Conecte-se com a LIVE MARKETING

Empresa

105 milhões de brasileiros devem ir às compras para o Dia dos Pais, indica pesquisa CNDL/SPC Brasil

Publicado

em

Em média, consumidores pretendem gastar R$ 190 com os presentes, gerando no comércio movimento de cerca de 20 bilhões de reais; metade deles (52%) pretende comprar itens de vestuário

A lenta recuperação do atual cenário econômico no país não parece ter desanimado os filhos brasileiros. Muito pelo contrário: de acordo com levantamento realizado pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) nas 27 capitais brasileiras, 67% dos consumidores pretendem ir às compras por conta do Dia dos Pais. A taxa representa um aumento de seis pontos percentuais em relação a 2018. Na prática, isso significa que aproximadamente 105 milhões de pessoas devem comprar presentes para entregar a seus entes queridos no segundo domingo de agosto.

Para a alegria do varejo, o valor que os entrevistados pretendem dispender com os “mimos” também subiu: em média, pretende-se gastar R$ 189,98, R$ 41 a mais do que em 2018 – gerando no comércio um movimento de cerca de R$ 20 bilhões. Os dados indicam uma maior popularização daquela que é considerada por muitos, por não injetar no mercado cifras tão expressivas quanto o Dia das Mães, o Dia dos Namorados e o Natal, o “patinho feio” das datas comemorativas.

Mas isso não significa que todos os entrevistados pretendem investir mais na compra do presente: A maior parte (43%) dos entrevistados deve comprar apenas um presente e apenas 26% devem gastar mais para agradar o pai. Destes, 43% querem adquirir presentes melhores e 28%, aproveitar o aumento do seu salário. A maioria (38%), no entanto, planeja gastar o mesmo valor do ano anterior. Enquanto isso, 21% querem gastar menos – 37% com o objetivo de economizar, 31% motivados pelo orçamento apertado e 20% pelo desemprego.

O fato de já terem perdido o pai foi o motivo apontado por metade (50%) dos 23% que não têm intenção de usar a data como justificativa para presentear. Já 16% não têm contato com o pai e outros 10% não pretendem comprar presentes por falta de dinheiro.

53% dos consumidores acreditam que preços dos presentes estarão mais caros em comparação a 2018

Ainda que a trajetória recente da inflação venha se mantendo em patamares abaixo da meta, mais da metade (53%) dos entrevistados julga que os presentes estão mais caros do que no ano anterior. Por outro lado, 42% acreditam que estão na mesma faixa de preços e apenas 5% que os produtos estão mais baratos.

“A sensação de que os presentes estão mais caros tem relação com as dificuldades que o consumidor tem enfrentado para manter seu orçamento em dia. Com a economia em marcha lenta, o desemprego se mantém elevado e o poder de compra segue em baixa, o que exige das famílias um malabarismo para conseguir cumprir com todos os compromissos financeiros” – explica o presidente do SPC Brasil, Roque Pellizzaro Junior.

Para lidar com o encarecimento dos produtos, oito em cada dez consumidores (78%) pretendem pesquisar e comparar os preços antes de finalizar as compras. Desses, 71% costumam realizar as pesquisas na internet, sendo que a maioria (72%) utiliza sites de busca, 56% sites de comparação de preço, 45% sites de varejistas e 28% em sites ou aplicativos de ofertas. Lojas de shopping (55%) e lojas de rua (47%) também foram citados pelos consumidores como locais de pesquisa de preços.

Outra forma de driblar os preços mais altos sem deixar a figura paterna de mãos abanando é dividir o valor do presente, ao invés de adquiri-lo sozinho: 14% dos entrevistados pretendem dividir o presente com outra pessoa, motivados principalmente pela redução de gastos (36%), pela vontade de dar um presente melhor e mais caro (17%) e pelo desemprego (16%). Desses, 37% pretendem dividir o valor do presente com irmãos, 31% com a mãe e 22% com o cônjuge. A maioria (80%), no entanto, ainda prefere arcar sozinha com os gastos.

Itens de vestuário lideram o ranking de presentes para o Dia dos Pais. 82% pretendem pagar à vista

Metade (51%) dos entrevistados disse que pretende comprar o presente de Dia dos Pais na primeira semana de agosto (principalmente as mulheres), enquanto 13% provavelmente acabarão deixando para a véspera. Assim como no ano passado, as roupas correspondem à maior parte das intenções de compra para a data (52%), seguidas de perfumes e cosméticos (36%), calçados (30%) e acessórios (26%), como meias, cinto, óculos, carteira e relógio.

Os principais fatores que influenciam os consumidores na escolha do local de compra são o preço (52%), a qualidade dos produtos (40%), os descontos e promoções (40%) e a diversidade de produtos (29%). Quatro em cada dez (38%) consumidores pretendem realizar suas compras nos shoppings. Enquanto isso, 27% planejam adquirir os produtos na internet, 19% em shoppings populares e 17% em lojas de bairro.

