Conecte-se com a LIVE MARKETING

Digital

Mapa do metrô vira buscador online de imóveis a até 1 km de estações em SP

Publicado

em

Iniciativa da imobiliária paulistana Lello partiu de levantamento apontando que muitos interessados em comprar ou alugar querem que a unidade fique distante a, no máximo, mil metros de um metrô; Vila Mariana e Tatuapé são as estações mais procuradas

A Lello, administradora e imobiliária paulistana com filiais em diferentes bairros da cidade, usou o mapa do metrô paulistano para lançar um buscador online inédito que mostra imóveis residenciais e comerciais localizados a até um quilômetro de estações de metrô (https://www.lelloimoveis.com.br/proximo-ao-metro).

A iniciativa partiu de um levantamento, realizado em 2018, que apontou que nos últimos três meses do ano 50% dos fechamentos de compra e aluguel foram de imóveis com localização de no máximo mil metros de uma estação.

O buscador foi lançado em dezembro, com filtros para cada uma das estações das linhas azul, vermelha, verde, amarela, lilás e prata. Também é possível visualizar as linhas inteiras para escolher o imóvel desejado, seja para comprar, alugar ou permutar. Os agendamentos de visitas são feitos online.

Em um mês de funcionamento, as estações preferidas dos interessados em comprar ou alugar um imóvel foram Vila Mariana, na linha azul, e Tatuapé, na linha vermelha (veja quadro abaixo). A linha azul concentrou 30% das buscas, enquanto a verde e a amarela, 23%, cada uma, e a vermelha, 12%. A linha lilás teve 10% das consultas por imóveis e a prata, 2%.

Os 10 mil imóveis disponíveis no buscador são identificados com o símbolo do metrô e da linha correspondente, informando a distância exata para a estação mais próxima.

Na busca, o interessado irá visualizar, por exemplo, um imóvel padrão de 90 metros quadrados na Vila Mariana, com dois dormitórios, dois banheiros e uma vaga na garagem, com aluguel mensal a R$ 2 mil, e saber que a unidade está a 293 metros da estação Vila Mariana (azul), 637 do metrô Chácara Klabin (lilás-verde) e 837 metros da estação Ana Rosa (azul-verde).

“A mobilidade urbana é uma das principais preocupações dos paulistanos, que buscam cada vez mais morar nas proximidades de estações de metrô ou outros modais sobre trilhos, o que diminui consideravelmente o tempo dos deslocamentos”, afirma ElaineFouto, gerente de Marketing da Lello Imóveis.

Ela destaca que a ferramenta é uma inovação no mercado, um novo e moderno jeito de fazer negócio, pois permite uma busca mais direcionada e aprofundada.

 

Estações mais procuradas para quem busca imóveis em São Paulo (fonte: Lello Imóveis)

 

Compra

Classificação Estações

1

Vila Mariana

2

Tatuapé

3

Saúde

4

Santa Cruz

5

Ana Rosa

6

Paraíso

7

Tucuruvi

8

Vila Prudente

9

Praça da Árvore

10

Carrão


Aluguel

Classificação Estações

1

Vila Mariana

2

Tatuapé

3

Santa Cruz

4

Saúde

5

Tucuruvi

6

Paraíso

7

Santana

8

Carrão

9

Ana Rosa

10

Vila Prudente
Continue lendo
Clique para comentar

You must be logged in to post a comment Login

Deixe uma resposta

Digital

Estudo aponta que a presença de negros na publicidade digital não aumenta no Dia da Consciência Negra

Publicado

em

A mais recente pesquisa do Elifegroup e da agência SA365 indica que o Dia da Consciência Negra não tem impacto significativo na presença de negros e pardos na publicidade digital. A análise é um recorte do estudo anual sobre “Diversidade na Comunicação de Marcas em Redes Sociais”, em que foi identificado que a presença de pessoas negras e pardas aumentou apenas 4% em 2020 quando comparado ao ano anterior.

Mesmo durante o mês de novembro, marcado pelo dia da consciência negra, a participação de pessoas pretas e pardas nas publicações de marcas não aumenta e é inferior a meses anteriores, como em abril – com 95 publicações – e maio – com 98 de posts registrados -. Estes números, associado à análise de conteúdo das publicações no período, indicam que não há impacto significativo ou publicações específicas para marcar a data na publicidade digital.

Continue lendo

Digital

Dicas de marketing digital para você aplicar na Black Friday

Publicado

em

Falta pouco para a Black Friday 2021, após a longa crise causada pela pandemia do novo coronavírus. O evento, que acontece no próximo dia 26, deve ser um pouco diferente este ano, por conta das mudanças no padrão de consumo das pessoas, que foi bastante alterado durante a pandemia. Sobretudo por conta do isolamento social, as compras online ganharam ainda mais força no último ano e fortaleceram os canais de compras digitais, como os e-commerces.

Pensando nisso, o Rafael Guandalini, CMO da Hardcore Digital, listou seis dicas de marketing digital para aplicar na Black Friday.

Confira abaixo:

1) Faça Bem As Contas Antes De Dar  Descontos

Não entre na “pilha” do momento e saia oferecendo descontos aleatórios que no fim te tragam prejuízos na operação. Mais importante do que vender muito, é sair com saldo positivo.

2) Ofereça algo para quem já é seu cliente e já te conhece

Este é um ótimo público para a Black Friday, porque eles já conhecem, você consegue impacta-los sem precisar investir, e eles só precisam de uma boa oferta para comprar seu produto ou contratar seu serviço.

3) não pense apenas em baixar o preço

Ao invés de pensar no caminho mais fácil, que é baixar o preço, seja criativo. Pense em oferecer kits de soluções ou dê como brinde para seus clientes um produto ou serviço que eles possam conhecer, por exemplo. Assim você faz uma ação especial na Black Friday que vai te render frutos no médio e longo prazo.

4) Utilize as redes sociais para divulgar bem suas ações

Aqueça sua audiência, crie uma antecipação do que vai rolar de especial utilizando suas redes sociais, em especial o Instagram. Isso vai gerar desejo nas pessoas desde cedo e fazer com que elas reservem uma verba do que elas vão gastar na data.

5) Crie uma lista de pessoas interessadas em participar da sua Black Friday

Divulgue as suas ações especiais de Black Friday e peça que as pessoas se cadastrem na sua lista de e-mails para serem avisadas de quando as vendas vão ser iniciadas. Isso fará com que você fique com estes contatos das pessoas para outras ações no futuro, além de evitar que sua campanha caia no esquecimento dos clientes.

6) Utilize o gatilho mental da escassez na hora de divulgar suas ofertas

Além de oferecer uma condição especial, pense também em limitar o número de produtos ou serviços que você irá oferecer na data. Ao comunicar um número limitado, e avisar as pessoas de que as coisas estão se esgotando, a tendência é que o público fique mais propenso a agir mais rapidamente.

Continue lendo