O line-up será formado por nomes como Flora Mattos e os DJs Croma, Balako, Discopedia e Miria Alves. A entrada é franca nesses horários, mas será preciso colocar nome na lista pois o local estará sujeito à lotação.

Completam a programação os talks de artistas, influenciadores e os embaixadores da marca no Brasil para a campanha #ProudToBelong, Leo e Jade Picon. O objetivo dessas conversas com o público será exaltar as histórias de orgulho e pertencimento, além de compartilhar novas experiências.

Continue lendo
Clique para comentar

You must be logged in to post a comment Login

Deixe uma resposta

Universo Live

AMPRO Globes Awards 2021 vai contar com Young Lions no júri

Publicado

em

AMPRO Globes Awards 2021 vai contar com Young Lions no júri

O Young Lions Brazil, liderado por Emmanuel Publio Dias e Celinha Camargos, confirmou o apoio ao AMPRO Globes Awards 2021, a maior premiação do mercado do Live Marketing no país. O Young Lions vai indicar jurados da modalidade “new blood” para compor o júri do Prêmio, que contará com ainda mais representatividade este ano. Uma das possíveis juradas – Carol Pillat – conquistou Prata na categoria Desing na competição internacional do Young Lions este ano.

“Queremos parabenizar a dupla vencedora Carol Pillat e Wally Oliveira e a liderança brasileira no ranking internacional. A AMPRO apoia o Young Lions e é uma honra poder contar com os participantes da competição este ano no AMPRO Globes Awards 2021. É uma forma de trazer ‘sangue novo’ para o júri, que buscará ainda mais diversidade este ano, contando com criativos veteranos, ao lado de jovens, além de igualdade de gêneros, heterogeneidade racial e sexual.”, afirma o presidente executivo da AMPRO – Associação de Marketing Promocional / Live Marketing, Alexis Pagliarini.

A previsão para a abertura de inscrições para o AMPRO Globes Awards 2021 é ainda no mês de julho.

O AMPRO Globes Awards é a versão nacional do The Globes Awards, a maior premiação mundial do Live Marketing criado pela MAA Worldwide, que anualmente reconhece as melhores campanhas em mais de 25 países. Por aqui, os cases inscritos são avaliados nacionalmente e podem ser aprovados também para concorrerem internacionalmente.

O Young Lions tem apoio do jornal Propmark e do Estadão (representante oficial do Cannes Lions no Brasil).

Continue lendo

Universo Live

Red Bull Racing promove corrida entre carro de F1 e avião de ponta-cabeça

Publicado

em

Red Bull Racing promove corrida entre carro de F1 e avião de ponta-cabeça

Imagine uma corrida em linha reta entre um carro de Fórmula 1 e um avião. Para deixar mais emocionante, a aeronave fará o percurso de ponta-cabeça e a pouquíssimos metros do solo. Na sua opinião, quem venceria? O que poderia parecer impossível se tornou real em solo europeu. De modo inédito, a Red Bull Racing Honda desafiou o piloto-acrobático Martin Sonka, campeão mundial do Red Bull Air Race, para um sprint jamais visto. Sob o comando do ex-piloto David Coulthard, o público pode desbravar essa aventura de carona com o escocês pelo novo vídeo “From Castle to Castle”, disponível gratuitamente na Red Bull TV por meio do link https://win.gs/3iFykR2 .

Lançado nesta terça-feira (15), a produção promove uma viagem pelos castelos da República Tcheca e da Eslováquia e coloca o carro de Fórmula 1, modelo RB7, para acelerar em superfícies de paralelepípedo, asfalto e terra batida. O grande confronto final de velocidade foi uma corrida no campo de aviação de Poprad, na Eslováquia. Enquanto Coulthard pisava fundo no RB7, o tcheco Martin Sonka escolheu uma rota alternativa: virou o seu avião Extra 300 SR de ponta-cabeça e, a poucos metros acima do carro, os motoristas ficaram quase olho no olho durante todo o tempo.

“Nós temos uma visão muito limitada dentro dos nossos cockpits e, para voar a um nível tão baixo e invertido, tenho mais ou menos de olhar para frente para poder controlar a altura do avião. O piloto (David) também tem de olhar para frente, contudo, devido aos apoios de cabeça e pescoço que os pilotos de F1 utilizam, ele não consegue olhar para cima. Resolvemos esse problema colocando um pequeno espelho na frente dele para que pudesse me ver e olhar adiante. Foi incrível voar nessa formação, além disso, sou um grande fã de Fórmula 1. Então, ver o carro tão perto da cabine do meu avião foi algo realmente especial”, afirma Sonka.

“Tudo é real. Quando a aeronave está a apenas alguns metros acima do RB7 e de cabeça para baixo, isso é real, essa é a habilidade de Martin. Ele é um profissional de excelência. Eu realmente gosto de ter a oportunidade de pilotar o carro de Fórmula 1 em diferentes países e, aqui na República Tcheca e na Eslováquia, estamos em ruas de paralelepípedos, pistas empoeiradas e algumas belas paisagens com montanhas ao fundo. ‘From Castle to Castle’ tem sido uma jornada de descoberta para mim, além de mostrar o que um carro de Fórmula 1 pode fazer fora da pista”, completa David.

Continue lendo