Conecte-se com a LIVE MARKETING

Empresa

Bowler desenvolve e implementa plano para apresentar uma ‘nova Dasa’ ao mercado

Publicado

em

Mais de 20 iniciativas integradas visam aproximar a Dasa de seus públicos e contar sobre o novo momento da companhia

Líder brasileira em medicina diagnóstica e maior empresa da América Latina, a Dasa adotou uma nova identidade e posicionamento que simbolizam o novo momento da empresa e sua visão para o futuro: criar conexões inteligente para a saúde. Para comunicar ao mercado sobre as mudanças, a companhia conta com a agência bowler, parceira em iniciativas de comunicação, marketing, digital e PR institucional, que desenhou um plano para aproximar a Dasa de seus públicos e materializar as inovações da empresa – que passou por um importante processo de transformação nos últimos 3 anos. “Frente tantos resultados positivos em qualidade, excelência e inovação, percebemos que era hora de nos aproximarmos dos nossos públicos para contarmos sobre a ‘nova Dasa’ que vivemos hoje. Adotar uma nova identidade acabou sendo reflexo da transformação interna da empresa.”, diz Emerson Gasparetto, VP da área médica da Dasa.

O plano desenvolvido e coordenado pela bowler contribui com a apresentação aos colaboradores, médicos, imprensa e steakholders de uma Dasa mais alinhada ao seu atual momento, que visa promover conexões que transformam dados em informação relevante e geram um cuidado inteligente com a saúde.

A virada de marca foi realizada na segunda-feira, 10. O kick-off foi em apresentação do CEO aos 20 mil colaboradores da Dasa em todo o País, via Workplace (ferramenta de comunicação interna da empresa). Na sequência, o CEO recebeu jornalistas de negócios e saúde para um almoço no restaurante Skye e, à noite, houve um evento para em torno de 250 convidados, realizado em parceria com a produtora Batuque, repleto de interações tecnológicas. O evento contou com a presença do aclamado speaker internacional Dave deBronkart, palestrante do TED que esteve no Brasil pela primeira vez a convite da Dasa, para compartilhar sua visão sobre a nova relação médico-paciente, que se transforma a partir da adoção exponencial dos recursos tecnológicos.

Para marcar o momento da Dasa no ambiente digital, um novo site foi desenvolvido pela bowler (www.dasa.com.br), que passa a abrigar também um hub de informações sobre inovação e tecnologia aplicadas à saúde. O DasaHub atuará como uma curadoria dos melhores conteúdos na área, no Brasil e no mundo, com o papel de fomentar o debate sobre o futuro da saúde. “Esta frente de publishing já estava ativa, em formato piloto, desde maio, por meio de canais no Medium e Facebook. Neste ‘soft opening’, os conteúdos já alcançaram mais de 1 milhão de pessoas e, a partir do lançamento do novo site, nossa estratégia se intensificará”, diz Marcelo Mearim, diretor de marketing da Dasa. O ambiente digital contou ativações próprias e um novo enxoval para as redes sociais.

O planejamento de ações inclui, ainda, um filme publicitário que contribui para apresentar a ‘nova Dasa’ por meio de um manifesto em primeira pessoa. Em outra frente, foi anunciada uma premiação voltada para a área médica, em conjunto com a Editora Abril, além de fóruns e seminários de conteúdo em parceria com o jornais Folha de S.Paulo e Valor Econômico, com o propósito de ampliar o acesso à informação e o debate sobre as questões do setor de saúde.

“Fazer parte desse processo de renovação da Dasa é muito rico para a bowler. São mais de 20 iniciativas de comunicação, que começaram no dia 10/set, e visam tornar a Dasa mais próxima de seus mercados.”, conta Maria Claudia Bacci, sócia da agência Bowler. “Temos muita admiração pelo projeto de transformação que o time da Dasa desenvolveu nos últimos 3 anos, e ficamos felizes em ajudar a o contar essa história ao mercado. Criamos um planejamento estratégico muito focado em conteúdo e relacionamento, com ferramentas 360º em canais on e off.”, conclui Eduardo Severi, sócio da Bowler.