Oito em cada dez entrevistados (82%) pretendem pagar o presente à vista, principalmente no dinheiro (48%, com destaque para as classes C, D e E) e no cartão de débito (29%, aumento de sete pontos percentuais em relação a 2018). Por outro lado, 31% preferem comprar a prazo (especialmente as classes A/B), principalmente no cartão de crédito (26%, sobretudo as classes A/B) e numa média de quatro parcelas.

20% dos entrevistados costumam gastar mais do que podem para presentear no dia dos pais

Ainda que a maioria siga a tradição de presentear os pais, muitos estendem a gentileza para aqueles que consideram sua figura paterna: 18% planejam comprar algo para o esposo e 11% para o sogro, o que indica um aumento de quatro pontos percentuais em relação ao ano anterior.

O problema surge quando a vontade de demonstrar gratidão se sobrepõe à responsabilidade sobre as finanças pessoais: 20% dos entrevistados costumam gastar mais do que podem com os presentes de Dia dos Pais e 8% pretendem deixar de pagar alguma conta para realizar a compra, sobretudo entre as classes C, D e E. Além disso, três em cada dez (33%) dos que pretendem presentear estão atualmente com contas atrasadas, sendo que 68% deles estão com o nome sujo.

“Para os que estão com pendências financeiras, o certo é ajustar o orçamento pessoal e deixar o presente para outra ocasião, quando as despesas estiverem equacionadas. Não há nada de errado em demonstrar afeto por meio de um presente, mas é importante lembrar que essa não é a única forma de agradecer. Passar o dia na companhia do pai ou oferecer ajuda em projetos pessoais, por exemplo, também são formas de reconhecer e apreciar o valor de alguém em nossas vidas”, indica o educador financeiro do SPC Brasil, José Vignoli.

Metodologia

A pesquisa ouviu, em um primeiro levantamento, 1.148 consumidores de ambos os sexos, todas as classes sociais e acima de 18 anos nas 27 capitais para identificar o percentual de pessoas com intenção de comprar presentes para o Dia dos Pais. Em seguida, continuaram a responder o questionário os 805 consumidores que tinham intenção de compra. A margem de erro é de 3,4 p.p no primeiro caso e 2,9 p.p no segundo, para um intervalo de confiança a 95%. Baixe a íntegra da pesquisa em https://www.spcbrasil.org.br/pesquisas

Continue lendo
Clique para comentar

You must be logged in to post a comment Login

Deixe uma resposta

Empresa

Grupo V3A ativa sete marcas na etapa Oi Rio Pro da World Surf League

Publicado

em

213 Sports, vertical de esportes do Grupo V3A, e a agência V3A, farão as ativações de sete marcas patrocinadoras da etapa brasileira do World Surf League Championship Tour, a Oi Rio Pro apresentada por Corona,8ª etapa da temporada. O evento será realizado entre os dias 23 e 30 de junho, na Praia de Itaúna, em Saquarema, no litoral do Rio de Janeiro.

“A presença das marcas em Saquarema, através de ativações junto ao público presente no evento, reforça a importância da parceria entre 213 Sports e a WSL, e da modalidade no posicionamento estratégico das empresas. Mais do que apenas visibilidade de marca, essas ações se preocupam em oferecer experiências únicas, capazes de cativar todos os perfis de fãs do surfe, desde os que acompanham a competição na areia, até os que a seguem através das redes sociais”, afirma Pedro Dau de Mesquita, cofundador e diretor comercial da 213 Sports.

A Oi é mais uma vez patrocinadora da etapa Brasil do Circuito Mundial, e terá presença marcante na praia de Saquarema. Além de oferecer serviços de conectividade de alta performance para torcedores e a transmissão do Oi Rio Pro apresentado por corona, a marca terá um estande de 55 metros quadrados onde o público irá usufruir de uma experiência imersiva. Utilizando tecnologia de realidade aumentada, os participantes entrarão em uma onda e experimentarão a perspectiva de um surfista, mostrando que com Oi Fibra, todo mundo pode surfar em alta velocidade.

Outra atração da marca no evento é a personalização em tempo real das pranchas que serão entregues como troféus aos vencedores das competições masculina e feminina da etapa. O trabalho será realizado pela ilustradora e designer Caró Lago e pelo artista plástico e grafiteiro Kajaman, eternizando nos troféus os momentos vividos durante o campeonato.

