Conecte-se com a LIVE MARKETING

Digital

Influenciadoras digitais compartilham suas experiências sobre viajar sozinhas

Publicado

em

Projeto ‘Viajando Sozinha’, organizado pelo buscador momondo, entrevistou 7 mulheres de diferentes perfis

Quase 20% das brasileiras preferem viajar sozinhas a viajar com companhia*, e este tema tem sido abordado por cada vez mais influenciadoras digitais. Sete destas influenciadoras participam do projeto ‘Viajando sozinha’, em que compartilham as suas experiências com viagens solitárias em entrevistas organizadas pelo buscador de voos, diárias de hotéis e aluguel de carros momondo. Elas são as criadoras de conteúdo Amanda Noventa, Natalie Soares, Manuela Hollos e Laura Martins, dos blogs Amanda Viaja, SundayCooks, When in Rio e Cadeira Voadora, respectivamente; a escritora Gaía Passarelli, autora do livro ‘Mas você vai sozinha?’; e as jornalistas Emily Canto Nunes e Marina Azaredo, que compartilham informações sobre viagens e lifestyle no Instagram.

Além de valorizar a produção de conteúdo sobre o tema, a página visa inspirar outras mulheres que desejam seguir o mesmo caminho, e embarcar em viagens solitárias. Cada influenciadora abordou um estilo de viagem diferente – Globetrotter, Aventura, Foodie, Viagens Sustentáveis, Turismo Acessível, Lifestyle e Família (sobre a relação entre viagens solitárias e familiares). As entrevistas, que entraram no ar nesta semana, estão disponíveis no endereço https://www.momondo.com.br/content/viajando-sozinha. O conteúdo deve ser distribuído através das redes sociais do buscador momondo, e a página também sugere dicas de destinos e informações sobre organização de viagens.

Liberdade e planejamento

As mulheres entrevistadas pelo projeto possuem uma característica em comum: viajam como forma de realizar o desejo por liberdade e autoconhecimento. “Quando viajamos com outras pessoas, precisamos negociar o tempo todo. Sozinhas, só gerenciamos a nossa vontade e ganhamos liberdade”, conta Laura, que viaja o mundo junto com sua cadeira de rodas. “Quando viajamos, saímos da nossa rotina, expandimos o nosso olhar, e nos abrimos para oportunidades e sensações, para experimentar coisas que às vezes são muito diferentes do nosso dia a dia”, complementa Natalie.

Já as dicas para mulheres que ainda não viajam sozinhas, mas gostariam, são duas: curtir a própria companhia e planejar a sua viagem. “Meu conselho para quem está começando é primeiro fazer coisas sozinha na sua própria cidade, depois ir para uma cidade próxima. É preciso saber se curtir, se divertir sozinha”, recomenda Amanda. Já a orientação de Gaía é “pesquisar muito sobre os lugares e fazer seguro viagem sempre”. Emily destaca que estar só é estar muito bem acompanhada: “você ainda é a sua melhor companhia! Estreite esse laço.”
 

*De acordo com dados de 2017 do Ministério do Turismo, disponíveis em: http://www.brasil.gov.br/noticias/turismo/2017/03/pesquisa-aponta-que-17-8-das-mulheres-brasileiras-preferem-viajar-sozinhas

Continue lendo
Clique para comentar

You must be logged in to post a comment Login

Deixe uma resposta

Digital

Seara é o mais novo cliente da Raccoon

Publicado

em

A Seara, uma das maiores empresas do ramo alimentício do País, passa a fazer parte da carteira de clientes da agência de digital full service Raccoon. A parceria foca nas áreas de Performance e Comunicação do Qlab, laboratório digital da marca de alimentos, que passa por uma sofisticação para ampliar seu modelo e operação para gerar mais impacto no negócio e nos indicadores de marca.

De acordo com o sócio-fundador da Raccoon, André Palis, isso mostra maior competitividade online e mais força na digitalização. “Ao aprimorar o QLab, conseguimos sofisticar a operação e aumentar a conversão”, afirma o executivo.

Para fortalecer a performance, a Raccoon trabalhará com um Squad Multidisciplinar, o qual é estruturado em duas frentes principais: Performance e Comunicação. Em Performance, os serviços utilizados serão de Mídias Pagas (nutrição de todo o funil da jornada do consumidor) e Feed Manager (gestor interno para adequação entre mídias). Na comunicação, o destaque fica para Criação (conceitos, artes e textos) e Community Management (monitoramento, interação e metrificação da comunidade nas redes).

Raphael Vianna, head de mídia e e-commerce da Seara, avalia a parceria. “A mudança rápida no comportamento dos consumidores e nos modelos de negócios da indústria de alimentos criou a necessidade de sofisticar a nossa operação de mídia, dados e canais digitais. Para isso, buscamos parceiros especialistas em cada disciplina do QLab para continuar gerando impacto relevante no negócio e nos indicadores de marca”.

O trabalho conjunto nessas frentes envolverá os times de Mídias Pagas, Social Media e Design da agência. “Nosso compromisso é auxiliar na compreensão do público e guiá-lo por toda sua jornada. Não é só dar as mãos, claro, mas fazer com que a experiência seja incomparável. A partir daí, a análise dos resultados em Data Viz deixa claro os impactos de cada ação”, finaliza Palis.

Continue lendo

Digital

Warner Bros. lança game Back 4 Blood com ações em redes sociais

Publicado

em

O game Back 4 Blood, publicado pela Warner Bros. Games, está chegando ao mercado e vai contar com uma campanha nacional de divulgação e entregas da Execution focadas em conteúdo e mídia digital.

 

Entre as iniciativas previstas, um dos destaques foi a Super Live de Lançamento, que incluiu entrevista com os produtores da Turtle Rock, estúdio responsável pelo desenvolvimento do jogo, além de quiz e participação de gamers, influenciadores, curiosidades, apresentação de gameplay, trailers e vídeos sobre cada um dos 16 personagens, entre sentinelas e contagiados. Em paralelo, as redes sociais do Warner Play ganham uma personalização completa, com capas e avatares alusivos ao universo de Back 4 Blood.

 

Outra ação é “Qual Sentinela ou Contagiado é você?”, para criar uma conexão das pessoas com os personagens. Com uma série de stories, a campanha vai apresentar cada uma das opções, convidando a comunidade a escolher seu favorito.
A campanha marcará presença nos meios digitais, com mídia no Facebook, Twitter, IGN, Central Box, Taboola e Vidoomy, com o objetivo de comunicar aos fãs a chegada do Back 4 Blood e apresentar sua jogabilidade e enredo.

 

“Estamos adotando uma estratégia digital para criar engajamento com os fãs do jogo. A ideia é unir a comunidade em torno dos personagens e criar um espírito colaborativo, que é uma das características do próprio Back 4 Blood”, explica Fernanda Cepollini, CSO da Execution.

Continue lendo