Conecte-se com a LIVE MARKETING

Eventos

Evento teve faturamento de R$ 3,5 milhões e recebeu público de 27 mil pessoas

Publicado

em

“Estamos certos de que o Salão do Artesanato fará parte do calendário de eventos de São Paulo”, comemora Leda Simone C. Alves, diretora executiva da Rome Eventos

O 11º Salão do Artesanato, maior vitrine do artesanato brasileiro, realizado pela primeira vez em São Paulo, no Expo Center Norte, de 7 a 11 de novembro, recebeu um público de 27 mil pessoas, considerado bom para uma primeira edição do evento no estado, com um faturamento na casa dos R$ 3,5 milhões.

“Recebemos um púbico qualificado, que entende o grande valor agregado às peças comercializadas. Muitos dos visitantes estavam focados em negócios, ou seja, nas vendas por atacado. Aproximadamente 350 lojistas visitaram a feira, o que garantiu negócios a longo prazo para um número significativo de artesãos”, comenta Leda Simone C. Alves, diretora executiva da Rome Eventos, promotora do Salão do Artesanato.

Além das obras de aproximadamente 1.000 profissionais de 25 estados e do Distrito Federal, os visitantes puderam participar de oficinas, prestigiar a gastronomia regional brasileira e os espetáculos musicais.

De acordo com Leda Simone C. Alves, a 11ª edição do Salão do Artesanato foi desafiadora. “O grande estímulo era passar para os paulistanos a grandiosidade do evento e sua singularidade pela convergência do que há de melhor na produção artesanal do Brasil. O resultado alcançado nesta primeira edição nos motiva a continuar com o projeto em São Paulo. Em 2019 vamos ampliar o número de artesãos e a área de gastronomia típica. Estamos certos de que o Salão do Artesanato fará parte do calendário de eventos de São Paulo”, celebra Leda.

A feira

Foram milhares de produtos artesanais da mais alta qualidade e com grande valor cultural agregado, além de trabalhos executados em materiais como madeira, barro, cerâmica, fios, tecidos, sementes, fibras, capim, bambu, prata, metais, couro e muitos outros elementos transformados em objetos de decoração, utilitários, móveis, roupas, joias, bijuterias e acessórios.

Para a cenografia do evento foram utilizadas peças artesanais produzidas por artesãos do Goiás, Ceará e Bahia. Mais de 1000 flores foram produzidas pelo artesão Elcio Pereira, do estado de Goiás, para compor o portal de entrada do evento. No espaço destinado a receber a Praça dos Mestres, foram utilizadas peças de mobiliário e tapeçaria do artesão Tião Piauí (DF) e do Juão da Fibra (GO).

Na praça de alimentação, os visitantes puderam degustar receitas da culinária típica das cinco regiões do Brasil. Acarajé, escondidinho de carne seca, feijão tropeiro, galinhada, pato no tucupi, tacacá, macarrão de comitiva pantaneira, isca de pintado, arroz de carreteiro e vaca atolada foram alguns dos pratos servidos por chefs de cozinha de São Paulo. O espaço foi montado em parceria com a Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel-SP).

A Secretaria Especial de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário (SEAD) e o Ministério do Turismo (MTur) também participaram do 11º Salão do Artesanato com o “Mercado da Agricultura Familiar”, que contou com a presença de 15 micro empreendimentos que expuseram e comercializaram seus produtos. Esse espaço também contou a presença de chefs renomados como Gabriel Gaeta, Eloi Leite, Jane Pereira e Zeca Amaral, que participaram do workshop “Cozinha-Show”. Todos os ingredientes utilizados na preparação dos pratos foram produzidos por agricultores familiares.

Entre as apresentações musicais, o 11º Salão do Artesanato contou com a presença dos compositores e cantores Renato Teixeira e Gabriel Sater, além do violonista Yamandu Costa e os Bois de Parintins, que se apresentaram com o cantor e multi-instrumentista Leonardo Castelo Gomes. Para fechar com chave de ouro, o grupo Dois Dobrado, formado por Marcelo Lima (Voz e Triângulo), Jonas Virgulino (Voz e Sanfona), Jorge Silva (Voz e Cavaquinho) e Will Nascimento (Voz e Zabumba), embalou o público com um forró animado.

Salão do Artesanato – realizado há dez anos consecutivos, o Salão reúne o que há de melhor na produção artesanal do Brasil. Com o apoio do Programa do Artesanato Brasileiro (PAB), o evento conta com a participação de 25 estados, além do Distrito Federal (DF), o que garante uma variedade significativa de produtos. Em outras edições, a feira recebeu mais de 50 mil visitantes, cerca de 1500 artesãos e um volume de negócios superior à casa dos 5 milhões de reais. Os artesãos que participam do evento são selecionados em todos os estados pela alta qualidade de suas peças e pelo valor cultural agregado às suas produções. São peças com grande identidade, geralmente confeccionadas com matérias primas de reaproveitamento, da natureza e feitas de forma totalmente manual. A presença de mestres artesãos reconhecidos pelo IPHAN como patrimônio vivo de seus estados é outro grande atrativo do evento. A feira já recebeu espetáculos de artistas como Maria Rita, Arnaldo Antunes, Guilherme Arantes, Luiza Possi, entre outros.