Continue lendo
Clique para comentar

You must be logged in to post a comment Login

Deixe uma resposta

Empresa

Marca de Alimentos Preparados da Friboi expande portfólio

Publicado

em

De

A Anglo, marca de alimentos preparados da Friboi, acaba de lançar quatro sabores exclusivos de carne mista: alho, bacon, picanha e pimenta. Os novos produtos incorporam o portfólio da empresa, que também conta com carne bovina em conserva, feijoada, feijões, almôndegas, fiambre e salsichas (tradicional e ao molho).

 

A Anglo tem forte atuação no Norte do país, onde pode ser encontrada nos principais pontos de venda nos sete estados da região, tanto nas redes varejistas e de atacado quanto pequenos estabelecimentos comerciais. Seus produtos são reconhecidos por atributos como qualidade, praticidade, conveniência, sustentabilidade e acessibilidade para todos os consumidores.

Continue lendo

Empresa

Empresas adotam nova estratégia para impulsionar o negócio, atingir metas e fortalecer a Cultura Organizacional durante a pandemia

Publicado

em

De

Em meio à crise causada pela pandemia da Covid-19, as empresas se viram diante de enormes desafios. Além de se reinventarem na forma de trabalhar, precisaram colocar em prática uma nova estratégia capaz de alinhar equipes, motivar funcionários e, sobretudo, de trazer soluções efetivas para atingir metas e resultados para o negócio. Neste cenário, têm sido bem-sucedidas as Jornadas de Aprendizagem desenvolvidas pela agência Nuts. Estes programas virtuais combinam educação corporativa e o desenvolvimento de competências com atividades em equipes que, por sua vez, conseguem trazer soluções reais para os problemas que as companhias já enfrentam ou vislumbram no horizonte.

Em 2020, a Nuts viabilizou projetos totalmente customizados para Renner, Kroton e Itaúsa, que alcançaram um total de 18.310 pessoas e exigiram 194 horas de live streaming, ao longo de 24 dias de execução, sem contar o período de desenvolvimento e planejamento estratégico.

“Diferentemente de eventos – virtuais ou presenciais – que acontecem em apenas um dia, as Jornadas de Aprendizagem da Nuts têm maior duração e abrem muitas oportunidades. São modulares, com formato e conteúdos customizados, e colocam em prática iniciativas que trazem resultados concretos para todas as áreas da empresa e ainda fortalecem a Cultura Organizacional”, explica Rodrigo Martins, sócio-diretor da agência. Para realizar projetos com esse formato, a Nuts combinou a experiência de 10 anos de atividades com sua expertise em consultoria estratégica de comunicação, design e produção de conteúdo; além de uma gestão que sempre priorizou investimentos em tecnologia de ponta. “Criamos uma plataforma multifuncional exclusiva e um estúdio especial para interações virtuais”, destaca Martins.

Os clientes têm ganhos de curto, médio e longo prazos. No curto prazo, as empresas conseguem entregas imediatas de projetos-piloto, protótipos e soluções, criados pelos funcionários no decorrer do programa. A médio e longo prazos, a capacitação dos colaboradores resulta em performances melhoradas e no desenvolvimento de competências, tanto individuais como corporativas, que geram valor para a empresa.

“Realizamos atividades que promovem o trabalho colaborativo e inclusivo, fomentando sinergias e fazendo com que os times fiquem mais alinhados. Temos uma equipe de facilitadores de aprendizagem, com mentores e tutores experientes que conduzem os processos”, complementa Leandro Duarte, também sócio-diretor da Nuts.

Um outro diferencial das Jornadas de Aprendizagem é a aplicação de uma metodologia de aprendizagem autônoma e autodirigida, em que os próprios participantes escolhem, entre os assuntos programados, que querem aprender e quando. Os conteúdos customizados podem ter foco em Upskilling, por exemplo, que é o aprimoramento dentro do campo de atuação do profissional que, assim, desenvolve suas qualificações atuais. Pode, também, ser voltado ao Reskilling, que é uma requalificação, ou seja, o aprendizado de novas habilidades para tornar o profissional apto a realizar um trabalho diferente.

Investimentos em tecnologia ajudam a criar uma nova experiência.