Patrocinadora da WSL desde 2019, a Havaianas levará ao evento a sua ‘Loja Surfável’, inédita no Brasil e que utiliza a tecnologia Dry Wave para proporcionar uma experiência única aos visitantes. Em uma piscina de bolinhas que replica o balançar do mar, e sobre boias no formato característico das Havaianas, os visitantes pouco familiarizados com as ondas poderão experimentar as sensações do surf sem tirar os pés da areia. A ação será registrada através de conteúdos instantâneos, que serão disponibilizados para download.

Já o TikTok, que recentemente firmou parceria para cobertura dos eventos da WSL no Brasil até 2023, levará à Saquarema um espaço dedicado a criação de conteúdos para o surfe. Na área externa do estande, atletas e espectadores poderão ainda desfrutar de uma infraestrutura completa com cadeiras, cangas, redes e boias para quem quiser acompanhar o campeonato com o pé na areia.

A plataforma estreia ainda o #TikToknaAreia, programa organizado em quatro núcleos (Estúdio, Areia, Acesso e Backstage) e que trará a cobertura de tudo  o que rola em Saquarema durante a competição, como os resultados das baterias, entrevistas com os atletas, conteúdos de creators parceiros e uma mesa redonda com análise dos rounds e dos desempenhos de cada surfista.

Em sua ação, a 51 Ice apresentará a ação “Ai se fosse um surfstar – Um dia de astro da WSL com a 51 Ice”. Nela, os participantes serão entrevistados igual aos atletas da WSL, e terão de improvisar uma resposta de até 1 minuto, que será gravada e disponibilizada aos usuários, permitindo o compartilhamento nas redes sociais. Após a participação na ação, os concorrer a prêmios exclusivos, sendo o principal deles a oportunidade de desfrutar do Mirante 51 Ice, um lounge localizado no segundo piso do espaço da marca e que oferecerá uma vista exclusiva e degustação dos seus produtos.

A Localiza, por sua vez, vai levar para as areias de Saquarema um estande interativo, com diversas atrações para o público presente. Entre elas está a participação do renomado artista Bruno Br. Ícone do surfe brasileiro, ele colocará sua arte em pranchas que farão parte de um concurso do portal de conteúdos de turismo “Vai Por Mim”. Outra presença de destaque é a da surfista Érica Prado, que apresentará diariamente o Boletim Localiza, vídeos de 1 minuto sobre curiosidades do evento. De encontro à proposta de sustentabilidade da Companhia e da WSL, o estande é feito com 85% de materiais que poderão ser reciclados no final do evento. Além disso, o público poderá conferir o carro elétrico Bolt EV no estande e conhecer de perto o funcionamento do modelo 100% elétrico da Chevrolet.

A Australian Gold, marca de proteção solar, levará pela primeira vez à Saquarema um estande para quem quer curtir o campeonato com conforto e proteção. A marca convida para uma experiência “Feeling Gold” em sua ativação, com lounge, chuveiros e um rooftop com ambientação e câmera slow motion para produção de conteúdo. Além disso, haverá uma roleta de gamefication com distribuição de brindes todos os dias do campeonato.

Já a BFGoodrich, que há 150 anos fabrica pneus para entusiastas que procuram desafios, superação e aventuras em todos os tipos de terreno, estará em Saquarema com um estande inspirado nas tradicionais garagens americanas. Nele, os visitantes poderão realizar recarga em seus celulares e tablets, interagir com os influenciadores pet da Família Surf Dog ( Bono, Cacau, Malibu e Moqueca), e ainda concorrer a pranchas feitas pelo lendário surfista brasileiro Rico de Souza e personalizadas ao vivo com artes exclusivas do artista saquaremense Avnil do Art.

Continue lendo

Empresa

Ana Maria Braga expande parceria com a Predilecta Alimentos

Publicado

em

A Predilecta Alimentos, maior indústria alimentícia do país, celebra a renovação do contrato com sua embaixadora, a apresentadora Ana Maria Braga, por mais 18 meses. A parceria, que se iniciou no começo do ano de 2021, reforça agora, com a expansão contratual, os bons frutos que ambos colheram.

Durante o período inicial, a apresentadora foi o rosto da marca, levando sua influência no mundo da gastronomia para os lares brasileiros, estando, também, à frente das campanhas promocionais da Predilecta, como a Cozinha Completa. Além disso,  Ana Maria esteve ao lado da marca em um ano especial: o aniversário de 32 anos da empresa. Segundo a equipe de marketing da Predilecta, foi uma honra tê-la ao lado em um período de tantos aprendizados e novidades.

Para Kléber Mendonça, gerente de marketing da Predilecta, essa é uma conquista muito importante e que reforça os princípios da marca. “Todos esses meses que estamos com a Ana Maria só reforçou o quanto ela é uma mulher querida, respeitada e influente no mundo das gastronomia. Para nós, é de extrema importância tê-la somando no time e reforçando que a Predilecta é uma marca de tradição familiar e feita para todos”, complementa.

Continue lendo