Continue lendo
Clique para comentar

You must be logged in to post a comment Login

Deixe uma resposta

Eventos

ShowIn lança campanha para socorrer artistas afetados pela crise

Publicado

em

Após um ano de pandemia, o setor da cultura se configura como um dos mais atingidos pela crise. Impedidos de exercer o seu ofício por conta da Covid-19, profissionais do ramo, que representam mais de 2,5% do PIB, vêm passando por muitas dificuldades. Com objetivo de contribuir para a manutenção do setor e dar luz a diversos artistas, o ShowIn (http://www.showin.tv/) acaba de lançar uma campanha solidária que pretende não só ajudar financeiramente, mas dar “palco” para apresentações virtuais e possibilitar a remuneração das performances.

A plataforma, criada pelo empreendedor Dio Trotta e o cantor e compositor Orlando Morais, irá beneficiar os 100 primeiros artistas que se inscreverem no site e agendarem suas lives. As apresentações deverão ser realizadas a partir da segunda quinzena do mês.

“Profissionais da cultura vêm sofrendo seu último suspiro. Eles pararam suas atividades há um ano por conta da Covid-19 e hoje, um ano depois, estamos passando pelo pior momento da pandemia. Com isso, muitos artistas estão inclusive passando fome. Apesar de todas as dificuldades, inicio uma campanha para ajudar 100 profissionais da cultura com R﹩ 100 para cada um. Sei que não é o suficiente, mas espero que seja de grande ajuda nesse momento tão delicado”, declara Dio Trotta.

Lana Rox e LeMak se apresentam no ShowIn em abril

Na agenda da plataforma em abril, já estão confirmadas lives de artistas como Lana Rox, cantora e compositora carioca da gravadora Midas Music, do produtor musical Rick Bonadio, que interpretará músicas autorais de Rock/Rap e alguns covers de bandas que fazem parte do seu leque de influências; Guilherme Scabin, que levará clássicos acústicos da década de 1980; Diogo Berlim, vocalista da banda Lemak, que fará um show intimista, no formato voz e violão, com músicas do grupo carioca de Rock e MPB; e o cantor e compositor carioca Dom Gabriel, que apresentará seu show autoral “No Violão e Na Voz”, tocando músicas de seu trabalho com a banda Nefentz no formato acústico, entre outras novidades.

SERVIÇO – LIVES SHOWIN
http://www.showin.tv/

Dia 15 de abril (quinta-feira)
20h às 21h – Lana Rox/ Ingresso: R$ 5

Dia 17 de abril (sábado)
16h às 17h – Guilherme Scabin/ Ingresso: R$ 5

Dia 19 de abril (segunda-feira)
20h às 21h – Lemak/ Ingresso: R$ 5

Dia 21 de abril (quarta-feira)
18h às 19h – Dom Gabriel / Ingresso: R$ 5

Continue lendo

Eventos

Oscar 2021 promete ser histórico tanto para os fãs de cinema quanto para as marcas

Publicado

em

A maior e mais aguardada premiação do cinema mundial volta às telas da TNT em 25 de abril: a 93ª Cerimônia do Oscar. Em 2020, a premiação conquistou a liderança de toda a Pay TV com 28% mais televisores ligados que o segundo colocado¹, sendo sua maior audiência dos últimos 13 anos2.  Tendo em vista seus parceiros, a WarnerMedia desenvolveu novos pacotes de entrega para aumentar ainda mais a conexão entre público e marcas.

 Marcas no Oscar 2021

Para aprimorar a presença das marcas no Oscar 2021, a TNT fundamentou as ações em dois pilares: relevância e eficiência por meio das redes sociais e transmissão ao vivo,  além de aproveitar toda a força de cross channel dentro do portfolio do grupo. Em todos os momentos do pré, durante e pós-premiação, as marcas terão a possibilidade de levar conteúdos exclusivos e customizados a milhares de fãs.

Como case de sucesso, a Fiat se destacou na edição 2020 com um cold open em parceria com a Fernandinha. Confira:

Especialistas em cultura pop

Em um formato inédito, a TNT estreou em setembro O Esquenta TNT, programa que antecede as premiações mais importantes do ano. Apresentado sempre por grandes nomes, como por exemplo Aline Diniz, Carol Ribeiro e Tiago Abravanel, já chegou  a alcançar mais de 400 mil pessoas, sendo veiculado simultaneamente no YouTube e canal linear da TNT.

Além disso, as plataformas digitais da TNT contam com um time especialista em cinema e cultura pop para comentar cada minuto da premiação em uma live de mais de 3 horas de duração. No ano passado, a live do Oscar da TNT teve quase um milhão de visualizações.

A Jeep aproveitou muito bem toda essa audiência! Confira a ação da marca durante a live de 2020:

 Engajamento digital

A TNT dá espaço para que os patrocinadores participem dos conteúdos digitais também, isso pode acontecer de duas maneiras:

  • TAKEOVER TNT: Sempre durante as premiações, um dos talentos da TNT estará nos stories comentando direto de casa os acontecimentos relevantes da noite.
  • RADAR AWARDS: Todo mês há posts com novidades do universo pop assinados pela marca.
  • PLAYLISTS DO YOUTUBE: Mais do que assinar uma peça, os patrocinadores têm a chance de desenvolver série de conteúdos tailor-made.

 

Matéria publicada no portal de notícias AdNews. Se quiser mais informações sobre o mundo da publicidade e do marketing acesse: https://adnews.com.br/

Continue lendo