Para chegar a um formato eficaz para as Jornadas de Aprendizagem, a Nuts venceu o desafio de trazer para o ambiente virtual elementos capazes de atrair e engajar os participantes. “Com cerca de R$ 700 mil em investimentos, criamos a Hazel, uma plataforma multifuncional exclusiva e customizada de alta performanceque opera como um hub de conteúdo e engajamento. Além disso, montamos o Fábula Nuts, estúdio próprio e único, em São Paulo, pensado especialmente para plateias e interações virtuais”, diz Rodrigo Martins.

Segundo o executivo, storytelling; curadoria e cocriação de conteúdos atrelados aos objetivos do clientes; utilização de games, que trazem elementos lúdicos e atraentes; e até palestrantes internacionais, convidados com custos menores do que em eventos presenciais, são recursos que tornam as Jornadas de Aprendizagem programas que favorecem a geração de conhecimento e a retenção do aprendizado.

“Criamos uma experiência nova quando transformamos o formato presencial em uma ação digital completa. Conseguimos entregar uma solução inteligente para o mercado, ajudando as empresas a pensarem em novas formas de alcançar os melhores resultados”, diz Leandro Duarte acrescentando que, com as inovações na oferta de serviços, a Nuts terminou 2020 com resultados positivos, apesar das dificuldades da conjuntura econômica.

Continue lendo

Empresa

Comércio conversacional pode alavancar e-commerce nos mercados emergentes

Publicado

em

De

É fato que o comércio eletrônico bateu recordes em 2020 com o aumento da demanda na pandemia, já que as restrições de circulação faz com que os consumidores realizem mais compras online.

Desafios dos mercados emergentes

Apesar desse aumento significativo no setor, dados mostram que o e-commerce ainda não é uma solução definitiva para alguns mercados emergentes pelos seguintes motivos:

  1. Falta de conhecimento digital

Segundo o relatório Global Skills Ranking, que mede uma série de indicadores de acesso a Tecnologia como: penetração de internet, acesso a banda larga, posse de dispositivos móveis, criação de websites, desenvolvimento de aplicativos assim como conhecimentos básicos de tecnologia, o Brasil está em 59º lugar entre 134 países, se classificando como país atrasado. Essa posição no ranking ainda dificulta uma maior adoção e desenvolvimento de sites de e-commerce. 

  1. Tecnologia dos celulares utilizados

Uma pesquisa realizada pela Counterpoint, revela que os celulares utilizados pela maior parte da população brasileira são aparelhos mais baratos e com menos tecnologia, não permitindo a instalação de muitos aplicativos.

  1. Planos de internet

O terceiro ponto tem relação com o plano de internet dos brasileiros, 62% dos usuários de celular possuem planos pré-pagos, o que significa que o download e utilização de aplicativos é algo caro para a maior parte dos usuários. Em contrapartida no Brasil acontece uma utilização massiva em aplicativos como Facebook e Whatsapp. 

Todos esses fatores acabam sendo uma barreira para compras online, ao ponto que 76% dos brasileiros nunca compraram online.  

Oportunidades para o comércio conversacional nos mercados emergentes

Por conta desses desafios, o comércio conversacional, ou aqueles que se utilizam de plataformas de conversação como WhatsApp e o Facebook Messenger, aparecem como uma grande solução para empresas que querem se conectar de forma rápida, eficiência e orgânica com seus consumidores. Essas soluções são especialmente importantes porque não requerem que os usuários tenham celulares de última geração ou um grande plano de dados para navegar em sites de e-commerce. 

Uma solução de comércio conversacional que vem ganhando espaço, e que recentemente recebeu investimento do brasileiro Eduardo Saverin, é a Yalo Chat, uma empresa especializada em chatbots. A gigante do comércio conversacional nos contou em entrevista exclusiva como no chatbots há diversas maneiras de se aproximar de seus alvos são inúmeras, basta você ter uma boa estratégia.

 

Matéria publicada no portal de notícias AdNews. Se quiser mais informações sobre o mundo da publicidade e do marketing acesse: https://adnews.com.br/

Continue lendo

Tendências